Dourados – MS quarta, 02 de dezembro de 2020
Dourados
33º max
23º min
Influx
Imaculada-Mobile
Dia-a-Dia

Papai noel indígena alegra crianças na aldeia em Dourados

28 Dez 2015 - 10h15
Os integrantes do projeto de extensão do Núcleo de Práticas Jurídicas que encerrou o projeto no dia 23. - Crédito: Foto: César CordeiroOs integrantes do projeto de extensão do Núcleo de Práticas Jurídicas que encerrou o projeto no dia 23. - Crédito: Foto: César Cordeiro
Um papai noel da própria comunidade indígena, o índio “Lima”, fez a alegria da criançada em três tribos de índios guarani caiuá na aldeia Jaguapiru na tarde do último dia 23 de dezembro distribuindo brinquedos, cachorro-quente, balas, pirulitos e sorteando duas bicicletas com o auxilio de acadêmicos e professores do curso de direito da Unigran.


Os brinquedos foram arrecadados através de um projeto de extensão do Núcleo de Práticas Jurídicas da Unigran. O curso de direito é coordenado pelo professor Joe Graeff Filho e a direção é do professor Renato de Aguiar Lima Pereira. O Núcleo tem como diretora: Kelei Zeni e à frente dos trabalhos de campo nas aldeias esteve a orientadora Fabiana Corrêa. “Assim encerramos o projeto de extensão sobre questões indígenas do ano de 2015, o qual tive a valiosa oportunidade de participar, agregar conhecimentos transdisciplinares e, principalmente, crescer como pessoa. Para o fechamento das atividades deste ano, o projeto promoveu uma campanha de arrecadação de brinquedos e doces para realizar um natal com as crianças indígenas, contando com a ajuda de muitos corações bondosos”, disse a coordenadora.


Ela ainda agradeceu a todos os docentes, acadêmicos e palestrantes que participaram do projeto, ao curso de Serviço Social, aos indígenas das aldeias Bororó e Jaguapiru, aos amigos, aos familiares, ao jornalista César Cordeiro, aos alunos do curso de Direito da Unigran e à sociedade em geral. Todos vocês contribuíram para que o projeto de extensão e a campanha de natal fossem possíveis.


O projeto desenvolvido pelo curso de direito da Unigran, em parceria com o curso de Serviço Social, envolveu alunos de ambos os cursos e foi desenvolvido este ano com o tema “O Estado de Direito e a questão indígena”.
O projeto teve início em fevereiro deste ano e o encerramento ocorreu no último dia 23 de dezembro, com a entrega dos donativos em três tribos da Aldeia Jaguapiru.


O projeto “O Estado de Direito e a questão Indígena”, continua em 2016 e visa estimular os alunos para a prática da cidadania por meio de transmissão de informações jurídicas e sua execução atendendo tanto o aprendizado com as informações do campo jurídico como a prática da ação voluntária. Também visa contribuir e proporcionar um aprofundamento dos conhecimentos dos acadêmicos no mundo jurídico e fático da questão indígena.


O projeto teve como metodologia: palestras, debates e discussões e produção de trabalhos acadêmicos. No dia 17 de setembro aconteceu a palestra e mesa-redonda sobre os direitos da população infanto juvenil indígena com a participação do EJUD - Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul.

Deixe seu Comentário