Dourados – MS terça, 11 de agosto de 2020
Dourados
34º max
19º min
Segurança e Saúde JBS
Dia-a-Dia

Emoção marca sessão de homenagens na Câmara

17 Dez 2015 - 07h00
Sessão solene de homenagens celebrou os 80 anos de Dourados e encerrou os trabalhos. - Crédito: Foto: Thiago Morais/CMDSessão solene de homenagens celebrou os 80 anos de Dourados e encerrou os trabalhos. - Crédito: Foto: Thiago Morais/CMD
Foi uma noite memorável. Marcada por recordações e muita emoção. Familiares e amigos de pioneiros e de ex-vereadores lotaram as galerias da Câmara na noite de terça-feira para acompanhar a sessão solene em comemoração aos 80 anos de Dourados.


Antes do início da solenidade, grupos de pessoas se confraternizavam no saguão, entre risos e lágrimas, relembrando tempos idos. No plenário, música paraguaia com o grupo Os Seresteiros reforçava o tom nostálgico do momento. A dupla Hoto e Vinicius apresentou números do ‘sertanejo raiz’ e a banda da 4ª Brigada de Cavalaria Mecanizada resgatou o tom solene entoando os hinos Nacional e a Dourados.


O padre Leão Kolbe, da Paróquia São Carlos, e o pastor Marcos Camargo Clemente, da Comunidade Batista da Paz, proferiram a bênção ecumênica e deixaram mensagem de amor e fé.


O professor e historiador Carlos Magno Amarilha fez, com riqueza de detalhes, uma explanação sobre a história da formação de Dourados, desde o início dos anos 1900 até a emancipação, em 1935. Em seguida, o momento marcante da solenidade. Sob os aplausos de familiares e amigos, douradenses nascidos em 1935, no ano da emancipação de Dourados, receberam a homenagem da Câmara pelos 80 anos.


Foram agraciados com Moção Legislativa os pioneiros Ageneu Marques de Moraes, Ebe Olídio Pires, Emídio Pereira de Carvalho, Enio Torraca Azambuja, Manoel Frost Capilé, Maria Dorothea Xavier de Matos, Nilce da Silva, Otaciano Ramão Palhano, Olyrio da Silva Rocha, Vilam Augusta e Zenylda Fernandes Mattos. A pioneira Antonia do Carmo Pereira recebeu Diploma de Cidadã Honorária e Fukuzo Murakami Moção de Congratulações.


Falando em nome dos homenageados, Manoel Frost Capilé relembrou um pouco da história de Dourados do século passado e confessou ter ficado surpreso ao saber da existência do registro de nascimento de cerca de 100 pessoas em Dourados no ano de 1935 e que “uma dúzia ainda ‘resiste’ e ficou para contar a história e a trajetória”.


O ex-vereador Mauro da Cruz Sanches falou em nome dos ex-presidentes da Câmara. Ele destacou o trabalho e a contribuição que todos deram para que Dourados perseguisse os caminhos do desenvolvimento, “para chegar aos 80 anos com o brilho de uma das mais promissoras cidades do país”.


Todos os vereadores deixaram mensagens de gratidão, aos pioneiros e seus familiares e também aos ex-presidentes e vereadores de épocas passadas, pela contribuição com a cidade.


O presidente Idenor Machado (DEM) descreveu o momento como histórico e afirmou que é um dever dos homens públicos homenagear pessoas “que trazem em seus ombros a história do desenvolvimento de nossa cidade”.Para ele, reconhecer o que essas pessoas fizeram é também uma forma de homenagear Dourados nos seus 80 anos, “pois eles foram os pilares para que a cidade fosse o que é hoje”.

Ex-Presidentes


Receberam as moções legislativas familiares dos ex-presidentes ‘em memória’ Cyro de Melo, Antônio Emilio de Figueiredo, Austrílio Ferreira de Souza, Raul Frost, Wlademiro Müller do Amaral, Celso Müller do Amaral, Aguiar Ferreira de Souza, Antônio Alves Duarte, Weimar Gonçalves Torres, Vivaldi de Oliveira, Walmor Borges, Sinésio de Matos, Jonas Francisco Dourado, Ataulpho de Matos, Claudionor Albuquerque, Jamary Carneiro Santiago, Décio Rosa Bastos, Cíder Cerzósimo de Souza, Moacir Djalma Barros, Walter Brandão da Silva, Renato Lemes Soares, Américo Monteiro Salgado, Moacir Barreto de Souza, Pedro Domingos Pereira e Ramão Moacir da Fonseca.


Também foram receber a homenagem ou enviaram representantes, os ex-presidentes Sultan Rasslan, Juarez Fiel Alves, Mariano Cândido de Arruda, Archimedes Lemes Soares, Albino Mendes, Mauro da Cruz Sanches, Dorgival Ferreira da Silva, Bela Barros, Raufi Antonio Jacoud Marques, José Carlos Cimati, Joaquim Soares, Carlos Roberto Assis Bernardes, Sidlei Alves e Delia Razuk.

Deixe seu Comentário