Dourados – MS sábado, 16 de janeiro de 2021
Dourados
29º max
23º min
Influx
Entrevista

Laudir quer ampliar número de sessões e criar TV e rádio Câmara

Presidente da Casa de Leis quer retomar discussão sobre construção de nova sede do Poder Legislativo

09 Jan 2021 - 10h33Por Rozembergue Marques
Laudir quer ampliar número de sessões e criar TV e rádio Câmara - Crédito: Filipe Prado Crédito: Filipe Prado

Ampliar os mecanismos de participação da população, criar a TV e a Rádio Câmara, abrir licitação para construção de nova sede, ampliar o número de sessões. Pelo que se deduz da entrevista concedida a O Progresso, na qual trata destes e outros temas, o vereador Laudir Munaretto (MDB), eleito por unanimidade para presidir a Câmara Municipal, pretende dar nova imagem à Casa. Sem se esquivar de nenhum tema polêmico, Laudir promete “transparência e trabalho” e prevê que o prefeito Alan Gudes terá apoio dos 19 vereadores. 

A última legislatura foi marcada por inúmeras turbulências, o que gerou um desgaste da imagem da Câmara Municipal. O que o senhor pretende fazer para resgatar a imagem da Casa? 

Pretendemos, por intermédio da Mesa-Diretora da Casa e também de todos os vereadores, fazer um trabalho digno, honesto e transparente. Precisamos de um Legislativo forte para fiscalizar o Executivo, apresentar projetos e inovações e contribuir com o desenvolvimento de Dourados. Queremos que seja uma legislatura marcada pelo trabalho, pela lisura e pela participação da população no dia a dia da Câmara de Vereadores.  

Nos últimos anos a Câmara repassou quase a integralidade da sobra de duodécimo para a prefeitura pagar salários. Partindo-se da premissa de que o prefeito Alan equilibre as contas e não precise mais dessa "generosidade" do legislativo, como o senhor pretende investir esses recursos?

A nova Mesa-Diretora da Câmara Municipal de Dourados chega com o compromisso de fazer uma administração transparente e limpa de toda e qualquer mácula. O duodécimo será integralmente investido no Legislativo. Nós temos grandes ideias e desafios, que passam pela construção de uma nova sede, pela implantação da TV e da Rádio Câmara de Dourados e de um aplicativo voltado para melhor divulgar o trabalho de todos os vereadores. Faremos esses investimentos, que são necessários no momento para se administrar a Câmara com eficiência. Todo esse trabalho será feito com muita transparência e integridade.

O senhor cogita abrir licitação para construção de uma nova sede?

Como disse acima, nós pretendemos sim abrir um processo licitatório para a construção de uma nova sede para a Câmara de Dourados. Tudo será feito com muita lisura. Queremos criar uma comissão de acompanhamento do projeto e da licitação, com representantes da sociedade civil, do Ministério Público, da Defensoria Pública e de todas instituições legalmente constituídas, para que todo esse processo seja feito com muita transparência e dentro da legalidade para alcançarmos o nosso objetivo. A construção de uma nova sede é uma necessidade do Poder Legislativo em Dourados. 

Pela sua experiência, o senhor acha que o prefeito Alan enfrentará dificuldades, já que a maioria dos eleitos na Câmara fazia parte de outras campanhas?

Não acredito nesta situação. A Câmara está consciente do papel que precisa exercer e vai prezar pela harmonia com o poder Executivo para o bem de Dourados. Todos os vereadores estão com o intuito de ajudar a administração municipal e querem muito que o município se desenvolva com qualidade de vida e oferecendo um serviço público de qualidade à nossa população. Temos muito trabalho pela frente. Sabemos que a oposição sistemática não traz benefício nenhum para a cidade. A princípio, o prefeito Alan terá o apoio dos 19 vereadores.

O que o senhor acha da estrutura da Câmara? É adequada ao trabalho tanto dos vereadores como dos assessores?

Nós temos muitas dificuldades com as atuais estruturas físicas da Câmara. Dificuldades extremas. Temos muitos problemas que foram resolvidos paliativamente ao longo dos últimos anos. O Legislativo precisa de instalações mais amplas e modernas. Por isso, se faz necessário a construção da nova sede para se oferecer melhor condições de trabalho aos nossos servidores e um atendimento humanizado e de qualidade a nossa população.

O senhor tem alguma ideia para aproximar a população da Câmara, estimulando, por exemplo, a participação nas sessões?

Estamos desenvolvendo um planejamento estratégico para estimular a participação da sociedade no dia a dia do Legislativo e para levar o trabalho da Câmara para perto das pessoas. Temos a meta de resgatar a realização de sessões itinerantes nos bairros e distritos para garantir o contato da população com seus vereadores. Também estamos planejando a criação de um aplicativo para facilitar e agilizar o acesso da população aos serviços da Câmara, além da implantação da TV e Rádio Câmara de Dourados. São ações estruturantes que estão sendo pensadas pela Casa, e com a participação de todos os vereadores. A participação popular é de fundamental importância para que possamos cumprir o papel de fiscalização ao Executivo e elaborar os projetos que venham ao encontro dos anseios da sociedade. Pretendemos colocar todas essas ideias em prática já a partir de fevereiro, quando vamos realizar a primeira sessão ordinária do ano. 

Foi discutida, na legislatura 2013/2016, por iniciativa do vereador Marcelo Mourão, a realização de mais uma sessão, ficando uma para votação e outra para debates. O que o senhor acha desta tese?

Essa discussão é um compromisso assumido pela nova Mesa-Diretora e já foi colocado aos vereadores que teremos, no mínimo, duas sessões semanais, sendo uma para discussão e outra para deliberação de projetos. Isso, com certeza, será colocado em prática nesta nova legislatura.  

O senhor pretende colocar em debate, já nesse começo de legislatura, a volta das sessões presenciais?

Sim, pretendemos. Acreditamos e esperamos que a vacina contra a Covid-19 esteja disponível a todos no mais curto espaço de tempo para que possamos superar esse momento de pandemia e retomar a um quadro de normalidade. É um desejo dos vereadores a volta das sessões presenciais e estamos esperançosos que isso que aconteça no mais curto espaço de tempo.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Psol lança o nome de Erundina para disputar a presidência da Câmara
política

Psol lança o nome de Erundina para disputar a presidência da Câmara

há 19 minutos atrás
Psol lança o nome de Erundina para disputar a presidência da Câmara
Informe C

O plano eleitoral não deu certo e o vice saiu...

16/01/2021 08:04
Prefeitura de Dourados corta 419 cargos comissionados
Política

Prefeitura de Dourados corta 419 cargos comissionados

14/01/2021 13:33
Prefeitura de Dourados corta 419 cargos comissionados
Vereador visita posto de saúde no Novo Horizonte e encontra matagal e escorpião
Dourados

Vereador visita posto de saúde no Novo Horizonte e encontra matagal e escorpião

11/01/2021 09:03
Vereador visita posto de saúde no Novo Horizonte e encontra matagal e escorpião
Kinho assume como unanimidade, mas artistas cobram apoio do prefeito
Cultura

Kinho assume como unanimidade, mas artistas cobram apoio do prefeito

10/01/2021 11:26
Kinho assume como unanimidade, mas artistas cobram apoio do prefeito
Últimas Notícias