Dourados – MS sexta, 23 de outubro de 2020
Dourados
32º max
21º min
Influx
Dia-a-Dia

Dourados deve cumprir meia entrada

29 Mar 2011 - 06h56
Promotor Ricardo de Melo Alves diz que o MPE poderá  suspender o evento - Crédito: Foto: Hédio Fazan/PROGRESSOPromotor Ricardo de Melo Alves diz que o MPE poderá suspender o evento - Crédito: Foto: Hédio Fazan/PROGRESSO
DOURADOS – A partir de agora, a cidade de Dourados terá que cumprir a lei da meia-entrada. Isto porque, depois de várias reclamações e denúncias de movimentos estudantis, o Ministério Público decidiu notificar todos os promotores de eventos. Eles terão que assinar um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) assegurando o desconto de 50% para aqueles que comprovarem a condição de estudante.

De acordo com o promotor de Justiça Ricardo de Melo Alves, em caso de descumprimento, o MPE tomará as medidas judiciais cabíveis, como a suspensão do evento. O infrator também poderá responder por uma ação civil pública. Ele orienta a todos os estudantes que se sentirem prejudicados a procurarem o Ministério Público para denunciar.

Recentemente, o Movimento Estudantil de Mato Grosso do Sul acionou o Ministério Público em Dourados para fazer valer a lei da meia-entrada. De acordo com o presidente da entidade, André Luiz Alves de Souza, nenhuma casa de shows ou promotora de eventos estaria cumprindo a norma no município.
Ele relatou que inúmeras vezes já reclamou junto ao Procon, relatando o problema, mas sem sucesso. “Os responsáveis pelo evento recusam a venda diferenciada para estudantes. Sempre informam que o número de convites da meia-entrada esgotou”, disse.
#####LEI ESTADUAL
A decreto de lei estadual nº 8.913 assegura aos estudantes de todo o Estado o direito de pagar a metade do preço. O decreto garante, no artigo primeiro, \"aos estudantes regularmente matriculados em estabelecimentos de ensino de primeiro, segundo e terceiro graus no Mato Grosso do Sul, o pagamento de meia entrada do valor efetivamente cobrado para o ingresso em casas de diversão, de espetáculos teatrais, musicais e circenses, em cinema, praças esportivas e similares das áreas de esporte, cultura e lazer\".

A meia entrada também é válidas para os convites comercializados com desconto. Isso acontece principalmente em grandes festas.

Em recente entrevista ao O PROGRESSO, o presidente do Conselho da Juventude, Gleiber Nascimento, disse que os promotores colocam os convites a preços promocionais semanas antes dos eventos. A lei estadual está em vigor há 12 anos, mas na prática são poucos os estabelecimentos que vendem ingressos a meia entrada. \"Também não existe limite de convites aos estudantes.

O promotor da festa não pode reservar uma parcela de ingresso aos alunos\".
Para ter direito à meia entrada o solicitante deve estar regularmente matriculado em estabelecimento de ensino e possuir a carteira de identidade estudantil com foto. O documento pode ser da classes representativas dos estudantes, a exemplo da União Nacional dos Estudantes (Une), ou do estabelecimento de ensino, desde que tenha a foto, nome completo e o ano da matricula.

Para assegurar que os estudantes de Dourados tenham o conhecimento da meia entrada, a Secretaria de Assistência Social vai promover palestras educativas nas escolas. \"Temos que mostrar que os estudantes têm os seus direitos, que devem ser respeitados\", destaca Gleiber.

Deixe seu Comentário