Dourados – MS segunda, 19 de outubro de 2020
Dourados
34º max
21º min
Influx
Política

Dourados pode ter 21 vereadores a partir de 2012

07 Jul 2011 - 22h17
Presidente da Câmara Idenor Machado é favorável o aumento de 12 para 17 vereadores - Crédito: Foto: Éder GonçalvesPresidente da Câmara Idenor Machado é favorável o aumento de 12 para 17 vereadores - Crédito: Foto: Éder Gonçalves
Flávio Verão


DOURADOS – Está em trâmite na Câmara Municipal de Dourados projeto que prevê a ampliação de 12 para 21 vereadores. Quando os parlamentares voltarem em recesso, dia 19 de julho, o presidente da Casa Idenor Machado (DEM) colocará a pauta em votação. A Câmara entrou em recesso no dia 4 desse mês.

A ampliação do número de vereadores é resultado de uma PEC aprovada pelo Senado em 2008 e que entra em vigor a partir das eleições municipais de 2012. O aumento de vereadores em todo o país saltará em 7.343 legisladores. No entanto cabe a cada município decidir ou não a ampliação de parlamentares.

Com esse aumento, ficou estabelecido 24 faixas de composição das câmaras de vereadores, com o objetivo de dar maior representatividade aos habitantes. A primeira delas fixa o número de nove vereadores para municípios de até 15 mil habitantes. A última faixa determina o número máximo de 55 vereadores para municípios com mais de oito milhões de habitantes.

Dourados se enquadra na faixa de 160 mil a 300 mil habitantes, que pela lei autoriza ter até 21 vereadores. Campo Grande - 750 mil até 900 mil habitantes - aprovou no final do mês passado a ampliação dos atuais 21 legisladores para 29.

De acordo com o presidente da Câmara de Dourados Idenor Machado o número de vereadores deverá ficar entre 17 a 21 vereadores. “Assim que voltarmos do recesso a Mesa Diretora vai colocar em discussão um projeto que irá apontar o aumento de parlamentares, seja ele para 17, 19 ou 21 legisladores.


Feito isso estará em discussão e conforme a decisão pela maioria será estabelecido a quantidade correta de parlamentares nas eleições de 2012”, explica Idenor.

Ele disse que é favorável o número de 17 parlamentares na Câmara. “Essa é a opinião minha”, frisa o vereador, ressaltando que essa quantidade é suficiente para o município. O partido de Idenor, o Democratas, tem a maior bancada na Câmara, quatro legisladores. “Nossa legenda irá discutir internamente o nosso posicionamento”, disse Idenor.

O vereador Dirceu Longhi (PT) disse que também irá discutir com o seu colega de partido Elias Ishy e com a militância petista a ampliação de parlamentares. “Faremos um debate e depois disso tomaremos uma decisão”, afirmou.

Orçamento – A ampliação do número de vereadores não mexe com o orçamento da Câmara. Hoje é de um milhão e cinco mil reais por mês, segundo Idenor Machado. O vereador explica que ao aprovar a quantidade de legisladores a Câmara deverá fazer um orçamento para adequar os gastos da Casa.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Senado tem semana de esforço concentrado para sabatinas
Comissões

Senado tem semana de esforço concentrado para sabatinas

19/10/2020 11:15
Senado tem semana de esforço concentrado para sabatinas
Bolsonaro participa da abertura de fórum econômico com países árabes
política

Bolsonaro participa da abertura de fórum econômico com países árabes

19/10/2020 10:12
Bolsonaro participa da abertura de fórum econômico com países árabes
Semana de Combate ao Relacionamento Abusivo é instituída em MS
Lei

Semana de Combate ao Relacionamento Abusivo é instituída em MS

19/10/2020 09:38
Semana de Combate ao Relacionamento Abusivo é instituída em MS
Maia nega possibilidade de prorrogar estado de calamidade
política

Maia nega possibilidade de prorrogar estado de calamidade

17/10/2020 15:37
Maia nega possibilidade de prorrogar estado de calamidade
política

Dia Mundial da Alimentação: senadores alertam para riscos de aumento da fome no Brasil

17/10/2020 10:08
Últimas Notícias