Dourados – MS terça, 02 de março de 2021
Dourados
34º max
23º min
Influx
Proposta

Comissão aprova indenização do poder público a mulher vítima de violência

11 Jul 2016 - 19h28
A relatora na comissão, deputada Flávia Morais - Crédito: Foto: Luis Macedo/Câmara dos DeputadosA relatora na comissão, deputada Flávia Morais - Crédito: Foto: Luis Macedo/Câmara dos Deputados
A Comissão de Trabalho, de Administração e Serviço Público aprovou proposta que obriga o poder público a indenizar vítimas de violência sexual ou doméstica, quando houver omissão ou negligência do Estado comprovada.


A indenização administrativa por danos morais será de até 60 salários mínimos. A vítima poderá também entrar na justiça para exigir reparação por danos morais, sem limite de valor.


Segundo a relatora na comissão, deputada Flávia Morais (PDT-GO), o limite de indenização na esfera administrativa busca estimular um acordo, sobretudo se a Administração Publica entender que o valor definido judicialmente poderia ser maior. "Para a vítima, a vantagem de resolver tudo na esfera administrativa é a celeridade no recebimento do valor", disse.

Aposentadoria


Pelo texto, a vítima poderá requerer aposentadoria por invalidez de, pelo menos, um salário mínimo, caso sofra agressão que a deixe com sequelas e a impeçam de trabalhar. A aposentadoria será concedida independentemente de carência ou de a vítima ser segurada do Regime Geral de Previdência Social (RGPS). "Hoje viemos fazer justiça com essas mulheres", afirmou Flávia Morais. A partir de sugestão da deputada Erika Kokay (PT-DF), ela mudou o parecer original, que previa a aposentadoria com valor fixo de um salário mínimo.


O benefício só será concedido depois da sentença final, ou em segunda instância, que comprove o crime de violência sexual ou doméstica, explicitada a omissão ou negligência do poder público.


A aposentadoria por invalidez deverá ser solicitada na Previdência Social, com a decisão judicial usada como documento. O texto inclui a concessão da aposentadoria na Lei de Benefícios da Previdência Social (8.213/91).

Sexo feminino


Flávia Morais acolheu sugestão do deputado Luiz Carlos Busato (PTB-RS) para retirar do texto a expressão "sexo feminino", para a proposta poder englobar também homens vítimas de violência doméstica. A sugestão, porém, não foi aceita. "A violência doméstica não é só contra o sexo feminino. Temos de pensar nos crimes, por exemplo, nas relações homoafetivas", afirmou Busato.


Dependentes


Em caso de morte da vítima, a aposentadoria por invalidez será destinada aos filhos ou irmãos menores de 21 anos, ou inválidos, com deficiência intelectual, mental ou física grave de qualquer idade. Segundo a proposta, o menor tutelado, sob guarda e o enteado são equiparados a filhos, comprovada a dependência econômica.


O texto aprovado é um substitutivo de Flávia Morais ao Projeto de Lei 7441/10, da deputada Jô Moraes (PCdoB-MG), que garantia indenização de R$ 50 mil, acrescida de pensão mensal de R$ 510 - corrigidos anualmente, aos filhos menores de 18 anos ou incapazes das vítimas fatais de violência sexual e doméstica.

Deixe seu Comentário

Leia Também

PM fez 241 abordagens durante o fim de semana em Dourados
POLICIAMENTO

PM fez 241 abordagens durante o fim de semana em Dourados

01/03/2021 14:21
PM fez 241 abordagens durante o fim de semana em Dourados
Criminosos armados tentam roubar policial militar de folga em Três Lagoas e um deles acaba morto
Polícia

Criminosos armados tentam roubar policial militar de folga em Três Lagoas e um deles acaba morto

01/03/2021 13:32
Criminosos armados tentam roubar policial militar de folga em Três Lagoas e um deles acaba morto
PMA de Mundo Novo recolhe filhote de anta com ferimentos provocados por ataque de cachorros
Polícia

PMA de Mundo Novo recolhe filhote de anta com ferimentos provocados por ataque de cachorros

01/03/2021 10:12
PMA de Mundo Novo recolhe filhote de anta com ferimentos provocados por ataque de cachorros
Morador de Dourados fica em estado grave após carro pegar fogo na MS-156
Acidente

Morador de Dourados fica em estado grave após carro pegar fogo na MS-156

01/03/2021 07:56
Morador de Dourados fica em estado grave após carro pegar fogo na MS-156
Cresce índice de clonagem de WhatsApp em Dourados
GOLPE DO CELULAR

Cresce índice de clonagem de WhatsApp em Dourados

26/02/2021 17:29
Cresce índice de clonagem de WhatsApp em Dourados
Últimas Notícias