Dourados – MS quarta, 03 de março de 2021
Dourados
32º max
22º min
Cassems
Policia

Operação da PF põe fim à contrabando

04 Dez 2015 - 07h00Por Kelly Oliveira
Operação da PF põe fim à contrabando -
Uma associação criminosa desarticulada pela Polícia Federal na ação da Operação Trapos, deflagrada ontem, movimentava entre 30 e 40 toneladas de mercadorias por mês pela fronteira da Bolívia com o Brasil, via Corumbá. Nesta investigação, os criminosos sonegaram pelo menos R$ 800 mil, causando prejuízo aos cofres públicos.


Na manhã de ontem, durante coletiva de imprensa concedida pela Receita Federal, Polícia Federal e Ministério Público Federal na sede da PF em Corumbá, os delegados repassaram as informações.


O procurador da República, Yuri Corrêa da Luz, explicou que a operação deflagrada é o desdobramento de uma investigação que ainda não terminou. Ele disse que as buscas e apreensões vão produzir outras provas. “Materiais recolhidos nas casas podem ser objetos de novas investigações”, disse.


Antes da operação, foi realizada investigação preliminar pela Inspetoria da Receita Federal. Há dois anos, já haviam sido levantados alguns nomes suspeitos, inclusive de um servidor da Receita Federal que estaria facilitando o crime. Foi feito trabalhado de investigação pela Receita Federal que foi ampliado pela Polícia Federal, culminando na deflagração da Operação Trapos.


Segundo o delegado da Polícia Federal, Ricardo Rodrigues Gonçalves, coordenador da investigação, os compradores das mercadorias formaram uma espécie de consórcio. “Eles importavam as mercadorias clandestinamente da Bolívia para o Brasil e depositavam as mercadorias em um imóvel e depois eram transportadas até o Estado de São Paulo”, disse.


Em Birigui existia um grupo dessa associação criminosa. As mercadorias seriam revendidas em feiras no interior de São Paulo e na própria Capital, mas há também investigados em Campo Grande e Dourados que internalizaram mercadorias da Bolívia para o Brasil. Em São Paulo, até a manhã de ontem, haviam sido apreendidos entre 600 a 700 quilos de mercadorias.


Os 21 mandados de busca e apreensão foram todos cumpridos. Nesta quinta-feira, nos dois Estados, houve apreensão de armas, munições, mercadorias e documentos. Ainda de acordo com as investigações, foi constatado que um dos investigados que traziam mercadoria para o Brasil, sediado em Corumbá, introduziu de forma clandestina, 700 pássaros de origem peruana.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Proposta isenta de taxas o veículo recuperado pela polícia após furto
Política

Proposta isenta de taxas o veículo recuperado pela polícia após furto

03/03/2021 16:00
Proposta isenta de taxas o veículo recuperado pela polícia após furto
Comissão de Orçamento aprova relatório com previsão de R$ 1,595 tri
Política

Comissão de Orçamento aprova relatório com previsão de R$ 1,595 tri

03/03/2021 15:30
Comissão de Orçamento aprova relatório com previsão de R$ 1,595 tri
Empresa poderá ter incentivo fiscal para combate à violência doméstica
Política

Empresa poderá ter incentivo fiscal para combate à violência doméstica

03/03/2021 14:00
Empresa poderá ter incentivo fiscal para combate à violência doméstica
GM prende ladrão no momento em que furtava fiação de residência
POLÍCIA

GM prende ladrão no momento em que furtava fiação de residência

02/03/2021 16:30
GM prende ladrão no momento em que furtava fiação de residência
33 vetos presidenciais aguardam votação no Congresso Nacional
Congresso

33 vetos presidenciais aguardam votação no Congresso Nacional

02/03/2021 16:00
33 vetos presidenciais aguardam votação no Congresso Nacional
Últimas Notícias