Dourados – MS sábado, 18 de maio de 2024
18º
Esporte

Primeira edição da Maratona de Campo Grande foi marcada pela emoção

Provas de corrida de rua reuniram participantes de todo o Brasil, e sentimento de superação foi unânime para os que cruzaram a linha de chegada

13 Jul 2022 - 18h45
Primeira edição da Maratona de Campo Grande foi marcada pela emoção -

A primeira edição da Maratona de Campo Grande foi encerrada neste domingo, com a realização das provas de corrida de rua, com percursos de 7 km, 21 km (meia maratona) e 42 km (maratona). A largada foi realizada no Shopping Bosque dos Ipês, em duas baterias, às 6h e às 6h10, e a manhã foi de muita emoção conforme os participantes cruzavam a linha de chegada. Foram, ao todo, 1.115 inscritos, englobando os três percursos e a corrida kids, sendo 156 desses na maratona. O primeiro a cruzar a linha de chegada completou os 7 km em apenas 24 minutos e 3 segundos, e o último participante encerrou os 42 km da maratona com 5 horas, 56 minutos e 59 segundos. Uma segunda edição já foi confirmada pela organização para julho de 2023.

O vencedor da maratona na categoria masculina foi o campo-grandense Maicon Dieferson Gomes, de 32 anos, com o tempo de 2:50:36. Essa foi a primeira maratona do corredor, que se preparou por apenas um mês para o desafio. “Foi minha primeira maratona, foi um desafio porque amanhã [segunda] é meu aniversário de 32 anos, o que me motivou a entrar na maratona de última hora. Pelos meus treinos eu esperava subir no pódio, mas fui entrando no ritmo, fui encaixando e acabei superando as expectativas. Ainda não caiu minha ficha, mas estou muito feliz e quem sabe vou tentar defender o título no ano que vem”, comentou Maicon. O segundo colocado foi Claudemir Ferreira, com tempo de 2:54:32, e o terceiro Roberto Isawa, que completou em 2:55:17.

Já na categoria feminina, a primeira colocada foi Maira Brum, de 43 anos, que veio de Dourados com membros do seu grupo de corrida e completou em 3 horas, 52 minutos e 49 segundos. “A prova foi gostosa, bem organizada, apesar do percurso difícil. A sensação de ser campeã é inexplicável. Essa foi minha sexta maratona, mas foi a primeira vez que ganhei. Vim de Dourados participar com o meu grupo de corrida, trouxe os alunos junto. O pensamento de ficar para a história, ganhando a primeira maratona da cidade, foi o que me deu um gás a mais para completar”, definiu a corredora. No segundo lugar ficou Léia Alves de Oliveira, com tempo de 3:59:26, e no terceiro Karoline Torres de Lima Pandini, com o tempo de 4:01:51.

O vencedor da meia maratona na categoria masculina foi Caio Fabricius Souza, de 33 anos, que completou em 1 hora, 14 minutos e 30 segundos. A primeira colocada dos 21 km categoria feminina foi Sandra Batista dos Santos, 39 anos, com tempo de 1 hora, 33 minutos e 38 segundos. Já no percurso mais rápido, dos 7 km, os ganhadores foram Samael Medeiros Coelho, de 31 anos, com apenas 24 minutos e 3 segundos, e Isabella Melo, de 30 anos, com 30 minutos e 38 segundos. 

No meio de tantos corredores, muitas histórias emocionantes, como a do professor Carlão, de 57 anos, que correu a meia maratona com seu doador de medula óssea, Luiz Eduardo Andrade, de 28 anos, que veio do Paraná. Ou a da corredora Sandra Batista, mãe de dois filhos, que começou a correr para superar uma depressão severa e neste domingo foi a primeira colocada dos 21 km na categoria feminina. Ou ainda a de Nilson Lima, 69 anos, que veio de Uberlândia (MG) na busca por chegar à sua maratona de número 300 e concluiu a 297ª prova com sucesso, ficando em segundo lugar na sua categoria. Alguns exemplos dentre muitos outros presentes na prova, com casais correndo lado a lado e até famílias inteiras participando juntas.

E para quem achava que para os últimos colocados o sentimento seria de derrota, os corredores que cruzaram a linha de chegada nas colocações finais mostraram que o mais importante é a superação de limites. Sidnei Sampaio, de 52 anos, foi quem encerrou a prova de 42 km. Essa foi sua 77ª maratona, incluindo provas pelo mundo todo. “A primeira maratona sempre é difícil em qualquer lugar, mas a altimetria estava tranquila. Só o calor que pegou um pouco no final, porque sou de Juiz de Fora, e lá o tempo está mais ameno. Ninguém planeja terminar com quase 6 horas, geralmente eu faço um tempo bem menor, estou fora de forma, mas o mais importante é terminar, e eu terminei bem. É bom demais concluir a maratona, é isso que vicia a gente”, definiu.

