Dourados – MS domingo, 16 de fevereiro de 2020
Dourados
34º max
24º min
Política

Prefeito de Laguna Carapã perde recurso no TJ e deve deixar o cargo

08 Out 2019 - 16h35Por Redação
Prefeito de Laguna Carapã perde recurso no TJ e deve deixar o cargo - Crédito: Tribuna 1 Crédito: Tribuna 1

O TJMS (Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul) negou nesta terça-feira (8), por unanimidade, o recurso do prefeito de Laguna Carapã, Itamar Bilibio (MDB) e manteve a sentença de improbidade administrativa de 10 de agosto de 2018 proferida pelo juiz José Domingues Filho.

A decisão determina a perda da função pública, suspensão dos direitos políticos por três anos e proibição de contratar com o poder público direta ou indiretamente por três anos.

O julgamento do recurso, realizado por desembargadores da 1ª Câmara Cível, seria realizado em maio, mas foi adiado para hoje.

O prefeito chegou a ser afastado do cargo em julho do ano passado acusado de nepotismo ao nomear a esposa como secretária. O afastamento, porém, durou apenas dois dias.

Já em relação a improbidade, o processo está ligado a contratação de pessoal sem concurso público e irregularidades em nomeações de cargos comissionados em 2013. Ele entrou com recurso e permaneceu no cargo desde então.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Barbosinha diz que candidatura a prefeito de Dourados é irreversível
Política

Barbosinha diz que candidatura a prefeito de Dourados é irreversível

14/02/2020 12:26
Barbosinha diz que candidatura a prefeito de Dourados é irreversível
Política

Braga Netto vai coordenar os ministros, diz Bolsonaro

14/02/2020 07:15
Partidos começam a indicar nomes para comissão da reforma tributária
política

Partidos começam a indicar nomes para comissão da reforma tributária

14/02/2020 06:52
Partidos começam a indicar nomes para comissão da reforma tributária
Congresso

Votação dos vetos da LDO é adiada pelo presidente do Congresso

13/02/2020 07:28
Por 12 votos a 6, Pepa é absolvido e garante mandato na Câmara
Dourados

Por 12 votos a 6, Pepa é absolvido e garante mandato na Câmara

12/02/2020 10:29
Por 12 votos a 6, Pepa é absolvido e garante mandato na Câmara
Últimas Notícias