Dourados – MS quinta, 21 de outubro de 2021
Dourados
31º max
18º min
Mundo

Primeiro-ministro japonês abre mão de salário até o fim da crise nuclear

10 Mai 2011 - 17h35
Naoto Kan em coletiva de imprensa realizada
nesta terça-feira - Crédito: Foto: ReutersNaoto Kan em coletiva de imprensa realizada nesta terça-feira - Crédito: Foto: Reuters
O primeiro-ministro japonês, Naoto Kan, anunciou nesta terça-feira (10) que vai abrir mão do salário até o fim da crise na central nuclear de Fukushima.

\"Continuarei recebendo meu salário como membro do Parlamento, mas não o de primeiro-ministro nem os bônus correspondentes\", explicou o chefe de Governo em uma entrevista coletiva.

O Japão enfrenta há dois meses o mais grave acidente nuclear de sua história, depois das avarias nos circuitos de resfriamento da central de Fukushima, provocada pelo terremoto e pelo tsunami de 11 de março.

\"O governo tem uma grande responsabilidade nesta crise, assim como a Tokyo Electric Power (Tepco - a companhia de energia elétrica que administra a central de Fukushima)\", explicou Kan.

Assim, Kan abre mão dos 1,6 milhão de ienes mensais (US$ 20 mil) que recebe como primeiro-ministro, mas seguirá recebendo 800 mil ienes (US$ 10 mil) que ganha como deputado.

Deixe seu Comentário

Leia Também

ONU alerta sobre riscos de extração de combustíveis fósseis até 2030
Mundo

ONU alerta sobre riscos de extração de combustíveis fósseis até 2030

20/10/2021 12:00
ONU alerta sobre riscos de extração de combustíveis fósseis até 2030
Mundo

Papa abre caminho à beatificação de João Paulo I

13/10/2021 16:00
Transição energética é "demasiado lenta", alerta agência
Mundo

Transição energética é "demasiado lenta", alerta agência

13/10/2021 09:00
Transição energética é "demasiado lenta", alerta agência
Jornalistas da Filipinas e Rússia recebem Nobel da Paz
Mundo

Jornalistas da Filipinas e Rússia recebem Nobel da Paz

08/10/2021 13:00
Jornalistas da Filipinas e Rússia recebem Nobel da Paz
Mundo

Pandemia teve impactos diretos para bebês e crianças, diz estudo

06/10/2021 14:00
Últimas Notícias