Dourados – MS sexta, 24 de maio de 2024
18º
Segurança

Programa do Governo Federal de combate a crimes fronteiriços reúne autoridades em Campo Grande

Programa visa integrar e articular ações,fortalecendo a prevenção, controle, fiscalização e repressão dos delitos transfronteiriços

07 Jun 2022 - 15h30Por Luciana Brazil, Sejusp
O encontro aconteceu na sala de situação do Centro Integrado de Comando e Control - Crédito: Edemir RodriguesO encontro aconteceu na sala de situação do Centro Integrado de Comando e Control - Crédito: Edemir Rodrigues

O secretário de Justiça e Segurança Pública, Antonio Carlos Videira, participou na manhã de segunda-feira (06), em Campo Grande, da segunda reunião de trabalho para tratativas do Programa de Proteção Integrada de Fronteiras (PPIF), do Governo Federal. Reunindo diversas autoridades, o encontro aconteceu na sala de situação do Centro Integrado de Comando e Controle (CICC).

Instituído por um decreto federal em 2016, o Programa de Proteção de Fronteiras visa integrar e articular ações dos órgãos federais, estaduais e municipais fortalecendo a prevenção, controle, fiscalização e repressão dos delitos transfronteiriços.

“Os números no nosso Estado demonstram o trabalho excepcional que tem sido realizado na fronteira. De forma integrada e articulada, as forças policiais têm combatido os crimes fronteiriços; e este é um momento importante de discussão ampla sobre esta gestão”, afirmou o secretário Videira.

Além das demandas estruturais, estiveram em pauta as ações de segurança pública realizadas recentemente nos municípios de fronteira em Mato Grosso do Sul, como a "Operação Divisas Integradas VI- Campo Seguro". O encontro desta manhã foi organizado pelo Gabinete de Gestão Integrada de Fronteira e Divisas (GGIFRON/DIV), que é responsável pelo desenvolvimento do Programa (PPIF) no Estado.

Entre as autoridades, estavam presentes o secretário de Assuntos de Defesa e Segurança Nacional do Gabinete de Segurança Institucional (GSI) da Presidência da República, brigadeiro do Ar Max Cintra Moreira, e o chefe do Centro de Coordenação de Operações do CMO (Comando Militar do Oeste), General de Brigada Valerio Luiz Lange, representando o Comandante do CMO.

“Os estados devem compartilhar experiências e discutir iniciativas, trabalhando protocolos integrados para que o combate ao crime fronteiriço seja cada vez mais eficiente”, ressaltou o secretário da Presidência da República,  Max Cintra Moreira.

Fronteira/DOF

O combate ao crime na fronteira sempre foi um dos principais desafios da segurança pública em Mato Grosso do Sul. Uma grande extensão de fronteira seca levou o Governo do Estado a criar uma unidade exclusiva para conter esses crimes, o Departamento de Operações de Fronteira (DOF).

Somente nos últimos dois anos e pouco mais de quatro meses, as equipes do DOF apreenderam 509 toneladas de drogas – 264 toneladas em 2020, 195 toneladas em 2021 e neste ano, até início de maio, 50 toneladas. Desde a criação da força especializada, em 1987, até 3 de maio deste ano foram apreendidos 1 milhão e 136 mil quilos de drogas. Por sua localização geográfica, Mato Grosso do Sul é considerado um grande corredor para o tráfico de drogas e outros ilícitos.

"O DOF tem recebido diversos investimentos que nos permite dizer que até o fim de 2022 teremos uma das mais modernas e bem equipadas unidades de polícia do Brasil”, afirmou  recentemente o diretor do DOF, coronel Wagner Ferreira da Silva.  Segundo ele, os policiais estão sendo equipados com aparelhos de visão noturna, visores termais, aeronaves pilotadas por controle remoto e armamento de alta precisão, incluindo pistolas calibre 9mm importadas e fuzis 7,62x51mm. Em breve, a unidade terá sua sede própria, em Dourados, e um helicóptero para o policiamento ostensivo na linha internacional.

Reunião

Participaram da reunião: o secretário adjunto da Sejusp, Ary Carlos Barbosa; o secretário de Executivo do Gabinete de Gestão Integrada de Fronteiras e Divisas, coronel Edimilson de Oliveira Ribeiro; o diretor geral do Centro Integrado de Operações de Segurança Pública, coronel Juracy Pereira da Paz; o superintendente da Polícia Rodoviária Federal, o inspetor Luiz Alexandre Gomes da Silva; o delegado da Polícia Federal Bruno Costa de Toledo, representando o superintendente da Polícia Federal do Estado; diretor geral da Polícia Civil, delegado Roberto Gurgel de Oliveira Filho; diretor geral de Polícia Penal do Estado, Valdimir Ayala Castro; a coordenadora Geral de Perícias, Gloria Setsuko: coordenador do Arco Central/ Secretaria de Operações Integradas (SEOPI)/MJSP, Mário Robson Ribas; comandante geral da Polícia Militar, coronel Marcos Paulo Gimenez; diretor do DOF, coronel Wagner Ferreira da Silva; diretor do Departamento de Assuntos da Câmara de Relações Exteriores e Defesa Nacional, coronel André Luciano Bittencourt Barbosa; representando o comandante da Base Aérea de Campo Grande, o coronel aviador Leonardo Pinheiro de Oliveira; comandante do Corpo de Bombeiros do Estado, coronel  Hugo Djan Leite; representando o coordenador geral de Patrulhamento Aéreo, coronel Hipólito Vila Maior; representando o comandante do 6º distrito Naval de Ladário, Capitão de Mar e Guerra da Força Naval Adriano de Oliveira Cunha; assessor Militar da Secretaria de Assuntos de Defesa e Segurança Nacional do Gabinete de Segurança Institucional da Presidência da República, Capitão de Mar e Guerra José Benoni Valente Carneiro; superintendente da Delegacia da Receita Federal do Brasil, delegado Clovis Ribeiro Neto; e superintendente Estadual da Agência Brasileira de Inteligência do Estado, David Bernardes de Assis.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Mulheres protestam contra norma do CFM sobre assistolia fetal
Saúde

Mulheres protestam contra norma do CFM sobre assistolia fetal

23/05/2024 17:45
Mulheres protestam contra norma do CFM sobre assistolia fetal
Gaeco cria canal para denúncias sobre esquema de corrupção no esporte de MS
Policia

Gaeco cria canal para denúncias sobre esquema de corrupção no esporte de MS

23/05/2024 08:30
Gaeco cria canal para denúncias sobre esquema de corrupção no esporte de MS
Repercussão de imagens leva 'detento influencer' de MS apagar perfil nas redes sociais
Policia

Repercussão de imagens leva 'detento influencer' de MS apagar perfil nas redes sociais

22/05/2024 17:00
Repercussão de imagens leva 'detento influencer' de MS apagar perfil nas redes sociais
Motociclista morre após bater de frente com caminhão e moto explodir
Policia

Motociclista morre após bater de frente com caminhão e moto explodir

22/05/2024 08:45
Motociclista morre após bater de frente com caminhão e moto explodir
Corpo de bebê furtado em cemitério continua desaparecido
Policia

Corpo de bebê furtado em cemitério continua desaparecido

22/05/2024 08:15
Corpo de bebê furtado em cemitério continua desaparecido
Últimas Notícias