Dourados – MS quinta, 26 de novembro de 2020
Dourados
35º max
24º min
Influx
Imaculada-Mobile
Educação

Ano letivo de 2021 deve ser iniciado com aulas presenciais, afirma Secretária de Educação de MS

08 Out 2020 - 17h00Por G1MS
Ano letivo de 2021 deve ser iniciado com aulas presenciais, afirma Secretária de Educação de MS - Crédito: Átilla Eugênio/TV Morena Crédito: Átilla Eugênio/TV Morena

O ano letivo de 2021 deve ser iniciado com aulas presenciais nas escolas estaduais de Mato Grosso do Sul. É o que afirmou Cecília Motta, secretária estadual de educação, em entrevista ao G1 nesta quinta-feira (8), três dias depois do anúncio de que o ano letivo de 2020 será encerrado por aulas remotas no estado.

De acordo com Cecília, o estado já está com o protocolo preparado e materiais escolares e de higienização comprados, para o ano letivo ser iniciado de maneira presencial. Segundo a secretária, o ano de 2020 será encerrado "normalmente", com as aulas remotas. "Estamos tendo avaliações, terá recuperação, nem todos os alunos vão passar de ano. Aí em 2021 começa outro ano letivo e os objetivos de aprendizagem que faltaram em 2020, serão repostos remotamente", afirmou.

A secretária de educação de Mato Grosso do Sul explicou que serão realizadas avaliações diagnósticas de português e matemática no mês de novembro para identificar os alunos que estão precisando de reforço. "Em fevereiro, será feito outro diagnóstico e quem continuar precisando de reforço ou reposição de aulas, será orientado a fazê-las remotamente, paralelo ao ano letivo normal", disse.

Cecília, que também é presidente do Conselho Nacional de Secretários de Educação (Consed), ainda explicou o motivo de refutar a ideia de juntar os anos letivos de 2020 e 2021 e continuar com ensino remoto até o fim do próximo ano, diretriz aprovada na última terça-feira (6) pelo Conselho Nacional de Educação (CNE).

"O CNE e o Ministério da Educação tem escutado os secretários, então fizeram uma diretriz bem aberta, deixando a cargo das secretarias estaduais optar ou não pela junção. Aqui, percebemos que o cenário que ficou mais fácil foi de resolver, foi terminar 2020. Achamos que ficaria muito complexo adotar essa proposta do CNE por envolver alunos que poderiam mudar de escola, por exemplo, e diversas outras questões que dificultavam a junção dos anos letivos", afirmou.

A Rede Estadual de Educação (REE) conta com cerca de 210 mil alunos divididos em 345 unidades escolares. Ainda não há uma data prevista para o início do ano letivo de 2021.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Educação

Candidatos infectados por covid-19 terão nova chance de fazer Enem

24/11/2020 11:19
Volta às aulas da Rede Estadual prevê ensino híbrido em 2021
Educação

Volta às aulas da Rede Estadual prevê ensino híbrido em 2021

24/11/2020 10:15
Volta às aulas da Rede Estadual prevê ensino híbrido em 2021
Unicef cria podcast para ensinar cultura afro-brasileira
Educação

Unicef cria podcast para ensinar cultura afro-brasileira

20/11/2020 13:19
Unicef cria podcast para ensinar cultura afro-brasileira
Forças Armadas vão auxiliar na logística e segurança do Enem
Enem

Forças Armadas vão auxiliar na logística e segurança do Enem

18/11/2020 12:26
Forças Armadas vão auxiliar na logística e segurança do Enem
Metade das vagas dos vestibulares da UFGD é reservada para estudantes de escola pública
Educação

Metade das vagas dos vestibulares da UFGD é reservada para estudantes de escola pública

18/11/2020 08:13
Metade das vagas dos vestibulares da UFGD é reservada para estudantes de escola pública
Últimas Notícias