Dourados – MS segunda, 22 de julho de 2024
22º
Desenvolvimento econômico

Minerais impulsionaram o investimento estrangeiro em 2023 na América Latina

A demanda por commodities e minerais essenciais para a transição energética foi responsável por 23% dos valores dos projetos nos últimos dois anos, em comparação com menos de 10% em outras regiões em desenvolvimento

21 Jun 2024 - 22h45Por ONU News
Setor mineral brasileiro precisa se modernizar para se tornar mais sustentável - Crédito: José Cruz/Agência BrasilSetor mineral brasileiro precisa se modernizar para se tornar mais sustentável - Crédito: José Cruz/Agência Brasil

O investimento estrangeiro direto, IED, na América Latina e no Caribe permaneceu estável em 2023, totalizando US$ 193 bilhões. A informação vem do último Relatório Mundial de Investimentos publicado nesta quinta-feira, pela ONU Comércio e Desenvolvimento, Unctad.

O IED ‘greenfield’, em que uma empresa estabelece novas operações no exterior, registrou um aumento nos valores de anúncios na região, impulsionado por grandes projetos no Brasil e no Chile.

Investimento em energia renovável 

Com o crescimento da demanda global, as commodities e os minerais essenciais para as tecnologias de energia limpa foram o principal setor, respondendo por 23% do valor dos projetos greenfield da região nos últimos dois anos. Essa participação é mais de duas vezes maior do que em outras regiões em desenvolvimento.

O investimento em energia renovável também foi proeminente, com quatro dos dez principais projetos anunciados relacionados à produção de hidrogênio verde ou amônia verde.

Em 2023, a América Latina e o Caribe atraíram 19 megaprojetos avaliados em mais de US$ 1 bilhão cada, sendo que 17 deles foram realizados por investidores de fora da região. Por estoque de IED, os Estados Unidos, a Espanha, os Países Baixos e Luxemburgo foram os principais investidores.

Laboratório de Hidrogênio da Ufrj também produz pilhas que geram energia limpa, sem combustão e emissão de poluentes. Laboratório de Hidrogênio da Ufrj também produz pilhas que geram energia limpa, sem combustão e emissão de poluentes - Foto: UNIC Rio/Ana Rosa Alves

 

Tendências por setor e indústria

Assim como em outras regiões, o número e o valor das transações internacionais de financiamento de projetos, que são cruciais para canalizar investimentos em infraestrutura e serviços públicos, na América Latina e no Caribe diminuíram 30% e 23%, respectivamente.

O setor de energia renovável foi o mais atingido, com 40% menos negócios e US$ 16 bilhões a menos em valor em comparação com 2022. As fusões e aquisições internacionais, que normalmente representam uma parcela menor do IED na região, viram seu valor geral cair 26%, para US$ 11 bilhões. Os setores de tecnologia da informação e comunicação e produtos químicos registraram a maior redução nas transações, enquanto houve um aumento no setor de metais básicos e produtos de metal.

Países registraram resultados variados

Na América do Sul, os investimentos estrangeiros caíram 2%, chegando a US$ 143 bilhões. Os fluxos acelerados para a Argentina, o Chile e a Guiana compensaram os valores mais baixos no Brasil e no Peru, com o Brasil permanecendo como o maior receptor de IED nessa sub-região.

Na América Central, o México foi responsável pela maior parte do investimento estrangeiro, apresentando números estáveis apesar dos valores mais baixos dos projetos.

No Caribe, excluindo os centros financeiros offshore, o IED geral aumentou em 6%, com a maioria dos países apresentando crescimento. A República Dominicana registrou um aumento de 7% nos fluxos de entrada em relação ao ano anterior.

Nos últimos cinco anos, os investimentos estrangeiros se expandiram nos principais grupos econômicos da região, com os fluxos para a Comunidade do Caribe triplicando em relação a 2018.

*Com reportagem do Unctad

Deixe seu Comentário

Leia Também

Angola enfrenta "desigualdades significativas e condições de vida desafiadoras"
ODS

Angola enfrenta "desigualdades significativas e condições de vida desafiadoras"

21/07/2024 22:30
Angola enfrenta "desigualdades significativas e condições de vida desafiadoras"
Kamala pede união ao Partido Democrata para derrotar Donald Trump
Estados Unidos

Kamala pede união ao Partido Democrata para derrotar Donald Trump

21/07/2024 19:00
Kamala pede união ao Partido Democrata para derrotar Donald Trump
Nações Unidas expressam profunda preocupação após ataques de Israel ao Iêmen
Paz e segurança

Nações Unidas expressam profunda preocupação após ataques de Israel ao Iêmen

21/07/2024 18:53
Nações Unidas expressam profunda preocupação após ataques de Israel ao Iêmen
Biden desiste de candidatura à reeleição para a presidência
Estados Unidos

Biden desiste de candidatura à reeleição para a presidência

21/07/2024 14:32
Biden desiste de candidatura à reeleição para a presidência
Venezuela: a sete dias da eleição, pesquisas divergem sobre resultado
Política

Venezuela: a sete dias da eleição, pesquisas divergem sobre resultado

21/07/2024 14:00
Venezuela: a sete dias da eleição, pesquisas divergem sobre resultado
Últimas Notícias