Dourados – MS terça, 24 de novembro de 2020
Dourados
35º max
21º min
Imaculada-Desk
Imaculada-Mobile
Dia-a-Dia

Trânsito de Dourados faz 600 vítimas

24 Mai 2011 - 22h13Por Infraestrutura
Acidente matou jovem no cruzamento da Joaquim Teixeira Alves com Aquidauana - Crédito: Foto: Hédio Fazan/PROGRESSOAcidente matou jovem no cruzamento da Joaquim Teixeira Alves com Aquidauana - Crédito: Foto: Hédio Fazan/PROGRESSO
DOURADOS – Dados do Departamento Nacional de Trânsito (Detran) revelam que de janeiro a abril deste ano o trânsito de Dourados já fez 620 vítimas. Destas, oito morreram. Outras três vítimas fatais foram registradas em maio; uma média de duas mortes por mês. Ao todo o Detran já registrou 788 acidentes com 1.513 veículos envolvidos.

Os números de fatalidades no trânsito aumentam mês a mês. Em janeiro foram 207 acidentes. Em fevereiro o Detran registrou 176; em março foram 196 acidentes contra 209 em abril deste ano.

Durante todo o ano passado o Detran registrou 2.621 acidentes, com 40 mortes, 1.754 vítimas não fatais e 4.762 veículos envolvidos, sendo destes, 1.740 motos.

De acordo com o diretor da Agência Regional de Trânsito de Dourados, Aparecido Dias Duarte, os motivos que levam aos altos índices de acidentes estão relacionados ao aumento da frota de veículos e a imprudência dos usuários do trânsito, como pedestres, ciclistas, carroceiros, motociclistas e motoristas. “Todos precisam obedecer as regras de trânsito independentemente se é pedestre ou condutor. A atenção deve ser ainda mais redobrada nos horários de pico que são as entradas e saídas das escolas e comércio”, alerta.

Segundo Aparecido, de 88 mil veículos no ano passado, a cidade passou a contar com 101 mil. Outros 40 mil, que chegam da região, circulam diariamente em Dourados, aumentando ainda mais o fluxo.

MORTES

Somente este mês a cidade de Dourados registrou três mortes no trânsito urbano. A primeira foi registrada no dia 1º. Um atropelamento matou um homem identificado apenas como “Assis”. O atropelamento aconteceu no cruzamento da Avenida Marcelino Pires com a Rua Melvin Jones. Segundo testemunhas, a vítima foi atingido por um veículo VW/Gol prata. O condutor fugiu do local sem prestar socorro.

Em menos de 24h, depois da morte de Assis, Dourados registrou a 2ª morte. A jovem Larissa Coelho Vieira, de 23 anos, perdeu a vida no dia 2 deste mês, depois de bater numa carreta, no cruzamento da Rua Joaquim Teixeira Alves com a Aquidauana, no centro da cidade. O acidente aconteceu quando a carreta desviou de um bueiro sem tampa no cruzamento das ruas Joaquim Teixeira Alves com a Aquidauana e virou à direita entrando na avenida. A jovem morreu na hora depois de sofrer esmagamento de crânio.

Na última segunda-feira, o vigia José Gomes Pinheiro, de 66 anos, que residia no Jardim das Primaveras, morreu depois de bater com a bicicleta na traseira de uma carreta no centro de Dourados. O acidente aconteceu por volta das 7h15, no cruzamento das ruas Presidente Vargas com a Joaquim Alves Taveira.

READEQUAÇÃO

A cidade de Dourados vai passar por readequação com a criação da Agência de Trânsito. De acordo com o diretor do Departamento de Trânsito e Transporte de Dourados, Fabiano Costa, o principal objetivo da criação é reduzir os números de acidentes e mortes em Dourados. Para isto, o projeto prevê aquisição de recursos próprios para investimentos no trânsito.

Além disso outras formas de captação estão sendo estudadas. Um deles é a arrecadação, via lombadas, através do convênio direto com o município, propiciando que os recursos fiquem em Dourados. O mesmo acontece com os parquímetros. A intenção é não renovar o contrato com a empresa, buscando assim um mecanismo de manter o que é arrecadado no município.

Deixe seu Comentário