Dourados – MS segunda, 26 de julho de 2021
Dourados
34º max
17º min
Política

Assembleia destaca a gestão da Sanesul

28 Nov 2010 - 23h52
Barbosinha destaca a importância do reconhecimento que a Sanesul recebeu da Assembleia
Foto: Divulgação 
 - Barbosinha destaca a importância do reconhecimento que a Sanesul recebeu da Assembleia Foto: Divulgação -
DOURADOS - O diretor-presidente da Sanesul, José Carlos Barbosa, o Barbosinha, recebeu Moção de Congratulação da Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso do Sul pela eficiência da empresa no processo de recuperação.
O documento mostra o reconhecimento por parte dos membros da Casa de Leis pela conquista do Certificado de Acredita-ção ISO 17.025, um reconhecimento às empresas de saneamento básico e de tratamento e distribuição de água potável que têm gestão inovadora. “É um prêmio que divido com cada funcionário da Sanesul, pois somente com o envolvimento destes profissionais foi possível tirar a autarquia de uma condição deficitária no fim do governo passado para coloca-la entre as empresas lucrativas do governo”, enfatiza Barbosinha.

A homenagem foi proposta pelo Deputado Estadual Júnior Mochi e lida em plenário. No texto, a Assembleia Legisla-tiva declara a admiração pela excelência com que a Sanesul desenvolve suas atividades. O certificado de acreditação ISO 17025 conferido pelo Inmetro proporciona reconhecimento internacional ao Laboratório Central da Sanesul. A Sanesul é a terceira empresa estadual do País a conseguir este feito.

Além desse certificado, a Sanesul apresenta desempenho diferenciado desde 2007. A Empresa se destaca nacional-mente com outro certificado, o expedido pelo Programa Nacional de Gestão Pública e Desburocratização (Gespública). Em 2008, a Sanesul foi o único órgão estadual a receber o selo Gespública, que simboliza a busca constante pelo aperfei-çoamento e melhoria contínua da qualidade dos serviços públicos.

Barbosinha destaca o caminho que a Sanesul percorreu até atingir a excelência na gestão. “A empresa estava numa situação bastante preocupante quando assumimos o comando, no início do governo André Puccinelli”, revela. “Havia muitas dívidas e problemas administrativos que inviabilizavam os investimentos, já que o caixa estava no vermelho e não havia recursos próprios para novas obras”, relata. “Além disso, não havia projetos elaborados e esse foi um dos maiores problemas que enfrentamos, pois, sem projetos, não tínhamos condições de desenvolver o saneamento e captar novos recursos”, conclui.

Barbosinha conta que quando o governador André o chamou para assumir a presidência da Sanesul deixou claro que o desafio não seria fácil. “Ele disse que eu estava assumindo o pior problema do governo e que era para fazer o possível para juntar os cacos, pois o Estado não tinha mais interesse na empresa, caso ela continuasse gerando prejuízos”, lembra. “Na época, perguntei o que ocorreria se a empresa passasse a dar lucro e o governador assegurou que, neste caso, daria o respaldo necessário para o trabalho e foi o que aconteceu”, revela.

De acordo com o presidente, a Sanesul acabou sendo uma das principais vitórias do primeiro ano do governo André Puccinelli. “Arrumamos a casa, conseguimos recursos e estamos realizando obras para melhorar o saneamento em todo o Mato Grosso do Sul, onde já temos mais de R$ 420 milhões em investimentos, dos quais mais da metade é proveniente dos cofres da Sanesul”, argumenta.

O modelo de gestão da empresa também é destacado por Barbosinha. “A Sanesul tem um corpo técnico altamente qualificado e, partindo deste ponto inicial, começamos a implantar uma nova política administrativa, buscando melhor organização e resultados, tirando de cada empregado o seu melhor”, explica. “Além disso, priorizamos o atendimento ao cliente e o uso correto dos recursos públicos como a mudança na forma de licitar os produtos adquiridos pela empresa”, salienta.

A transparência está em todos os setores da Sanesul. “Atualmente, a maioria de nossas licitações é realizada no estilo pregão, o que gerou uma economia, só em 2009, de R$ 11 milhões e o melhor é que não deixamos cair a qualidade dos produtos adquiridos e ainda recebemos o selo Gespública de Eficiência Administrativa, que é uma chancela dada pelo governo federal apenas às empresas públicas que conseguem se organizar e atingir as metas estabelecidas”, relata Barbosinha.

Além de implantar um modelo moderno de gestão, Barbosinha também transformou a Sanesul num canteiro de obras. “Estamos levando coleta e tratamento de esgoto para Corumbá, uma cidade turística que era zero em esgoto e poluía o meio ambiente; em Dourados, estamos ampliando a estação de tratamento de esgoto Água Boa, construindo novas ele-vatórias e estendendo a rede para cerca de 80% dos domicílios; o mesmo está ocorrendo em Ponta Porã e Três Lagoas cuja cobertura de esgoto ultrapassará a 50%, gerando saúde para a população”, enumera.

Barbosinha explica que onde tem esgoto tratado, diminui a mortalidade infantil e a contaminação das pessoas por do-enças de veiculação hídrica, como a cólera, por exemplo. “Temos obras em todos os municípios e nas pequenas localida-des como em Cipolândia e Taunay, distritos de Aquidauana, Ipezal, distrito de Angélica, Albuquerque, localidade de Corumbá e Águas de Miranda, em Bonito, locais onde faltava água e agora, depois do nosso trabalho, da implantação de reservatórios, novos poços, redes e melhoria no tratamento, as pessoas estão felizes, pois podem tomar a água da torneira com a certeza de que estão bebendo saúde”, finaliza Barbosinha.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Prefeitura terá que cobrar vereadores para devolver verba da Câmara
Dourados

Prefeitura terá que cobrar vereadores para devolver verba da Câmara

26/07/2021 15:00
Prefeitura terá que cobrar vereadores para devolver verba da Câmara
Governador sanciona LDO, que prevê receita de R$ 18,47 bilhões para MS em 2022
Política

Governador sanciona LDO, que prevê receita de R$ 18,47 bilhões para MS em 2022

23/07/2021 08:00
Governador sanciona LDO, que prevê receita de R$ 18,47 bilhões para MS em 2022
Senador Ciro Nogueira assumirá comando da Casa Civil, diz presidente
Política

Senador Ciro Nogueira assumirá comando da Casa Civil, diz presidente

22/07/2021 15:00
Senador Ciro Nogueira assumirá comando da Casa Civil, diz presidente
Governo nomeia Youssif Domingos para o cargo de diretor-presidente da Fertel
Política

Governo nomeia Youssif Domingos para o cargo de diretor-presidente da Fertel

21/07/2021 14:00
Governo nomeia Youssif Domingos para o cargo de diretor-presidente da Fertel
Presidente diz que deve vetar dinheiro para o fundo eleitoral
Política

Presidente diz que deve vetar dinheiro para o fundo eleitoral

20/07/2021 09:00
Presidente diz que deve vetar dinheiro para o fundo eleitoral
Últimas Notícias