Dourados – MS quarta, 12 de agosto de 2020
Dourados
29º max
18º min
Segurança e Saúde JBS
Projeto

Entidades querem fomentar comércio de ‘grandes’ bairros

12 Abr 2016 - 06h00
Primeira reunião entre entidades que vão desenvolver projeto comércio nos bairros. - Crédito: Foto: Marcos RibeiroPrimeira reunião entre entidades que vão desenvolver projeto comércio nos bairros. - Crédito: Foto: Marcos Ribeiro
Com a proposta de promover o fortalecimento e o desenvolvimento do comércio de bairros em Dourados, entidades do Sistema S e Sindicato do Comércio Atacadista e Varejista (Sindicom) elaboram um projeto para atender empresários e colaboradores. Em reunião, foi definido que a primeira região a ser atendida será o grande Ouro Verde.


A iniciativa será apresentada aos empreendedores dos bairros Maracanã, Pantanal, Caramuru, Guanabara, Maipu, Marabá, Paulista, Ouro Verde, Santa Maria, Maxwell, Melo, Santa Hermínia, Nova Esperança e São Francisco, em encontro a ser definido nos próximos dias. "Estamos visitando os comércios desses bairros para explicar o projeto e assim quando finalizar esta etapa iremos agendar uma reunião", explica Vanielle Estrada, gestora do Sindicom.


Farão parte do projeto do Sistema S o Sebrae, o Senac e o Sesc. Cada um deles têm como objetivo oferecer atendimento em suas áreas.


O Sebrae, por exemplo, atua junto às pequenas empresas de forma estratégica para fazer com que o negócio tenha as melhores condições para uma evolução. Para isso possui inúmeros programas e projetos que visam à promoção e ao fortalecimento das micro e pequenas empresas. O Senac possui cursos técnicos e o Sesc atua na promoção de ações no campo da educação, saúde, cultura, lazer e assistência. Também faz parte do projeto a Abrasel (Associação de Bares e Restaurantes).


Diante ao crescimento do comércio em diferentes segmentos nos bairros de Dourados, as entidades, juntas, querem levar informação e conhecimento aos pequenos empresários, de forma que eles consigam se desenvolver cada vez mais, aumentando lucro e gerando empregos. "Para isso queremos ouvir esses empresários, saber da necessidade de cada um deles, seus anseios, desafios e do que precisam para prosperar em seus negócios", pontua Vanielle.


Está sendo estudado a criação de um ‘dia D’ em forma de ação social em cada região que o projeto passar. A região do Ouro Verde e Maracanã foram escolhidos neste momento por serem um dos bairros que concentram variedade de comércio, principalmente na rua Monte Alegre. Muitos moradores dessas localidades já não dependem do comércio central na hora de ir às compras.

Deixe seu Comentário