Dourados – MS segunda, 18 de janeiro de 2021
Dourados
27º max
22º min
Influx
Mundo

Rebeldes tentam retomar pólo petrolífero na Líbia

01 Abr 2011 - 16h35
Rebeldes guardam entrada da cidade de Ajdabiyah nesta sexta-feira - Crédito: Foto: APRebeldes guardam entrada da cidade de Ajdabiyah nesta sexta-feira - Crédito: Foto: AP
Rebeldes líbios seguiram com armamento mais pesado para a cidade petrolífera de Brega nesta sexta-feira (1º) e tentaram formar uma força mais disciplinada com suas unidades improvisadas para recuperar o ânimo contra o Exército regular de Muammar Kadhafi.

Enquanto a ação militar parecia caminhar para um impasse, os esforços diplomáticos da coalizão buscavam abalar o poder de Kadhafi em Trípoli. Londres exortou as pessoas leais a Kadhafi a abandoná-lo, seguindo a deserção do ministro das Relações Exteriores Moussa Koussa.

Os rebeldes disseram que nenhum lado pode reclamar o controle de Brega, uma de várias cidades petrolíferas ao longo da costa do Mediterrâneo que foram ocupadas e perdidas diversas vezes pelos dois adversários nas últimas semanas. Os insurgentes não conseguiram manter suas posições nem mesmo com a ajuda dos ataques aéreos do Ocidente.

A Líbia enfrenta uma batalha desde o começo deste ano, quando manifestações pedindo a renúncia do ditador Kadhafi, há 42 anos no poder, se tornaram confrontos violentos e passaram a ser reprimidos com força pelo regime.

Nesta sexta-feira havia sinais de uma abordagem mais organizada. Os revoltosos afirmaram que mais oficiais treinados estão no front, foguetes mais pesados foram vistos rumando para Ajdabiyah na noite de quinta-feira e o posto de passagem estava verificando quem atravessava.

\"Só quem tem armas pesadas está podendo passar. Civis sem armas são proibidos\", disse Ahmed Zaitoun, um dos combatentes rebeldes e parte de uma brigada de voluntários civis que receberam mais treinamento que a maioria.

\"Hoje temos oficiais indo conosco. Antes íamos sozinhos\", disse ele, e apontou um homem que reclamava por ser detido em um posto de passagem, acrescentando: \"Ele é um garoto e não tem arma. O que vai fazer lá?\"

Na estrada entre Ajdabiyah e a \"capital rebelde\" Benghazi, armas eram posicionadas em valas recém cavadas mirando Ajdabiyah e o front de batalha, o primeiro sinal de posições de defesa organizada protegendo Benghazi.

Misrata
Forças leais ao ditador estão atacando nesta sexta-feira a cidade de Misrata, controlada pelos rebeldes antigoverno, segundo um porta-voz oposicionista.

Os ataques ocorrem no centro da cidade, e lojas e casas estão sendo alvejadas. Tanques, granadas lançadas de foguetes e morteiros estão sendo usados.

Ainda não havia confirmação independente.

No dia 17 deste mês, a Organização das Nações Unidas (ONU) aprovou uma resolução que valida quaisquer medidas necessárias para impedir um massacre de civis.

Dois dias depois, a coalizão internacional liderada por Estados Unidos, França e Grã-Bretanha começou a bombardear a Líbia.

Apesar de os ataques americanos terem afetado bastante a capacidade militar líbia, os rebeldes não conseguiram aproveitar a circunstância para \"virar o jogo\" militarmente, e as forças de Kadhafi seguiam ganhando terreno rumo ao leste.

#####Cessar- fogo
Os rebeldes estão dispostos a respeitar um cessar-fogo se as forças de Kadhafi suspenderem a ofensiva contra as cidades sob controle dos insurgentes, disse nesta sexta Mustafa Abdel Jalil, membro do Conselho Nacional de Transição (CNT), que reúne os rebelados.

\"Estamos dispostos a um cessar-fogo com a condição de que nossos irmãos nas cidades do oeste possam manifestar-se livremente e que as forças que cercam nossas cidades se retirem\", disse em entrevista em Benghazi.

O dirigente deu a declaração pouco depois de uma reunião com o enviado especial da ONU na Líbia, o jordaniano Abdel Ilah Jatib.

#####Tiros em Trípoli
Tiros de armas pesadas e automáticas foram ouvidos no centro de Trípoli, capital da Líbia, na madrugada desta sexta, segundo testemunhas.

Não ficou claro o que gerou o tiroteio, que durou cerca de 20 minutos e parou antes de amanhecer. Carros aceleravam pelas ruas centrais.

A capital é o principal reduto de Kadhafi e é onde fica seu complexo fortificado Bab al-Aziziyah.

(G1)

Deixe seu Comentário

Leia Também

Boeing 737-500 some do radar logo após decolar na Indonésia
Mundo

Boeing 737-500 some do radar logo após decolar na Indonésia

09/01/2021 10:02
Boeing 737-500 some do radar logo após decolar na Indonésia
Mundo

Trump diz que não vai à posse de Biden

08/01/2021 15:04
Trump insiste que não aceitará vitória de Biden; apoiadores protestam contra certificação da vitória democrata no Congresso
Mundo

Trump insiste que não aceitará vitória de Biden; apoiadores protestam contra certificação da vitória democrata no Congresso

06/01/2021 13:42
Trump insiste que não aceitará vitória de Biden; apoiadores protestam contra certificação da vitória democrata no Congresso
Índia não vai permitir a exportação da vacina de Oxford, diz fabricante
Covid-19

Índia não vai permitir a exportação da vacina de Oxford, diz fabricante

04/01/2021 15:07
Índia não vai permitir a exportação da vacina de Oxford, diz fabricante
Japonesa mais idosa do mundo faz aniversário de 118 anos
Mundo

Japonesa mais idosa do mundo faz aniversário de 118 anos

02/01/2021 17:02
Japonesa mais idosa do mundo faz aniversário de 118 anos
Últimas Notícias