Dourados – MS segunda, 22 de abril de 2024
21º
Ajuda humanitária

Entrada de ajuda humanitária em Gaza cai 50% em fevereiro

Média de caminhões com suprimentos que conseguiram ter acesso no território palestino ficou em 98 por dia, muito abaixo da meta de 500 entregas diárias

26 Fev 2024 - 19h45Por ONU News
Pessoas deslocadas compram alimentos na Praça Al-Awda, no centro de Rafah, Gaza - Crédito: UN News/Ziad TalebPessoas deslocadas compram alimentos na Praça Al-Awda, no centro de Rafah, Gaza - Crédito: UN News/Ziad Taleb

O aumento dos ataques aéreos sem aviso prévio em Rafah, no sul de Gaza, incluindo em áreas residenciais, causam temores de que eles dificultem ainda mais as operações humanitárias, que já se encontram sobrecarregadas. 

O alerta foi feito nesta segunda-feira pela Agência da ONU de Assistência aos Refugiados Palestinos, Unrwa. Quase 1,5 milhão de pessoas estão em Rafah, mais de seis vezes a população que habitava o local antes de 7 de outubro.

Dificuldades nas fronteiras

Em um boletim divulgado nesta segunda-feira, a Unrwa afirma que fevereiro foi um mês em que muito pouca ajuda chegou em Gaza, com uma média de quase 98 caminhões entrando por dia, uma redução de 50% nos suprimentos em comparação com janeiro de 2024. 

O número de comboios entrando no enclave permanece bem abaixo da meta de 500 entregas por dia, com dificuldades significativas para trazer suprimentos através das passagens de Kerem Shalom e Rafah. 

Os caminhões da Unrwa têm enfrentado enormes obstáculos para entrar na Faixa de Gaza devido a restrições de segurança e fechamentos temporários em ambos os cruzamentos. 

A agência afirma que a segurança para administrar a travessia foi severamente afetada devido à morte de vários policiais palestinos em ataques aéreos israelenses recentes perto das passagens fronteiriças.

O bairro Al-Shaboura, em Rafah, está em ruínasO bairro Al-Shaboura, em Rafah, está em ruínas - Foto: UN News/Ziad Taleb

 

Riscos para a operação humanitária

Em discurso na abertura da 55ª Sessão do Conselho de Direitos Humanos em Genebra, nesta segunda-feira, o secretário-geral da ONU repetiu o seu apelo por um cessar-fogo humanitário e pela libertação imediata de todos os reféns. 

António Guterres ressaltou que a ajuda humanitária ainda é “completamente insuficiente”.  Segundo ele, Rafah é o núcleo da operação de assistência e a Unrwa é “a espinha dorsal desse esforço”. 

O líder das Nações Unidas afirmou que uma ofensiva israelense sobre a cidade além de aterrorizante para mais de um milhão de civis palestinos ali abrigados, “colocaria o último prego no caixão dos programas de ajuda da ONU”.

O comissário-geral da Unrwa, Philippe Lazzarini, comentou a redução de 50% na ajuda humanitária que entra em Gaza, destacando que os principais obstáculos são: falta de vontade política, interrupção dos pontos de passagem, falta de segurança devido a operações militares e colapso da ordem civil. 

Novos deslocamentos

Os intensos combates em Khan Younis, no sudoeste de Gaza, nas últimas cinco semanas estão causando mortes e danos à infraestrutura civil, incluindo o maior abrigo da Unrwa na área sul, o Centro de Treinamento Khan Younis. 

Segundo a agência, isso está forçando milhares de palestinos a fugir mais ao sul em direção a Rafah, que está extremamente superlotada. Ao mesmo tempo, foram relatados movimentos populacionais para fora de Rafah e em direção aos campos de refugiados de Deir Al Balah e Nuseirat, na Área Média, embora haja relatos de novos combates e ataques aéreos nessas áreas.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Timor-Leste enfrenta insegurança alimentar elevada
Desenvolvimento econômico

Timor-Leste enfrenta insegurança alimentar elevada

19/04/2024 22:45
Timor-Leste enfrenta insegurança alimentar elevada
Portuguesa enfatiza importância do Fórum da Juventude para implementação dos ODS
ONU

Portuguesa enfatiza importância do Fórum da Juventude para implementação dos ODS

19/04/2024 21:45
Portuguesa enfatiza importância do Fórum da Juventude para implementação dos ODS
Projeto para adesão da Palestina na ONU é vetado no Conselho de Segurança
Paz e segurança

Projeto para adesão da Palestina na ONU é vetado no Conselho de Segurança

19/04/2024 20:45
Projeto para adesão da Palestina na ONU é vetado no Conselho de Segurança
Ciclo de retaliação no Oriente Médio deve acabar, diz chefe da ONU após ataques ao Irã
Paz e segurança

Ciclo de retaliação no Oriente Médio deve acabar, diz chefe da ONU após ataques ao Irã

19/04/2024 19:45
Ciclo de retaliação no Oriente Médio deve acabar, diz chefe da ONU após ataques ao Irã
ONU faz apelo de US$ 2,8 bilhões para assistência em Gaza e na Cisjordânia
Ajuda humanitária

ONU faz apelo de US$ 2,8 bilhões para assistência em Gaza e na Cisjordânia

18/04/2024 20:45
ONU faz apelo de US$ 2,8 bilhões para assistência em Gaza e na Cisjordânia
Últimas Notícias