Dourados – MS sábado, 22 de fevereiro de 2020
Dourados
30º max
18º min
Mundo

Seca leva três municípios a decretar emergência no RS

04 Jan 2011 - 16h30
Moradores do Rio Grande do Sul sofrem com falta
d\'água - Crédito: Foto: Reprodução/TV GloboMoradores do Rio Grande do Sul sofrem com falta d\'água - Crédito: Foto: Reprodução/TV Globo
Chega a três o número de cidades que decretaram situação de emergência por causa da estiagem no Rio Grande do Sul, até esta terça-feira (4). Segundo a Defesa Civil Estadual, além de Candiota e Pedras Altas, que já haviam expedido decreto, a cidade de Barão do Cotegipe também emitiu a notificação.

A população também sofre com a falta d\'água em pelo menos mais três cidades: Bagé, Herval e Lavras do Sul.

Em Bagé, um regime de racionamento de água está em vigor. A cada 12 horas, moradores alternam períodos de fornecimento e não fornecimento de água. Em Herval, a população também sofre com os efeitos da seca. A Defesa Civil Estadual afirma que já recebeu uma Notificação Preliminar de Desastre (Nopred) na cidade.

Em Candiota, a Defesa Civil distribui água à população na zona rural com o uso de caminhões-pipa e pelo menos 200 famílias são afetadas, segundo a Defesa Civil municipal. A prefeitura estima perdas de R$ 3,6 milhões nas produções agrícola e pecuária. Na cidade de Pedras Altas, município vizinho, também muitas famílias no interior sofrem sem conseguir alimentar o gado e cultivar as lavouras.

De acordo com a Defesa Civil, devido à extensa área territorial dos municípios gaúchos, a estiagem castiga com mais intensidade as comunidades localizadas nos chamados interiores dos municípios. Nestes locais, a exploração de poços artesianos, e o abastecimento de água potável com a ajuda de caminhões-pipas são fundamentais para minimizar o problema.

#####Verão sem chuva

De acordo com o Centro de Previsão de Tempo e Estudos Climáticos, do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Cptec/Inpe), o verão 2011, que começou em 21 de dezembro e segue até 20 de março, terá chuvas abaixo da normal climatológica na Região Sul.

\"A previsão é de que o fenômeno La Niña, que representa o esfriamento nas águas superficiais do Oceano Pacífico Tropical, permaneça em atuação pelos próximos três meses, e isso leva a essa condição de mais chuvas no Norte e menos chuvas no Sul\", afirma a meteorologista Priscila Farias, do Cptec/Inpe.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Completa amanhã, 75 anos da histórica tomada de Monte Castello
2ª Guerra Mundial

Completa amanhã, 75 anos da histórica tomada de Monte Castello

20/02/2020 17:00
Completa amanhã, 75 anos da histórica tomada de Monte Castello
Novo Coronavírus: Brasil apresenta ações para enfrentamento da doença
Saúde

Novo Coronavírus: Brasil apresenta ações para enfrentamento da doença

20/02/2020 12:00
Novo Coronavírus: Brasil apresenta ações para enfrentamento da doença
Com apoio da ONU no Brasil, Gâmbia entra em nova fase do programa de alimentação escolar
Sociedade

Com apoio da ONU no Brasil, Gâmbia entra em nova fase do programa de alimentação escolar

20/02/2020 11:30
Com apoio da ONU no Brasil, Gâmbia entra em nova fase do programa de alimentação escolar
Campanha

Embaixadores da Juventude debatem em Lisboa combate à violência contra mulher

19/02/2020 15:45
Recopa Sul-Americana: Flamengo e Independiente Del Valle jogam hoje
Esporte

Recopa Sul-Americana: Flamengo e Independiente Del Valle jogam hoje

19/02/2020 14:45
Recopa Sul-Americana: Flamengo e Independiente Del Valle jogam hoje
Últimas Notícias