Dourados – MS quarta, 21 de outubro de 2020
Dourados
34º max
21º min
Influx
Dia-a-Dia

Estado reforça unidades dos Bombeiros

16 Abr 2011 - 07h07
Campo Grande - O governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado de Justiça, reforça unidades do Corpo de Bombeiros de mais quatro municípios. O governador André Puccinelli entregou ontem três novas Unidades de Resgate (URs), uma viatura de Autossalvamento (AS), 100 capacetes e 100 conjuntos de proteção contra incêndio.

De acordo com o comandante do Corpo de Bombeiros, coronel Ociel Ortiz Elias, os investimentos somam R$ 840 mil de recursos próprios. Os municípios contemplados desta vez são Nova Andradina, Jardim e Naviraí, que recebem as Unidades de Resgate, e Campo Grande com uma viatura de Autossalvamento. Os equipamentos de proteção como capacetes e conjuntos de proteção contra incêndio (capa, calça e luva) vão para todas as unidades do Estado.

“Este reforço faz parte do planejamento da Corporação e estamos entregando estas unidades para estes municípios porque os outros já foram contemplados. Estamos melhorando as estruturas de cada cidade para prestar um melhor serviço para a população. Temos 21 unidades de Bombeiros e principalmente as das grandes cidades já receberam caminhonetes e viaturas de combate o incêndio”, informou coronel Ociel.

As URs serão equipadas com materiais de atendimento pré-hospitalar, como talas, colares cervicais, óculos de proteção, gases, gel para queimaduras, entre outros. Já a viatura de Autossalvamento será utilizada para deslocamento rápido no município de Campo Grande. Conforme o comandante metropolitano de Campo Grande, coronel José Antônio Pereira dos Santos, a viatura terá duas finalidades. “Além do salvamento a viatura também será utilizada para as missões preventivas como de vistorias nas edificações nos municípios perto de Campo Grande”, explicou.

Além das viaturas, os bombeiros vão receber 100 novos capacetes e 100 conjuntos de proteção de combate a incêndio. Os equipamentos são considerados os mais modernos em relação à proteção e resistência. De tecnologia alemã e fabricados na Itália, os capacetes “Sicor/Dräger” são produzidos com uma fibra especial, a mesma utilizada nos capacetes dos pilotos de Fórmula 1 e nos coletes à prova de balas.

De acordo com o sargento José Alexandre da Silva Neto, o modelo da roupa de proteção contra incêndio traz proteção nos cotovelos, ombros e joelhos. “É um novo modelo que permite uma mobilidade maior do bombeiro para entrar num local com incêndio. A roupa mantém a temperatura do corpo e vem com uma vedação melhor nas luvas que impedem a entrada de calor, já que contam com uma proteção maior no punho”, explicou.

Deixe seu Comentário