Dourados – MS domingo, 14 de julho de 2024
10º
Saúde

Comissão aprova proposta que cria plano de atenção à doença pulmonar obstrutiva crônica

Projeto ainda será analisado por outras duas comissões da Câmara antes de ir para o Senado

21 Jun 2024 - 06h30Por Noéli Nobre, Agência Câmara de Notícias
Dorinaldo Malafaia, relator da proposta na comissão   - Crédito: Vinicius Loures/Câmara dos Deputados  Dorinaldo Malafaia, relator da proposta na comissão - Crédito: Vinicius Loures/Câmara dos Deputados

A Comissão de Saúde da Câmara dos Deputados aprovou o Projeto de Lei 949/24, que cria um plano nacional de atenção à doença pulmonar obstrutiva crônica (DPOC), para ser desenvolvido pelo Sistema Único de Saúde (SUS).

A proposta, da deputada Flávia Morais (PDT-GO), foi aprovada por recomendação do relator na comissão, deputado Dorinaldo Malafaia (PDT-AP).

Atualmente, conforme o Ministério da Saúde, a DPOC é a terceira causa de óbitos no mundo, e o tabagismo contribui com 80% dos casos da doença respiratória caracterizada pela obstrução crônica das vias aéreas.

Embora não tenha cura, a doença – que pode se manifestar por meio de uma bronquite ou de um enfisema pulmonar – é tratável com medicamentos e reabilitação pulmonar.

Diretrizes
A proposta enfatiza a prevenção, o diagnóstico precoce, o tratamento adequado e a promoção da qualidade de vida dos pacientes. Assim, serão diretrizes do plano nacional:

  • a promoção de políticas públicas para a redução dos principais fatores de risco, especialmente o tabagismo, a exposição à fumaça de biomassa e a poluição atmosférica, por meio de ações intersetoriais;
  • o diagnóstico precoce e o tratamento adequado e oportuno;
  • o fortalecimento da atenção primária à saúde, como porta de entrada prioritária para o diagnóstico e manejo da doença, garantindo a continuidade do cuidado e a coordenação do cuidado com outros níveis de atenção à saúde;
  • a capacitação contínua dos profissionais de saúde em todos os níveis de atenção, incluindo médicos, enfermeiros, fisioterapeutas, nutricionistas e psicólogos, para o manejo adequado da doença, com ênfase na abordagem multidisciplinar; e
  • a implementação e o fortalecimento de programas de reabilitação pulmonar nos diferentes níveis de atenção à saúde, visando melhorar a capacidade funcional, a qualidade de vida dos pacientes e reduzir as exacerbações e hospitalizações.

Parcerias
União, estados, Distrito Federal e municípios desenvolverão essas iniciativas em parceria. Agentes comunitários de saúde e de combate a endemias deverão participar de atividades de prevenção e de acompanhamento dos pacientes.

Pelo texto, o plano nacional será revisto a cada dois anos, para adequação às necessidades da população. Deverá haver colaboração com entidades para a atualização das práticas no atendimento conforme as evidências científicas.

Protocolo
Dorinaldo Malafaia observou que o projeto resgata os termos do Protocolo Clínico e Diretrizes Terapêuticas adotado no SUS e propõe alguns avanços, como a  implementação da telessaúde e de sistema de informação. Por isso, ele acredita que seria possível encaminhar os pontos complementares ao protocolo para que os gestores da saúde no País os adotem.

Como, no entanto, a avaliação da constitucionalidade da proposta será feita posteriormente pela Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania, Malafaia recomendou a aprovação da matéria. “A proposta reproduz e aprimora ações desenvolvidas no Sistema Único de Saúde para o enfrentamento de um problema bastante grave e disseminado.”

Próximos passos
O projeto tramita em caráter conclusivo e ainda será analisado pelas de Finanças e Tributação e de Constituição e Justiça e de Cidadania. Para virar lei, a medida precisa ser aprovada também pelos senadores.

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Saúde recomenda atenção para casos de febre Oropouche no país
Saúde

Saúde recomenda atenção para casos de febre Oropouche no país

13/07/2024 21:00
Saúde recomenda atenção para casos de febre Oropouche no país
Saúde de MS ganha nova ferramenta digital para evitar judicialização de processos
Judiciário

Saúde de MS ganha nova ferramenta digital para evitar judicialização de processos

13/07/2024 15:00
Saúde de MS ganha nova ferramenta digital para evitar judicialização de processos
Promotora de Justiça palestra em evento sobre solução de conflitos na área da saúde
Campo Grande

Promotora de Justiça palestra em evento sobre solução de conflitos na área da saúde

13/07/2024 12:00
Promotora de Justiça palestra em evento sobre solução de conflitos na área da saúde
Vacina nacional contra covid está em fase avançada, diz ministra
Saúde

Vacina nacional contra covid está em fase avançada, diz ministra

13/07/2024 11:00
Vacina nacional contra covid está em fase avançada, diz ministra
Hospital Universitário é reconhecido pela Anvisa pelo quarto ano consecutivo
Saúde

Hospital Universitário é reconhecido pela Anvisa pelo quarto ano consecutivo

13/07/2024 07:45
Hospital Universitário é reconhecido pela Anvisa pelo quarto ano consecutivo
Últimas Notícias