Dourados – MS segunda, 15 de julho de 2024
10º
Política

Geraldo Resende assina hoje a ficha de filiação ao PSDB em solenidade em CG

17 Mar 2016 - 06h00
Deputado Geraldo Resende desembarca hoje em Campo Grande para assinar a filiação ao PSDB. - Crédito: Foto: DivulgaçãoDeputado Geraldo Resende desembarca hoje em Campo Grande para assinar a filiação ao PSDB. - Crédito: Foto: Divulgação
Depois de vários dias de conversações, o deputado federal Geraldo Resende (PMDB) aceitou o convite feito pelo governador Reinaldo Azambuja e assina, nesta quinta-feira (17), a ficha de filiação ao PSDB, durante ato simples marcado para sede do diretório regional do partido, em Campo Grande.


Ele entra no partido com o compromisso de ser candidato à sucessão do prefeito de Dourados, Murilo Zauith (PSB), com apoio de outras lideranças políticas da região.


Com a filiação de Resende, a bancada do PSDB na Câmara dos Deputados passará a contar com dois representantes, incluindo ele e Elizeu Dionízio, que ocupa a vaga deixada por Márcio Monteiro, atualmente secretário de Estado de Fazenda no governo tucano.


Geraldo Resende revela que recebeu do governador Reinaldo Azambuja e do presidente nacional do PSDB, senador Aécio Neves, a garantia que teria assegurada sua condição de candidato à Prefeitura de Dourados na convenção que acontecerá entre os dias 20 de julho e 5 agosto.


A história que construiu no PSDB no início da carreira política também alicerçou o retorno de Geraldo Resende ao ninho tucano. "Fui um dos fundadores do PSDB em Dourados, seu filiado número um nesta cidade e um dos primeiros em Mato Grosso do Sul, por isto estou bastante à vontade para retornar à sigla", argumenta Geraldo Resende.


"Não retorno ao partido por fisiologismo, casuísmo ou oportunismo, mas sim porque tenho compromisso com Dourados e tenho certeza que através deste projeto poderei trabalhar para construir uma cidade melhor para todos", completou.


Geraldo Resende admite que uma das razões que pesaram na volta dele ao PSDB foi a indecisão do PMDB em relação ao governo Dilma Rousseff. "Há muito tempo defendo o rompimento com o governo e tenho votado com independência na Câmara dos Deputados por entender que o atual governo está sendo prejudicial ao nosso país", ressaltou Geraldo. Na semana passada, durante a convenção nacional, o deputado deu declarações públicas defendendo a ruptura com o governo federal, o que não aconteceu, já que o PMDB decidiu prorrogar por mais 30 dias o prazo para decidir seu futuro.

Reforços


As articulações em torno da ampliação dos quadros do PSDB no Estado estão sendo conduzidas pelo secretário Sérgio de Paula (Casa Civil), principal mentor político do governador Reinaldo Azambuja.
Até agora, o partido quase dobrou de tamanho na Assembleia Legislativa, ampliando a sua bancada de quatro para sete deputados estaduais. Em 2014, foram eleitos Onevan de Matos, Professor Rinaldo, Ângelo Guerreiro e Flávio Kayatt.


Com as novas adesões, chegaram a Casa Beto Pereira (ex-PDT), Mara Caseiro (ex-PMB) e Maurício Picarelli (ex-PMDB).


A expectativa agora é para a filiação de mais dois ou três deputados, já que o governador aguarda resposta de Felipe Orro, que também têm convites de PPS e PSB, George Takimoto (PDT) e José Carlos Barbosa (PSB), o Barbosinha (PSB).


O democrata Zé Teixeira (DEM) também é cortejado pelo alto tucanato. No entanto, tem se manifestado publicamente favorável ao fortalecimento do DEM visando às próximas eleições municipais, tendo inclusive convidado Barbosinha para integrar ao grupo político.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Embaixador brasileiro na Argentina é chamado a Brasília para consultas
Política

Embaixador brasileiro na Argentina é chamado a Brasília para consultas

há 14 minutos atrás
Embaixador brasileiro na Argentina é chamado a Brasília para consultas
Inscrições para as Missões de Observação Eleitoral Nacional 2024 terminam na sexta (19)
Eleições 2024

Inscrições para as Missões de Observação Eleitoral Nacional 2024 terminam na sexta (19)

15/07/2024 15:00
Inscrições para as Missões de Observação Eleitoral Nacional 2024 terminam na sexta (19)
Se Liga: o que não é permitido na propaganda eleitoral nas ruas?
Eleições 2024

Se Liga: o que não é permitido na propaganda eleitoral nas ruas?

15/07/2024 07:45
Se Liga: o que não é permitido na propaganda eleitoral nas ruas?
ALEMS termina 1º semestre com votação final da LDO
Política

ALEMS termina 1º semestre com votação final da LDO

15/07/2024 07:00
ALEMS termina 1º semestre com votação final da LDO
Senado analisa PEC que destina parte do Orçamento para prevenção de desastres
Política

Senado analisa PEC que destina parte do Orçamento para prevenção de desastres

15/07/2024 06:45
Senado analisa PEC que destina parte do Orçamento para prevenção de desastres
Últimas Notícias