Dourados – MS terça, 19 de outubro de 2021
Dourados
30º max
15º min
Mundo

Alunos do interior da Bahia sofrem com falta de estrutura para estudar

08 Abr 2011 - 14h15
Alunos assistem às aulas debaixo de um pé de
algaroba - Crédito: Foto: Reprodução/TV BahiaAlunos assistem às aulas debaixo de um pé de algaroba - Crédito: Foto: Reprodução/TV Bahia
Na zona rural de Casa Nova, a 580 km de Salvador, muitos estudantes precisam de barcos para chegar até o local onde pegam o ônibus para a escola. Como a prefeitura não oferece transporte fluvial, são os próprios alunos que têm que remar por mais de uma hora para atravessar o lago de Sobradinho. A estudante Flávia Ferreira, de 15 anos, é quem leva as colegas. \"É a mesma dificuldade de sempre, é muito esforço para vir de lá pra cá\", relata Flávia.

Na Escola José Fernandes Braga as duas professoras continuam dando aula na mesma sala para turmas diferentes. E como se não bastasse, os alunos estão sendo dispensados mais cedo porque a escola está sem água. Daniel, de seis anos, teve que enfrentar um longo e arriscado caminho pela beira da estrada para voltar para casa. E com sede.

A situação das escolas de Casa Nova foi mostrada há um mês nos telejornais da TV Bahia. Desta vez, a equipe de reportagem não foi autorizada a entrar em algumas unidades. Sem saber que estava sendo filmada, uma professora disse que a ordem é da Secretária de Educação.

\"A secretaria disse que só era para deixar entrar com autorização dela\".

Segundo a presidente do Sindicato dos Trabalhadores de Educação do Estado da Bahia (APLB), depois da exibição da reportagem um porteiro e uma professora estão sendo transferidos para outras escolas, que ficam a mais de 100 km da sede, como forma de punição por terem participado das entrevistas.

No povoado de Entrocamento, onde foram mostrados professores dando aula na calçada de uma casa cedida por um morador, a situação é outra. Depois da última reportagem, o prédio foi tomado pelo pelos proprietários. Agora, as mais de 50 crianças da educação infantil até a quarta série do ensino fundamental, assistem aula embaixo de um pé de Algaroba, que fica no quintal da casa do professor Cosme de Oliveira. Segundo ele, essa foi a única alternativa para continuar trabalhando e não prejudicar o ano letivo dos alunos. \"A necessidade deles deve estar em primeiro plano, por isso que estou aqui. Só pretendo sair daqui quando o sistema der conta de um espaço adequado para atender à necessidade de aprendizagem das crianças\", afirma o professor.

Em parte da tarde os alunos estudam dentro da casa do professor e quando o calor aumenta têm que sair. \"Embaixo de um pé de pau não dá. É bom estudar dentro de uma escola\", diz o estudante Mateus Souza Pacheco, de 12 anos.

Em outra escola, na sede do município de Casa Nova, a vice-diretora também proibiu a entrada da equipe de reportagem, mas pelo portão dá pra ver que as salas continuam sem portas e sem janelas. E não houve reforma para ampliar as salas.

A secretária de educação Alda Xavier não foi encontrada na secretaria nem na casa onde mora. O Ministério Público da cidade também foi procurado, mas não há promotor titular. Daniela Baqueiro Vargas, que trabalha como substituta não estava. Por telefone, Baqueiro foi informada sobre a situação das escolas e se disse surpresa. Ela solicitou uma cópia da reportagem e disse que vai abrir um procedimento administrativo para investigar as denúncias.

A Secretaria de Educação da cidade de Casa Nova informou que o problema da merenda escolar já foi resolvido e que a distribuição dos alimentos está sendo realizada normalmente. Mas com relação a todos os outros problemas que a reportagem mostrou, não houve resposta da administração municipal.
(G1)

Deixe seu Comentário

Leia Também

Mundo

Papa abre caminho à beatificação de João Paulo I

13/10/2021 16:00
Transição energética é "demasiado lenta", alerta agência
Mundo

Transição energética é "demasiado lenta", alerta agência

13/10/2021 09:00
Transição energética é "demasiado lenta", alerta agência
Jornalistas da Filipinas e Rússia recebem Nobel da Paz
Mundo

Jornalistas da Filipinas e Rússia recebem Nobel da Paz

08/10/2021 13:00
Jornalistas da Filipinas e Rússia recebem Nobel da Paz
Mundo

Pandemia teve impactos diretos para bebês e crianças, diz estudo

06/10/2021 14:00
Mundo

"Apagão" no Facebook foi erro interno e não ataque informático

06/10/2021 09:00
Últimas Notícias