Dourados – MS sábado, 26 de setembro de 2020
Dourados
38º max
21º min
Video

Editorial: Palácio do Planalto divide 600 cargos com aliados

06 Abr 2016 - 20h32
Editorial: Palácio do Planalto divide 600 cargos com aliados
 - Editorial: Palácio do Planalto divide 600 cargos com aliados -
Para tentar comprar apoio político no Congresso Nacional e impedir a aprovação do processo de impeachment da presidente Dilma Rousseff o Palácio do Planalto decidiu lotear entre partidos aliados os 600 cargos de confiança na administração pública federal que estavam nas mãos do PMDB.


É isso mesmo! O partido mais fisiológico do Brasil desfrutou por mais de 13 anos de diversos ministérios e de mais de 600 cargos federais até decidir romper com o Partido dos Trabalhadores e se posicionar a favor do impeachment da presidente da República.


Agora, legendas como PP, PR e um bloco formado por Pros, PHS e PEN começam a brigar para saber quem fica com a maior fatia desse bolo formado pelos 600 cargos que pertenciam ao PMDB, número, que apesar de exagerado é minúsculo perto dos mais de 23 mil cargos de confiança que o Palácio do Planalto comanda em toda esfera pública federal. Tão grave quanto o loteamento desses cargos é o sigilo que cerca as nomeações apadrinhadas por políticos, tanto que ninguém sabe onde estão lotados os 23 mil contratados sem concurso público na esfera federal.

Veja mais em vídeo:

Deixe seu Comentário