Dourados – MS quinta, 13 de maio de 2021
Dourados
26º max
14º min
Política

Deputados descartam Marisa no TCE

12 Abr 2011 - 22h13
Marisa Serrano demonstrou interesse pela vaga no TCE - Crédito: Foto : DivulgaçãoMarisa Serrano demonstrou interesse pela vaga no TCE - Crédito: Foto : Divulgação

Campo Grande - A Assembléia Legislativa de Mato Grosso do Sul ainda não definiu o nome de quem substituirá Celina Jallad no TCE/MS (Tribunal de Contas do Estado), mas já descarta a indicação da senadora Marisa Serrano (PSDB), que recentemente admitiu interesse pela vaga deixada pela conselheira que morreu vítima de câncer no mês passado.

\"Candidato nenhum se elege sem pedir votos”, sentenciou o deputado estadual Londres Machado (PR), um dos mais influentes da Casa, referindo-se ao fato de a senadora tucana ter dito em entrevista à imprensa que não iria mover uma palha sequer em torno de sua indicação.

Por lei, a indicação do substituto de Celina é de responsabilidade da Assembleia, mas isso não significa que o próximo conselheiro tenha de sair obrigatoriamente de dentro do legislativo, onde há pretensões.

Os deputados estaduais Antonio Carlos Arroyo (PR) e Maurício Picarelli (PMDB) estão sendo lembrados para ocupar o cargo. No entanto, o nome da senadora surgiu como uma das alternativas devido a uma suposta “manobra” envolvendo o suplente Antonio Russo, filiado ao PSDB de Nova Andradina.

Pelo acordo, que até agora não foi confirmado por nenhuma liderança política influente do Estado, Russo teria apoio inclusive do governador André Puccinelli (PMDB), cuja base aliada na Assembléia é maioria.

Na verdade, a estratégia na indicação do nome de Marisa envolveria as eleições para prefeito de Campo em 2012 e 2014, quando o governador André Puccinelli disputaria o Senado, tirando a tucana do cenário político estadual. Mas nem os deputados tucanos acreditam nesse suposto entendimento.

Os tucanos esperam que tudo não passe de especulação, pois estão cientes que a saída de Marisa do cenário político poderá provocar grandes prejuízos ao partido em Mato Grosso do Sul.

Durante entrevista ontem de manhã, Londres garantiu que uma possível indicação do nome da senadora para o TCE é \"coisa superada\".

O cardeal republicano baseia-se no fato de a senadora ter demonstrado desinteresse ao afirmar que não iria em busca de votos dos parlamentares.
A declaração da tucana, no entanto, deixou os parlamentares à vontade para se articular, principalmente àqueles que estão envolvidos na campanha diretamente como é o caso de Arroyo.

Por causa disso, Londres acha que Marisa não tem votos suficientes dentro da Assembleia na eventualidade de pleitear a vaga na Corte Fiscal.
O presidente da Mesa Diretora da Assembleia, Jerson Domingos (PMDB), já descartou a possibilidade de ir para o TCE, conforme entrevista coletiva concedida à imprensa na semana passada.

Na entrevista, Londres garantiu ainda que todos os entendimentos entre os deputados serão esgotados para que saia um nome de consenso.
Ele afirmou que Picarelli está sendo pouco efusivo no pedido de votos entre os companheiros.

Em tom de brincadeira, Londres disse que \"ele até agora não veio pedir voto para mim, e olha que eu sou irmão de fé dele\". Assim como Picarelli, Londres também é evangélico.

Entre os deputados, a informação é de que o Arroyo está ganhando corpo em suas pretensões em ir para o Tribunal de Contas.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Lei que garante home office para gestantes durante pandemia é sancionada por Bolsonaro
Direito

Lei que garante home office para gestantes durante pandemia é sancionada por Bolsonaro

há 54 minutos atrás
Lei que garante home office para gestantes durante pandemia é sancionada por Bolsonaro
Proposta irá beneficiar diversas famílias que moram em assentamentos do estado
Política

Proposta irá beneficiar diversas famílias que moram em assentamentos do estado

13/05/2021 16:30
Proposta irá beneficiar diversas famílias que moram em assentamentos do estado
Presidente Bolsonaro visitará assentamento de MS na sexta
Política

Presidente Bolsonaro visitará assentamento de MS na sexta

11/05/2021 15:52
Presidente Bolsonaro visitará assentamento de MS na sexta
Justiça determina que Câmara exonere comissionados
Dourados

Justiça determina que Câmara exonere comissionados

10/05/2021 16:30
Justiça determina que Câmara exonere comissionados
Política

Novos secretários da Casa Civil e da Cidadania tomam posse nesta segunda-feira

10/05/2021 10:30
Últimas Notícias