Dourados – MS sábado, 19 de junho de 2021
Dourados
18º max
12º min
IMPRESSO

“Não temos identificado excessos”, diz Laudir sobre gastos com viagens

08 Mai 2021 - 07h00Por Valdenir Rodrigues
“Não temos identificado excessos”, diz Laudir sobre gastos com viagens -

O presidente da Câmara Municipal de Dourados, Laudir Munaretto, avaliou como natural os gastos de R$ 57 mil para custear viagens de vereadores durante a pandemia. Em nota, enviada ao O PROGRESSO, o parlamentar disse que “por se tratar do início de uma legislatura em que a maioria dos vereadores exercem o primeiro mandato, é natural que muitos parlamentares procurem cursos, seminários e congressos para se capacitarem cada dia mais para o exercício de suas funções”.

Ele continua: “A maioria dessas formações acontece em Campo Grande. Regimentalmente, a Câmara possui mecanismos legais para ajudar os vereadores a custearem despesas de deslocamento, alimentação e hospedagem. Apesar disto, não temos identificado abusos nem excessos no número de solicitações de diárias, por parte de vereadores e servidores. Entendemos a gravidade da pandemia e temos conscientizado todos os membros da Casa da importância de adotarmos todas as medidas de biossegurança necessárias para evitar a proliferação da Covid-19, independentemente da ocasião e do local que estivermos”.

As afirmações de Laudir, são uma resposta à matéria veiculada na edição passada, que mostrou que em meio a pandemia, a Casa de Leis gastou de R$ 57,6 mil com diárias de viagens, contrariando uma recomendação do ParlAmericas dirigida especificamente aos parlamentares do mundo todo para que façam a restrição de todas as viagens internas e internacionais não essenciais.

Apesar das orientações, tanto da Organização Mundial da Saúde quanto do ParlAméricas, os vereadores e assessores de Dourados gastaram R$ 37.675,00 em diárias de viagens somente no ano de 2020, quando teve início a pandemia. Nos quatro meses de 2021, com nova legislatura, já foram gastos R$ 19.955,00 com a mesma finalidade. A medida pode ser encarada como incoerente, tendo em vista que a Câmara chegou a implantar sessões remotas para incentivar o distanciamento e o “Fique em Casa”, vetando e restringindo o acesso do público nas sessões ordinárias. Enquanto esses valores vão para viagens não essenciais, outras áreas do serviço público padecem de atenção. O município passa um momento de calamidade pública, com números alarmantes de casos de Covid-19 e sobrecarga do sistema de saúde.

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Deputados solicitam agilidade na tramitação da autorização da autorregulação ferroviária
Política

Deputados solicitam agilidade na tramitação da autorização da autorregulação ferroviária

16/06/2021 13:30
Deputados solicitam agilidade na tramitação da autorização da autorregulação ferroviária
ALEMS homenageia engenheiros agrimensores em sessão solene nesta terça-feira
Política

ALEMS homenageia engenheiros agrimensores em sessão solene nesta terça-feira

14/06/2021 14:30
ALEMS homenageia engenheiros agrimensores em sessão solene nesta terça-feira
Adolescente de 15 anos morre atropelado em Dourados
Polícia

Adolescente de 15 anos morre atropelado em Dourados

14/06/2021 08:30
Adolescente de 15 anos morre atropelado em Dourados
Renato Câmara cobra apoio do Governo a família de pacientes
Política

Renato Câmara cobra apoio do Governo a família de pacientes

11/06/2021 15:30
Renato Câmara cobra apoio do Governo a família de pacientes
Política

CPI da Pandemia muda conduta na classificação de documento sigiloso

09/06/2021 17:00
Últimas Notícias