Dourados – MS domingo, 12 de julho de 2020
Dourados
32º max
17º min
Dourados

Moradores prometem série de protestos na Guaicurus

09 Mar 2016 - 13h16
Protesto provocou engarrafamento na Guaicurus na manhã desta quarta-feira
Fotos: Franz Mendes - Protesto provocou engarrafamento na Guaicurus na manhã desta quarta-feira Fotos: Franz Mendes -
Carlos Buckholz *


Moradores do Altos da Lagoa, imediações da avenida Guaicurus, prometem uma série de protestos, com fechamento da via, caso não sejam resolvidos problemas de alagamento e saneamento no bairro.

Na manhã desta quarta-feira (09) eles realizaram protesto das 6h30 às 8h30, com bloqueio da Guaicurus, registrando grande fila de veículos. A via dá acesso à Cidade Universitária (UEMS - UFGD), Exército e aeroporto.

"Tudo o que queremos é que esse alagamento acabe o mais rápido possível, além disso, nós queremos que nossos governantes coloque cascalho em nossas ruas e arrumem a iluminação, pois alguns postes estão sem energia elétrica, não aguentamos mais o que estamos passando todos os dias. É difícil para nos locomovermos, principalmente em dias chuvosos. Tenho alguns vizinhos que infelizmente já mudaram de suas casas por causa desses problemas, ninguém mais está aguentando", desabafou o morador que pediu para se identificar apenas pelo primeiro nome, Cícero.

Por causa da forte chuva na manhã de hoje, o protesto reuniu poucas pessoas. Cícero diz que moradores faltaram devido as condições do tempo, que não ajudaram muito e estavam deixando a avenida um pouco alagada. Outros ainda não compareceram por causa do trabalho.

"Nosso protesto foi totalmente organizado, levamos documentos para o gabinete do prefeito e para alguns vereadores, sendo que nenhum deles apareceu na avenida ou deu alguma resposta de que iriam nos ajudar de alguma forma", informou Cícero.

"Essa pequena movimentação foi tão organizada que resolvemos até chamar a Polícia Militar Rodoviária para nos ajudar a manter a tranquilidade. Se nossas reivindicações não forem atendidas, em breve iremos fazer um novo protesto e dessa vez iremos ficar o dia inteiro e ninguém irá passar. Também tenho certeza que nos próximos movimentos, mais vizinhos irão nos ajudar nessa causa", concluiu Cícero.

( ) Especial para O Progresso*

Deixe seu Comentário