Dourados – MS quinta, 13 de maio de 2021
Dourados
26º max
14º min
Política

PSDB quer recompor frente na Capital

03 Jun 2011 - 22h17
Azambuja diz qdue PSDB encomendou pesquisas para sondar a melhor opção - Crédito: Foto : DivulgaçãoAzambuja diz qdue PSDB encomendou pesquisas para sondar a melhor opção - Crédito: Foto : Divulgação
Campo Grande - A alta cúpula do PSDB em Mato Grosso do Sul se movimenta na tentativa de impedir eventuais candidaturas já anunciadas pelo DEM e pelo PPS à Prefeitura de Campo Grande em 2012.

A saída na instância municipal seria a reedição do BDR (Bloco Democrático Reformista) com o qual as três legendas caminharam juntas nas eleições do ano passado à Presidência da República.

O anúncio sobre a possibilidade de se manter essa frente partidária no próximo pleito foi feito na manhã de ontem pelo presidente regional do PSDB, deputado feeral Reinado Azambuja.

O maior temor da cúpula tucana é que DEM e PPS mantenham a ideia de candidatura própria na Capital, o que, segundo analistas, poderia dificultar os planos do PSDB que almeja fazer o sucessor do prefeito Nelsinho Trad (PMDB), ano que vem.

Há dias, as direções do DEM e do PPS apontaram respectivamente como possíveis candidatos à sucessão municipal os nomes do deputado federal Luiz Henrique Mandeta e do vereador Athayde Nery, presidentes regionais dos dois partidos.

Para analistas, a ideia de candidatura isolada do DEM e do PPS teria saído da cabeça do governador André Puccinelli (PMDB) como forma de neutralizar o PSDB, que tem como eventual candidato o nome do próprio Azambuja.

Outra alternativa dos tucanos para enfrentar o PMDB nas eleições muncipais do ano que vem seria indicar o nome da senadora Marisa Serrano, que deve recuar devido ao seu interesse em disputar com o deputado estadual Antonio Carlos Arroyo (PR) uma vaga no TCE (Tribunal de Contas do Estado).

Hoje aliados dos peemedeistas nos planos municipal e estadual, o PSDB se diz disposto a enfrentar o deputado federal Edson Giroto (PR), que teria a preferência de Puccinell ou, no caso, um representante do PMDB, dividido entre o vice-prefeito e secretário de Desenvolvimento Econômico, Edil Albquerque, o secretário de Habitacão e deputado estadual licenciado Carlos Marun, e o presidente da Câmara de Vereadores da capital, Paulo Siufi.

O presidente da executiva regional do PSDB assegura que já conversou sobre a reativação do bloco tanto com Mandeta quanto com Athayde.

Em entrevista à imprensa, Azambuja adiantou que o PSDB encomendou a realização de pesquisas qualitativas e quantitativas a fim de sondar a melhor opção em reais condições de enfrentar as urnas em 2012.

O deputado, que em outras oportunidades se manifestou interessado em postular o cargo de prefeito, garantiu, desta vez, que nada está definido em relação ao candidato tucano, lembrando ainda que as pesquisas encomendadas pela cúpula do PSDB devem apontar outros eventuais nomes à sucessão de Nelsinho Trad.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Presidente Bolsonaro visitará assentamento de MS na sexta
Política

Presidente Bolsonaro visitará assentamento de MS na sexta

11/05/2021 15:52
Presidente Bolsonaro visitará assentamento de MS na sexta
Justiça determina que Câmara exonere comissionados
Dourados

Justiça determina que Câmara exonere comissionados

10/05/2021 16:30
Justiça determina que Câmara exonere comissionados
Política

Novos secretários da Casa Civil e da Cidadania tomam posse nesta segunda-feira

10/05/2021 10:30
Obras do Governo do Estado passam de R$ 1 bilhão em Dourados
IMPRESSO

Obras do Governo do Estado passam de R$ 1 bilhão em Dourados

08/05/2021 09:00
Obras do Governo do Estado passam de R$ 1 bilhão em Dourados
Deputado Marçal garante castramóvel para Dourados
IMPRESSO

Deputado Marçal garante castramóvel para Dourados

08/05/2021 08:00
Deputado Marçal garante castramóvel para Dourados
Últimas Notícias