Dourados – MS quarta, 23 de setembro de 2020
Dourados
30º max
15º min
DOURADOS

Arquiteto do “Run4Fun” diz que todos são vencedores na corrida de rua

30 Mai 2016 - 09h30
Arquiteto diz que carregar a tocha é motivo de orgulho. - Crédito: Foto: DivulgaçãoArquiteto diz que carregar a tocha é motivo de orgulho. - Crédito: Foto: Divulgação
O arquiteto e urbanista, Fabio Luis, acredita que é fácil se apaixonar pela corrida de rua. Ele afirma que, como todo atleta da categoria, teve "melhoras notáveis na saúde", proporcionando uma interação direta com muitas pessoas, fortalecendo o vínculo de amizades. Casado, pai de duas filhas, ex-professor universitário e atualmente profissional liberal, foi escolhido para ser condutor da Tocha Olímpica em Dourados – "Cidade Celebração", a única do interior de Mato Grosso do Sul onde a chama irá pernoitar.

"Um orgulho poder representar neste evento tão importante do esporte mundial cada corredor, seja iniciante ou profissional, pois na corrida de rua todos são vencedores", declara. O arquiteto relata que sempre foi praticante de esportes, mas sem qualquer ligação com uma modalidade específica, até 2012. Com mais quatro amigos, organizou a primeira Corrida Noturna de Dourados, marcando o início do Grupo de Corrida "Run4Fun".

"Hoje é o maior do Centro- Oeste. Um trabalho voluntário que envolve muitas pessoas de forma espontânea visando a prática esportiva através de treinos abertos e eventos", relata. Segundo ele, mais de duas mil pessoas já participaram de alguma atividade promovida pelo grupo. O que, de acordo com Fabio, muitos são os testemunhos de indivíduos encontrando na modalidade força para vencer tratamentos de saúde, como câncer, depressão, diabetes, entre outros.

"Receber a indicação que seria um condutor foi uma grande alegria, visto como uma forma de reconhecimento por tudo que o grupo Run4Fun representa hoje para o pedestrianismo douradense", diz Fabio. Para ele, nenhuma maratona se compara ao percurso da Tocha. "Não tem como dimensionar o prazer", finaliza.

Assim como o arquiteto, o prefeito Murilo acredita que todos são vitoriosos. "Em cada história conhecemos um pouco mais dos douradenses, a garra, determinação e superação. É um orgulho para nós", finaliza. A chama estará no município no dia 26 de junho, percorrendo 15 quilômetros de revezamento até chegar para a celebração na praça Antônio João. As atividades nesse local serão realizadas a partir das 16h.

Deixe seu Comentário