Dourados – MS terça, 19 de outubro de 2021
Dourados
30º max
15º min
Mundo

Governo da Síria liberta parte dos presos políticos

01 Jun 2011 - 20h35
Sírios protestam contra o governo de Assad nesta quarta-feira - Crédito: Foto: APSírios protestam contra o governo de Assad nesta quarta-feira - Crédito: Foto: AP
Centenas de presos políticos foram libertados nesta quarta-feira (1º) na Síria, um dia depois do anúncio de uma anistia geral feita pelo regime do contestado presidente Bashar al Assad, anunciou o chefe do Observatório Sírio dos Direitos Humanos, Rami Abdel-Rahman.

\"Como parte da anistia, centenas de pessoas foram liberadas. Cinquenta delas vêm de Banias (noroeste), entre as quais o poeta Ali Derbak, de 76 anos\", declarou.

No entanto, milhares de presos políticos permanecem detidos e devem ser liberados a qualquer momento, acrescentou.

Os líderes do ilegal Partido do Trabalho, comunista, não foram beneficiados por esta anistia, que exclui as pessoas condenadas por terem aderido a \"uma organização cujo objetivo seja modificar o estatuto econômico e social do Estado\", explicou o chefe da ONG.

A libertação de prisioneiros políticos por parte da Síria \"não é suficiente\", anunciou o Departamento de Estado americano, exigindo a libertação de todos os presos políticos e o início de reformas verdadeiras por parte do governo sírio.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Mundo

Papa abre caminho à beatificação de João Paulo I

13/10/2021 16:00
Transição energética é "demasiado lenta", alerta agência
Mundo

Transição energética é "demasiado lenta", alerta agência

13/10/2021 09:00
Transição energética é "demasiado lenta", alerta agência
Jornalistas da Filipinas e Rússia recebem Nobel da Paz
Mundo

Jornalistas da Filipinas e Rússia recebem Nobel da Paz

08/10/2021 13:00
Jornalistas da Filipinas e Rússia recebem Nobel da Paz
Mundo

Pandemia teve impactos diretos para bebês e crianças, diz estudo

06/10/2021 14:00
Mundo

"Apagão" no Facebook foi erro interno e não ataque informático

06/10/2021 09:00
Últimas Notícias