Dourados – MS sexta, 03 de julho de 2020
Dourados
20º max
min
Política

PT quer ter hegemonia no comando de cargos federais

23 Mai 2011 - 22h51
Vander Loubet diz que o PT quer comandar os principais cargos federais no Estado - Crédito: Foto : Brizza Cavalcante – Asgêncdia CâmaraVander Loubet diz que o PT quer comandar os principais cargos federais no Estado - Crédito: Foto : Brizza Cavalcante – Asgêncdia Câmara
Campo Grande - O PT de Mato Grosso do Sul costura em Brasília um projeto que visa garantir exclusivamente a integrantes da legenda a direção dos órgãos federais com escritório no Estado.

A iniciativa contaria inclusive com o aval da Casa Civil, pasta comandada pelo ministro Antonio Palocci, pivô de mais um escândalo que ameaça acometer o Palácio do Planalto na era petista.

O projeto que garantiria hegemonia do PT no comando dos cargos federais foi anunciado pelo deputado federal Vander Loubet (PT), no fim de semana.

O parlamentar disse que os petistas de MS miram no atual momento as direções do Incra, Ibama e Funasa, este último órgão hoje nas mãos de Flávio Brito, que garantiu a sua permanência à frente da pasta na última semana, graças à interferência principalmente do deputado federal peemedebista Geraldo Resende.

Ao mesmo tempo em que garantiu que o PT já tem praticamente acertadas as indicações para os comandos do Ibama e do Incra, Loubet ressaltou que a sigla opera para, com o aval da Casa Civil, tirar Brito do comando da Funasa regional.

“O Brito vai deixar o comando da Funasa em MS. Isso já foi acertado em Brasília”, afirmou Loubet, que garantiu que o PT teria vários nomes para emplacar na direção da Fundação Nacional de Saúde no Estado.

O deputado petista disse que estão na lista desses nomes, por exemplo, os ex-deputados estaduais Pedro Teruel e Amarildo Cruz, do PT.

Ele falou que o PT também poderia vir a apoiar os nomes da professora universitária e advogada Tatiana Ujacow (PV), que disputou como vice de Zeca do PT as eleições ao governo em 2010, e do ex-deputado federal Dagoberto Nogueira (PDT), aliado tradicional dos petistas em MS.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Bolsonaro escolhe Renato Feder para ser novo ministro da Educação
POLÍTICA

Bolsonaro escolhe Renato Feder para ser novo ministro da Educação

há 53 minutos atrás
Bolsonaro escolhe Renato Feder para ser novo ministro da Educação
Denize Portolann assina Termo de Recondução ao mandato de vereadora
Dourados

Denize Portolann assina Termo de Recondução ao mandato de vereadora

01/07/2020 15:54
Denize Portolann assina Termo de Recondução ao mandato de vereadora
Câmara pode votar hoje proposta que adia eleições deste ano
Eleições

Câmara pode votar hoje proposta que adia eleições deste ano

01/07/2020 13:00
Câmara pode votar hoje proposta que adia eleições deste ano
Projeto

Projeto proíbe incluir nome de novo cônjuge em certidão de divórcio

01/07/2020 12:34
Publicado decreto que torna sem efeito nomeação de Decotelli
MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO

Publicado decreto que torna sem efeito nomeação de Decotelli

01/07/2020 09:40
Publicado decreto que torna sem efeito nomeação de Decotelli
Últimas Notícias