Dourados – MS quarta, 05 de agosto de 2020
Dourados
31º max
15º min
Segurança e Saúde JBS
Dia-a-Dia

Pe. Benedito Oliveira cumpre sua missão de fé no MS

18 Nov 2015 - 16h44
Padre Benedito Francisco de Oliveira - Crédito: Foto: DivulgaçãoPadre Benedito Francisco de Oliveira - Crédito: Foto: Divulgação
Um dos religiosos de Mato Grosso do Sul que agregou comunidades na pacata cidade de Dois Irmãos do Buriti por sete anos, cumprindo sua missão eclesiástica no Estado, padre Benedito Francisco de Oliveira, está completando, no próximo dia 14 de dezembro, 13 anos de atividade sacerdotal consagrada a Deus.

Ordenado pelo bispo Dom Fernando Figueiredo, na Diocese de Santo Amaro, na Paróquia Sagrado Coração, na capital paulista.

Padre Benedito Oliveira assumiu com afinco seu chamado e missão e incansavelmente tem viajado e se deslocado pra tantos lugares, para retiros e celebrações, motivando o povo de Deus a adquirir sempre uma experiência do amor divino e sua misericórdia. O padre Benedito, por onde passa, procura encorajar na fé as pessoas com seu lindo testemunho de vida, pois o próprio, assim como os fiéis que acreditam no Senhor, se reconhece como um grande milagre de Deus e procura passar isso às pessoas que talvez estejam enfrentando os mesmos problemas e situações que ele passou e venceu graças à fé, à perseverança e oração de sua mãe.
O sacerdote sempre ressalta que “somos maiores de joelhos do que de pé” e após seis anos à frente da paróquia Nossa Senhora do Carmo, em São Paulo, onde construiu uma igreja em um bairro bem simples próximo ao Grajaú, ele atendeu pedido de Dom Jorge, na época, bispo da diocese de Jardim, que escreveu a diversos bispos pedindo padres para sua diocese.

E, numa conversa formal de bispos, foi enviado para Dois Irmãos do Buriti (MS), onde assumiu a Paróquia Nossa Senhora do Rosário.

O que as pessoas não sabiam era que este sacerdote paulista com um tremendo dom de Deus iria revolucionar não só a cidade, mas todo MS com suas celebrações e eventos de espiritualidade, levando os fiéis e, até mesmo, aqueles que não participavam de mais nada, a se deslocar para aquela cidade, em busca de auxílio, aconselhamentos e direções espirituais e sua famosa celebração de cura e libertação.

Muitos afirmam que o padre faz milagre. Ele, entretanto, diz que quem cura é Jesus Cristo e confirma ter visto curas extraordinárias, como câncer e algumas libertações de ordem espirituais e psicológicas e atribui todas estas curas à fé das pessoas que vem de todo MS, outros estados e países em busca dos milagres.
Este ano, padre Benedito completa sete anos de missão no Estado de Mato Grosso do Sul,totalizando 13 anos de ordenação sacerdotal.

Os fiéis da paróquia e de outras igrejas no Estado parabenizam e pedem bênçãos e proteção de Deus sobre a vida deste homem que ensinou todos a amar Nosso Senhor Jesus Cristo e que tudo é possível pela fé. “Amamos o padre Benedito e agradecemos por tudo que fez e tem feito pelo povo do nosso Mato Grosso do Sul. Seus trabalhos pastorais frente à paróquia e também assentamentos e evangelização de indígenas, dependentes químicos e pastoral carcerária e tantos outros deixaram conforto nas almas de centenas de pessoas que passaram a crer em Deus com a certeza de que com fé tudo é possível”, afirmam os fiéis que homenageiam o pároco pelos seus 13 anos de vida sacerdotal.

Padre Benedito Francisco celebra, neste sábado, às 19h, na Paróquia Nossa Senhora do Rosário, em Dois Irmãos do Buriti, mais uma tradicional missa de cura e libertação.

Deixe seu Comentário