Dourados – MS quinta, 29 de julho de 2021
Dourados
16º max
min
Mundo

Governo da Líbia liberta 4 jornalistas que estavam presos desde abril

18 Mai 2011 - 18h35
A jornalista americana Clare Morgana Gillis, que estava presa na Líbia, chega a hotel em Trípoli nesta quarta-feira - Crédito: Foto: APA jornalista americana Clare Morgana Gillis, que estava presa na Líbia, chega a hotel em Trípoli nesta quarta-feira - Crédito: Foto: AP
O governo da Líbia libertou nesta quarta-feira (18) quatro jornalistas que estavam detidos desde 4 de abril no país. Eles chegaram a um hotel na capital, Trípoli, segundo testemunhas.

Os jornalistas estavam fatigados, mas em bom estado de saúde.

Todos desapareceram em 4 de abril, quando cobriam a guerra civil na Líbia, em que rebeldes oposicionistas tentam derrubar o regime do ditador Muammar Kadhafi.

Em seguida, o governo líbio disse que eles estavam detidos.

Um porta-voz do governo líbio, Musa Ibrahim, havia declarado à France Presse na terça-feira que dois americanos, um espanhol e um sul-africanos seriam liberados \"muito em breve\".

Mas em lugar do sul-africano, foi um britânico, Nigel Chandler, que chegou na quarta-feira ao hotel.

\"Houve uma confusão\" quanto à identidade dos jornalistas, indicou nesta quarta-feira Musa Ibrahim, acrescentando que o sul-africano \"não havia sido localizado\".

O embaixador sul-africano em Trípoli esperava seu compatriota no hotel.

\"Os quatro jornalistas foram julgados por um tribunal administrativo e condenados a um ano de prisão e a uma multa de 200 dinares (US$ 154) cada um, por entrada ilegal no país\", declarou na terça-feira o porta-voz oficial.

Dois americanos, James Forley da agência de notícias GlobalPost e Clare Morgana Gillis, jornalista independente, assim como dois fotógrafos, o espanhol Manu Brabo e o sul-africano Anton Hammerl, haviam desaparecido no dia 4 de abril quando cobriam o conflito na Líbia. O governo havia informado mais tarde que ambos estavam detidos.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Mundo

OMS afirma que China deve fornecer dados sobre origens da covid-19

15/07/2021 17:00
Mundo

Suspeitos de assassinato do presidente do Haiti são mortos a tiros

08/07/2021 11:00
Mundo

Covid-19: anticorpos podem durar até 12 meses após infecção

08/07/2021 10:00
Presidente do Haiti é assassinado em casa durante a noite, diz premiê
Mundo

Presidente do Haiti é assassinado em casa durante a noite, diz premiê

07/07/2021 07:30
Presidente do Haiti é assassinado em casa durante a noite, diz premiê
Mundo

Onda de calor recorde nos EUA e Canadá mata 45 no Estado do Oregon

01/07/2021 17:30
Últimas Notícias