Dourados – MS sexta, 25 de setembro de 2020
Dourados
35º max
19º min
Edições Especiais

Investimentos mudam a vida de moradores da Região Oeste

18 Dez 2015 - 11h32
Novo residencial particular Arezzo, também localizado em parte alta na Vila Toscana, tem bela vista do centro da cidade. - Crédito: Foto: Marcos RibeiroNovo residencial particular Arezzo, também localizado em parte alta na Vila Toscana, tem bela vista do centro da cidade. - Crédito: Foto: Marcos Ribeiro
Marli Lange


A Região Oeste de Dourados é mais uma que avança com obras que estão em execução e outras já finalizadas. Um verdadeiro ‘boom’ imobiliário se concretiza na região. Com vários investimentos em habitação popular, esta área da cidade cresce e, a cada dia, está mais populosa.


Com a expansão imobiliária, vêm se instalando novos pontos comerciais e serviços, como o que vem ocorrendo, por exemplo, no Parque do Lago e Jardim Flórida. O município também está investindo em infraestrutura, como asfalto, galerias de água pluviais, esgotamento sanitário e novas redes de água que chegam na região.


Pelo menos quatro conjuntos habitacionais públicos foram concluídos nos últimos quatro anos, para levar casa própria às famílias de baixa renda. São os Residenciais Martin Cristaldo, João Antônio Luiz Braga, Walter Brandão e Nilson Artur Nascimento. Também estão em execução as obras do Residencial Roma I, II e III, com 512 apartamentos, de 42m², com dois quartos, sala, cozinha/lavanderia e banheiro. O projeto faz parte do Programa Minha Casa, Minha Vida, cujos moradores já foram sorteados pela prefeitura, segundo o departamento de Habitação da Prefeitura. Os blocos são de quatro pisos, com 16 apartamentos cada. O residencial está localizado na Vila Toscana, região alta, com uma bela visão do centro da cidade e próximo à rodovia BR- 463.

Novo Parque Alvorada


Na região do Parque Alvorada, as construções particulares também estão em ritmo intenso. Na parte nova, são residencias, galerias e novos pontos comerciais; região alta e com toda a infraestrutura, o que atrai as novas construções na região Oeste de Dourados.


Um dos novos bairros é o Jardim Cristhais II, com 457 lotes, localizado entre o Jardim Cristhais I e o Anel Viário Norte.


O empresário Cláudio Iguma, da Imobiliária Continental, de Dourados, conta que, mesmo antes do lançamento, já existia um número grande de consulta de pessoas interessadas na aquisição de lotes do Cristhais II. O Cristhais I, lançado ano passado ao lado da Guaicurus e com 500 lotes, já está vendido e em fase de construção de moradias.


É um loteamento de padrão médio-alto, com lotes de 300 m², asfalto, galerias de água pluvial e pontos de ligação de água, energia e esgoto em cada lote, que pode ser financiado.


Com a expansão da Região Oeste, o município também levou mais asfalto aos moradores que, antes tinham que conviver com a poeira e o barro das ruas sem pavimentação.


É o caso do bairro Parque do Lago II, que tem tanto obras concluídas quanto em andamento. Em parte do Jardim Clímax, o asfalto já chegou e do Jardim Novo Horizonte está em execução. Numa parceria entre o município e os moradores, o Parque Alvorada recebeu asfalto comunitário.


Para facilitar o acesso aos bairros dessa região, as principais vias receberam obras. Tem execução de recapeamento, reestruturação e até implantação de trajetos que contribuem para o deslocamento dos moradores, seja entre os bairros, ou para a área central da cidade.


É o caso da rua Floriano Peixoto, que foi recapeada e teve instalação de semáforos. A Rua Olinda Pires de Almeida, que também contempla essa região, passou por obras de recapeamento e mudança de sentido, com sinalização modificada para garantir melhor fluxo dos veículos que movimentam diariamente essa região da cidade para acesso às universidades.

Via Parque


Ainda foram implantadas vias de acesso que interligam bairro e facilitam o acesso, como é o caso do Jardim Clímax ao Estrela Porã. Além desta, tem a Via Parque que liga as regiões Oeste e Sul de Dourados, iniciando na avenida Joaquim Teixeira Alves no Jardim Clímax, passando pela Cohab II e Vila Cachoeirinha, chegando ao BNH 4º Plano. A Via Parque teve um investimento de R$ 5,6 milhões com recursos do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC).


Considerada uma das mais bonitas da cidade, a Via Parque tem 3,5 quilômetros de extensão. Além de ligar diversos bairros, se tornou uma alternativa de acesso entre a área do Aeroporto Regional Francisco de Matos Pereira e Cidade Universitária, com a saída para Ponta Porã.

Lazer, saúde e social


Espaços de lazer também recebem atenção. É o caso da instalação das praças do Ervateiro, Francisco Libório e do Parque do Lago I. Também foi implantada uma Academia ao Ar Livre no bairro BNH 1º Plano.


Na área da saúde, as unidades básicas são contempladas. Foi construída a unidade básica Altos de Indaiá. Obras de revitalização, reforma e ampliação já atingiram as unidades do Jardim Novo Horizonte, Seleta e no Parque do Lago II. Para a Assistência Social, foi construído o Centro Social do Jardim Clímax e reformado o Centro de Referência em Assistência Social (Cras) Parque do Lago.


Na educação, são executadas as obras de construção dos Centros de Educação Infantil Municipal (Ceims) Jardim Clímax, Altos do Indaiá, Monte Carlo, Parque do Lago I e Ipê Roxo.

Deixe seu Comentário