Dourados – MS domingo, 12 de julho de 2020
Dourados
32º max
17º min
Dia-a-Dia

Piso de frentistas passa a R$ 1,3 mil com adicional

14 Jan 2016 - 09h34
Gilson da Silva Sá é presidente do Sinpospetro MS. - Crédito: Foto: DivulgaçãoGilson da Silva Sá é presidente do Sinpospetro MS. - Crédito: Foto: Divulgação
O piso salarial de frentistas e demais empregados em postos de combustíveis de Mato Grosso do Sul terá um reajuste nesses dois primeiros meses de 2016, passando para R$ 1.690,00 para quem ganha, além do piso de R$ 1.000,00 mais R$ 300,00 de adicional de periculosidade (30%) e R$ 390,00 de adicional noturno.


No caso dos profissionais que trabalham somente no período diurno, a remuneração vai para R$ 1.300,00 nos meses de janeiro e fevereiro, informa o Sindicato dos Empregados em Postos de Serviços de Combustíveis e Derivados de Petróleo do Estado de Mato Grosso do Sul (Sinpospetro/MS).


Gilson da Silva Sá, presidente da entidade, explicou que esse reajuste está previsto na Convenção Coletiva de Trabalho 2015/16. Ele informou que já está trabalhando para a elaboração da pauta da nova convenção, para negociar com a classe patronal, e vigorar a partir de 1º de março.


Os dois novos pisos, passam a vigorar sobre os salários de janeiro e fevereiro, segundo Gilson Sá, atingem os trabalhadores frentistas, lavadores, atendentes de escritórios, auxiliares de serviços gerais, valeteiros, lubrificadores, caixas internos de posto (escritório), vigias e atendentes de lojas de conveniência.

Participação no lucro



Outro benefício para os trabalhadores em postos de combustíveis de Mato Grosso do Sul, conquistado pelo sindicato da categoria, segundo Gilson Sá, é a participação no lucro das empresas.


Pelo acordo, firmado em 2015, os trabalhadores receberiam R$ 450,00 divididos em duas parcelas: uma em agosto do ano passado, no valor de R$ 225,00 e outra, no mesmo valor, para receber na folha de fevereiro de 2016.

Deixe seu Comentário