Dourados – MS quarta, 21 de outubro de 2020
Dourados
34º max
21º min
Influx
Mundo

Tepco teria mentido sobre relatórios nucleares

21 Mar 2011 - 22h35
Fumaça vaza do reator 3 nesta segunda-feira - Crédito: Foto: Tokyo Electric Power Co / via AP PhotoFumaça vaza do reator 3 nesta segunda-feira - Crédito: Foto: Tokyo Electric Power Co / via AP Photo
Dez dias antes do acidente na central nuclear de Fukushima, a companhia Tokyo Electric Power (Tepco), operadora da usina, admitiu que havia mentido nos relatórios de controle de suas instalações. A Tepco entregou às autoridades um documento no qual confessava ter manipulado os dados de controle de manutenção.

A empresa afirmava que havia inspecionado cerca de 30 peças que, na verdade, não foram checadas. Durante 11 anos, a Tepco não inspecionou uma peça que alimenta uma válvula de controle da temperatura de um dos reatores. Os técnicos - que garantiram ter vistoriado a ferramenta - se contentaram em fazer apenas controles rotineiros.

Partes ligadas ao sistema de resfriamento e ao fornecimento elétrico de emergência também não foram submetidas a inspeção, apesar da vistoria dessas peças não ser obrigatória.

Autoridades japonesas solicitaram o relatório à Tepco justamente para saber se o procedimento padrão de segurança estava sendo respeitado. \"O plano de controle das instalações e a gestão da manutenção eram inapropriados\", concluiu a Agência de Segurança Nuclear, que assegurou que \"a qualidade das inspeções era insuficiente\".

Antes da catástrofe, a agência reguladora do setor havia alertado a Tepco, exigindo uma mudança de comportamento e a aplicação de um novo plano de manutenção antes de 2 de junho.

A tragédia de 11 de março provocou a parada dos seis reatores da central Fukushima 1, interrompeu a alimentação elétrica, bloqueou os geradores diesel de emergência e levou o sistema de resfriamento ao colapso.

Os erros geraram uma série de acidentes de gravidade crescente, que as equipes da Tepco ainda combatem com a ajuda do exército e dos bombeiros para evitar a perda do controle da situação em quatro dos reatores.

\"Não é possível dizer em que medida as falhas constatadas sobre a manutenção e o controle das instalações influenciaram ou não a cascata de problemas originados pelo terremoto\", indicou a agência. Uma investigação para apurar as causas do desastre será aberta, uma vez que a crise esteja superada.

A qualidade da rede de distribuição elétrica da Tepco é boa, já que os cortes de energia são praticamente inexistentes em Tóquio, uma das cidades abastecidas pelas usinas controladas pela empresa.

Mas a imagem da companhia já havia sido borrada no passado por uma série de escândalos. Em 2002, a Tepco precisou interromper temporariamente o funcionamento de seus 17 reatores nucleares de água quente (BWR), dois deles na central de Fukushima, para uma inspeção, após uma denúncia de \"maquiagem\" nos relatórios. O caso custou o cargo do diretor geral e de seu braço direito.

(G1)

Deixe seu Comentário

Leia Também

Brasil e banco americano assinam acordo de US$ 1 bi em investimentos
Mundo

Brasil e banco americano assinam acordo de US$ 1 bi em investimentos

há 15 horas atrás
Brasil e banco americano assinam acordo de US$ 1 bi em investimentos
Conmebol confirma calendário 2021 para Copa América, Libertadores, eliminatórias e Sul-Americana
Futebol

Conmebol confirma calendário 2021 para Copa América, Libertadores, eliminatórias e Sul-Americana

04/10/2020 13:21
Conmebol confirma calendário 2021 para Copa América, Libertadores, eliminatórias e Sul-Americana
EUA: presidente e primeira-dama têm teste positivo para covid-19
Covid-19

EUA: presidente e primeira-dama têm teste positivo para covid-19

02/10/2020 11:35
EUA: presidente e primeira-dama têm teste positivo para covid-19
Pesquisadores da UFPR descobrem mais quatro espécies de formiga
Insetos

Pesquisadores da UFPR descobrem mais quatro espécies de formiga

29/09/2020 07:38
Pesquisadores da UFPR descobrem mais quatro espécies de formiga
Brasil

Governo libera entrada de estrangeiros em todos os aeroportos do país

25/09/2020 12:01
Últimas Notícias