Dourados – MS quinta, 13 de agosto de 2020
Dourados
26º max
16º min
Segurança e Saúde JBS
OPERAÇÃO

Polícia Militar Ambiental estará ‘de olho nos rios’ na Semana Santa

23 Mar 2016 - 09h38
Agente da PMA tirando anzol de galho com peixe-capa fisgado; prática é uma das mais comuns nos rios. - Crédito: Foto: Divulgação/PMAAgente da PMA tirando anzol de galho com peixe-capa fisgado; prática é uma das mais comuns nos rios. - Crédito: Foto: Divulgação/PMA
A Polícia Militar Ambiental deflagrou às 8h e segue até às 8h de segunda-feira, dia 28, a ‘Operação Semana Santa’, contando com 310 homens na fiscalização que será intensificada. Desde sexta-feira passada, em virtude de que várias pessoas praticam a pesca antes, para ter o pescado para consumo durante a Semana Santa, vários pescadores foram presos no Estado.


A partir de hoje, em virtude de tradição religiosa e aumento do número de turistas de fora pescando nos rios, a fiscalização deve redobrar esforços.


Os comandantes das 25 subunidades da Polícia Militar Ambiental estarão intensificando a fiscalização em suas respectivas áreas. Serão desenvolvidas também barreiras e combate ao desmatamento e carvoarias irregulares, extração e transporte de madeira e carvão ilegais e outros crimes contra a flora; caça, tráfico de animais e outros crimes contra a fauna. Transporte de produtos perigosos e outros crimes ambientais, com visitas preventivas às propriedades rurais.


Três equipes da sede (Campo Grande) estarão itinerantes, em áreas mais críticas, fiscalizando todos os tipos de crimes e infrações ambientais e duas equipes reforçam o efetivo de Corumbá e Coxim.


O Posto Avançado localizado na Cachoeira do Sossego, no rio Aquidauana, em Rochedo (MS), montado durante a piracema, continua funcionando, em razão do alto índice de pesca predatória na região.


Como na operação passada, a PMA espera que esta seja tranquila. No ano passado foram apreendidos somente 50 kg de pescado. Foram 26 autuados, sendo que 10 pessoas foram presas por pesca predatória e 16 foram autuadas por pescar sem licença. As multas chegaram a R$ 22,2 mil.

Alerta


O Comando da PMA alerta as pessoas, para que se utilizem dos nossos recursos naturais dentro do que permite a legislação, pois as penalidades administrativas e criminais são pesadas. As multas podem chegar a R$ 50 milhões e as penas criminais, até cinco anos de reclusão.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Polícia apreende maconha e munições com traficante que retornava da fronteira
Ponta Porã

Polícia apreende maconha e munições com traficante que retornava da fronteira

13/08/2020 14:04
Polícia apreende maconha e munições com traficante que retornava da fronteira
Cinco veículos são recuperados em Miranda
POLICIAL

Cinco veículos são recuperados em Miranda

13/08/2020 10:05
Cinco veículos são recuperados em Miranda
PRF apreende 207,4 Kg de maconha e skunk em Rio Brilhante
TRÁFICO

PRF apreende 207,4 Kg de maconha e skunk em Rio Brilhante

13/08/2020 08:01
PRF apreende 207,4 Kg de maconha e skunk em Rio Brilhante
Polícia acaba com festinha de 20 pessoas em Dourados
POLICIAL

Polícia acaba com festinha de 20 pessoas em Dourados

13/08/2020 07:35
Polícia acaba com festinha de 20 pessoas em Dourados
Mais de 70 agressores são presos por violência doméstica em Dourados
POLICIAL

Mais de 70 agressores são presos por violência doméstica em Dourados

13/08/2020 07:01
Mais de 70 agressores são presos por violência doméstica em Dourados
Últimas Notícias