Dourados – MS quinta, 29 de outubro de 2020
Dourados
26º max
18º min
Influx
Policia

Vigilante morre ao ser espancado com barra de ferro na Capital

07 Jul 2011 - 16h19
Barra de ferro teria sido utilizada para agredir o vigia - Crédito: Foto: Tawany Marry/G1 MSBarra de ferro teria sido utilizada para agredir o vigia - Crédito: Foto: Tawany Marry/G1 MS
Fonte: G1


Um vigilante de 46 anos, que trabalhava em um posto de combustíveis em Campo Grande, foi morto a golpes de barra de ferro, na manhã desta quinta-feira (7), no Jardim Seminário. O suspeito, ex-lutador de jiu-jitsu, de 30 anos, foi preso em flagrante a aproximadamente 190 metros do local, caído no gramado, próximo de uma universidade na cidade.

Segundo a Polícia Civil, o crime aconteceu por volta da 00h30 (horário de MS). O delegado que registrou a ocorrência, João Eduardo Davanço, disse que o suspeito tinha brigado com o pai e voltava para casa. O rapaz cortou caminho pelo pátio do posto de combustíveis, que estava fechado, quando foi abordado pelo vigilante.

O delegado disse que os dois começaram a brigar e o ex-lutador pegou uma barra de ferro para agredir o vigilante. Interrogado, o suspeito alega que tentou se defender. Após a briga, ele foi embora. Davanço diz que o corpo do vigilante estava muito machucado e o rosto desfigurado. O ex-lutador tinha escoriações no joelho esquerdo.

Funcionários do posto de combustível, que não quiseram se identificar, disseram que a vítima trabalhava no local há mais de dois anos e que era uma pessoa tranquila. Segundo a Polícia Civil, o vigia tem antecedente criminal por uma lesão corporal dolosa, de abril de 2010, em Campo Grande.

O suspeito foi lutador de jiu-jitsu e boxe na modalidade peso pesado, mas disse ao delegado que não praticava os esportes e trabalha atualmente como programador de computador. O rapaz não tinha antecedentes criminais. Ele não quis conversar com a reportagem.

Defesa

A advogada do suspeito, Cleuza Mongenot, disse que pretende alegar legítima defesa. Quando passou pelo pátio do posto e foi avisado que não poderia andar por ali, o rapaz resolveu sentar em uma mesa de sinuca que fica no local e fumar um cigarro.

Segundo o suspeito, neste momento, o vigia pegou a barra de ferro e o teria agredido no joelho e na cabeça. Os dois começaram a brigar. “Na luta, eles acabaram perdendo a razão”, disse Cleuza. A advogada alega que o rapaz não tentou fugir, mas ficou aguardando a chegada da polícia sentado na grama, já que sentia dores no joelho.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Polícia realiza operação 'Cidade Segura'
Dourados

Polícia realiza operação 'Cidade Segura'

28/10/2020 16:17
Polícia realiza operação 'Cidade Segura'
Funcionário do CCZ é agredido a pauladas na Vila Cachoeirinha
Dourados

Funcionário do CCZ é agredido a pauladas na Vila Cachoeirinha

28/10/2020 15:55
Funcionário do CCZ é agredido a pauladas na Vila Cachoeirinha
Após perseguição, traficante abandona carro com 383 quilos de maconha
Br-463

Após perseguição, traficante abandona carro com 383 quilos de maconha

28/10/2020 14:42
Após perseguição, traficante abandona carro com 383 quilos de maconha
Mais de 400 kg de maconha é apreendido pelo DOF em Dourados
Tráfico

Mais de 400 kg de maconha é apreendido pelo DOF em Dourados

28/10/2020 14:13
Mais de 400 kg de maconha é apreendido pelo DOF em Dourados
Mulher acusada de matar marido em Dourados se apresenta à polícia
Dourados

Mulher acusada de matar marido em Dourados se apresenta à polícia

28/10/2020 09:43
Mulher acusada de matar marido em Dourados se apresenta à polícia
Últimas Notícias