Dourados – MS quarta, 30 de setembro de 2020
Dourados
40º max
23º min
Energisa

Moradores querem barrar instalação de rede de alta tensão

27 Jul 2016 - 06h00
Moradores pedem a suspensão de projeto de instalação de uma rede de alta tensão em Dourados. - Crédito: Foto: Hedio FazanMoradores pedem a suspensão de projeto de instalação de uma rede de alta tensão em Dourados. - Crédito: Foto: Hedio Fazan
Uma polêmica começa a ser discutida em Dourados: a instalação de linhas de alta tensão no perímetro urbano. Ontem, foi protocolado no Ministério Público Estadual (MPE) um documento assinado por moradores de quatro bairros que pedem o fim da implantação da rede. Eles temem danos à saúde.


Há quase dois meses, a Energisa, companhia de energia elétrica, instala superpostes que chegam em Dourados pela Perimetral Norte, adentra pelo Jardim Mônaco e passa por outros bairros como Portal, BNH 2º Plano, Jardim Paulista, até chegar no Maxwell, onde encontra-se uma das subestações de energia.


Adilson Barison é presidente da Associação dos Moradores do Jardim Mônaco. Ele é um dos encarregados pelo abaixo-assinado que quer barrar a instalação de linhas de alta tensão. "As pessoas temem que isso seja prejudicial à saúde, além disso esses postes estão sendo instalados muito próximo ao asfalto", questiona.


No documento protocolado no MPE, os moradores pedem que seja encontrado "outra solução com estudo técnico para questões energéticas, mas que suspenda as obras nas regiões residenciais". Eles apontaram a existência de pesquisas científicas em vários países no mundo mostrando a forte relação do desenvolvimento de câncer, entre eles do tipo leucemia, em pessoas expostas de maneira contínua à radiações eletromagnéticas provenientes de cabos de alta tensão. Ainda apontaram no documento o risco de rompimento de cabos. Os moradores também procuraram a vereadora Virginia Magrini que informou propor uma audiência pública na Câmara para tirar dúvidas sobre a instalação da rede de alta tensão, bem como para discutir eventual possibilidade de realizar a obra de forma subterrânea.


O assunto sobre a exposição a campos eletromagnéticos é polêmico e cientistas procuram há muito tempo uma relação entre os campos gerados pelas linhas de alta tensão e doenças em seres humanos. A leucemia é uma delas, já que uma comunidade científica chegou a apontar correlação, principalmente em crianças. No entanto, se a exposição a linhas de alta tensão fazem mal e como esse mal seria causado, isso até hoje é discutido.

Rede de energia


Segundo a Energisa, a obra contempla a construção de uma linha de alta tensão interligando as subestações Dourados Santa Cruz e Dourados Maxwell. O objetivo é "trazer mais confiabilidade e disponibilidade de energia elétrica para Dourados e região, em especial à região central".


Foram elaborados e apresentados à Prefeitura de Dourados e Governo do Estado (Imasul), de acordo com a Energisa, todos os projetos e estudos necessários para viabilização da obra, comprovando que o empreendimento não traz riscos à população, inclusive com a emissão das licenças autorizativas pelos órgãos competentes. A empresa ainda informou que o projeto é amplamente utilizado em outros centros urbanos, inclusive em Campo Grande.

Deixe seu Comentário