Marinês Valentim, de 58 anos, também foi uma das últimas a cruzar a linha de chegada. Ela veio de Recife para participar de sua 75ª maratona. “É sempre um grande desafio terminar, a gente sofre, mas é um sofrimento gostoso, porque concluir uma maratona é um desafio não só esportivo, é um desafio para a vida, a gente aprende muito. Sou apaixonada, quero concluir minhas 100 maratonas, e eu amei a prova, achei muito bem organizada, com um percurso muito bonito. Gosto sempre de fazer história, então como é a primeira edição fiz questão de vir de Recife só para participar”, contou. 

Organização comemora sucesso da prova 

Para a organização, o sentimento de ter concluído com sucesso essa primeira edição é de satisfação. “A logística foi pesada, foi um desafio gigantesco, mas quando você sonha uma coisa, o sonho não tem limites.

Executar um projeto com essa grandiosidade e, apesar dos desafios, encontrar tanta sinergia, com mais de 350 staffs, equipes de outros estados, mais de oito entidades trabalhando juntas, e ver os atletas saindo satisfeitos, querendo voltar, não tem palavras que possam descrever”, afirmou a organizadora da prova, Kassilene Cardadeiro. 

“A medição foi aferida pela Federação de Atletismo de Mato Grosso do Sul, o que deu ao corredor a certeza e a tranquilidade de que ele estava fazendo a distância correta. O principal desafio foi o percurso, com fechamento de várias ruas dentro de Campo Grande, mas ele foi pensado para passar pelos pontos principais da cidade, no centro, pela 14 de Julho, Afonso Pena, Bioparque Pantanal, Parque dos Poderes, regiões que os corredores de fora puderam conhecer e com alguns trechos inéditos até mesmo para quem é daqui, mas nunca tinha tido oportunidade de correr nesses lugares”, completou o diretor técnico da prova, André Milani. 

O evento começou na sexta-feira, com entrega de kits, atrações culturais e o village, uma feira com produtos esportivos, de saúde e de bem-estar, programação que se estendeu pelo sábado e teve seu encerramento com as provas de corrida de rua na manhã de domingo, com premiações para os primeiros colocados de cada percurso e também por categoria para os participantes da maratona.

Serviço: A 1ª edição da Maratona de Campo Grande, com largada e chegada no Shopping Bosque dos Ipês, foi realizada entre os dias 8 e 10 de julho. A realização foi da Adac – Associação Desportiva Atletas de Cristo, e a organização da Agência H2O Ecoturismo. Apoio: Sesc/Fecomércio-MS, Águas Guariroba, Governo do Estado de Mato Grosso do Sul, Fundação de Turismo, Fundesporte, Prefeitura de Campo Grande, Agetran e Funesp. Cobertura completa e informações sobre os resultados pelo Instagram @maratonacampogrande e pelo site: www.maratonadecampogrande.com.br
 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Amazonas e Paysandu empatam em 1 a 1 pela Série B do Brasileiro
Esporte

Amazonas e Paysandu empatam em 1 a 1 pela Série B do Brasileiro

18/05/2024 20:15
Amazonas e Paysandu empatam em 1 a 1 pela Série B do Brasileiro
Mundial de Atletismo paralímpico: Brasil lidera quadro de medalhas
Esporte

Mundial de Atletismo paralímpico: Brasil lidera quadro de medalhas

18/05/2024 18:15
Mundial de Atletismo paralímpico: Brasil lidera quadro de medalhas
Brasil derrota EUA por 3 sets a 1 na Liga das Nações Feminina
Esporte

Brasil derrota EUA por 3 sets a 1 na Liga das Nações Feminina

18/05/2024 17:45
Brasil derrota EUA por 3 sets a 1 na Liga das Nações Feminina
Seleção Sub-20 é convocada para Data Fifa de junho
Futebol

Seleção Sub-20 é convocada para Data Fifa de junho

17/05/2024 22:15
Seleção Sub-20 é convocada para Data Fifa de junho
Fifa anuncia plano global contra o racismo
Futebol

Fifa anuncia plano global contra o racismo

17/05/2024 22:00
Fifa anuncia plano global contra o racismo
Últimas Notícias