Dourados – MS sexta, 19 de julho de 2024
25º
Policia

Da PED, preso foi mentor de assalto a comerciante

05 Fev 2016 - 09h36
Delegado Adilson Stiguivitis disse que a intenção do grupo era roubar a vítima a mando de mentor. - Crédito: Foto: DivulgaçãoDelegado Adilson Stiguivitis disse que a intenção do grupo era roubar a vítima a mando de mentor. - Crédito: Foto: Divulgação
Partiu de um detento da Penitenciária Estadual de Dourados (PED) a ordem para o roubo de uma corrente e um bracelete de ouro de um comerciante de camelô, baleado ao reagir à abordagem do assaltante, na manhã de anteontem na região central de Dourados. Além do detento, outros três jovens participaram do crime - dois deles já estão presos e o outro foragido.


O delegado Adilson Stiguivitis, titular da Delegacia da Polícia Civil de Dourados, diz que a intenção do grupo era roubar a vítima. Todos os envolvidos no crime, segundo ele, têm passagens pela polícia.


De acordo com o delegado, o assalto foi encomendado pelo interno Edmilson S. C., de 27 anos, que seria cunhado de um dos envolvidos no assalto - Renato S. D., de 26 anos. Edmilson queria a corrente e o bracelete em ouro que o comerciante de 46 anos usava quando foi assaltado. Ele reagiu e foi baleado com três tiros.



Conforme apurou a polícia, Renato, que é residente no Parque Alvorada, levou Fábio G. P., de 20 anos, residente no Jardim Itália, e Wellington Henrique da S., de 20 anos, em um Celta prata de Dourados ao camelódromo, localizado no cruzamento da Avenida Weimar Gonçalves Torres com a Rua João Rosa Góes, onde ocorreu o assalto por volta das 7h30 da manhã de anteontem.


Wellington está foragido. Os dois primeiros foram presos e apresentados ontem à imprensa, pelo Polícia Civil.
Após os disparos contra o comerciante, Renato e Fábio fugiram do local, abandonando Wellington que fez refém uma condutora que estava ao volante de um Fiesta prata. Ela foi obrigada a levar Wellington até a região da Vila Cachoeirinha. Ele fugiu e entrou em uma casa. Conforme a polícia, o foragido já tinha passagens por latrocínio - roubo seguido de morte, ocorrido na cidade de Naviraí.


O delegado disse que os policiais já tinham a informação da participação do veículo Celta no assalto. Naquele mesmo dia do crime, o dono do veículo, Renato, procurou a delegacia para prestar ocorrência na tentativa de abortar a ação dele no caso. No entanto, os policiais desconfiaram do depoimento, diante uma série de contradições, e o dono do veículo acabou confessando a participação dele no assalto, entregando os demais participantes.


Estão presos Renato e Fábio. Os dois, juntamente com o interno Edimilson, que está no Presídio Estadual de Dourados, foram autuados em flagrante por tentativa de latrocínio (roubo seguido de tentativa de morte). A polícia está no encalço de Wellington, acusado de atirar no comerciante.

Alerta


O delegado Adilson Stiguivitis alerta a população para a ostentação de produtos de valor, como correntes, colares, relógios e até mesmo celulares, muito comum principalmente com pedestres, que andam distraidamente na rua manuseando o aparelho. “Acabam se tornando vítimas fáceis para os assaltantes”, diz o delegado.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Motorista passa por cima e mata catador de recicláveis na Presidente Vargas
Polícia

Motorista passa por cima e mata catador de recicláveis na Presidente Vargas

19/07/2024 10:01
Motorista passa por cima e mata catador de recicláveis na Presidente Vargas
PRF apreende 879 Kg de maconha e recupera veículo
Campo Grande

PRF apreende 879 Kg de maconha e recupera veículo

19/07/2024 08:45
PRF apreende 879 Kg de maconha e recupera veículo
Polícia apreende 156 kg de maconha, espingarda e veículo
Tacuru

Polícia apreende 156 kg de maconha, espingarda e veículo

19/07/2024 08:15
Polícia apreende 156 kg de maconha, espingarda e veículo
Polícia Civil desarticula grupo criminoso de estelionato
Dourados

Polícia Civil desarticula grupo criminoso de estelionato

18/07/2024 13:15
Polícia Civil desarticula grupo criminoso de estelionato
Polícia Civil cumpre mandado de busca e apreensão em residência de servidor público
Ponta Porã

Polícia Civil cumpre mandado de busca e apreensão em residência de servidor público

18/07/2024 12:45
Polícia Civil cumpre mandado de busca e apreensão em residência de servidor público
Últimas Notícias