Dourados – MS domingo, 05 de dezembro de 2021
Dourados
36º max
23º min
Paris 2024

Atletas de MS terão bolsas de até R$ 7 mil para competir nos jogos olímpicos

22 Out 2021 - 09h00Por Governo do Estado
O governador do Estado, Reinaldo Azambuja, e o paracanoista ouro em Tóquio, Fernando Rufino - Crédito: Chico RibeiroO governador do Estado, Reinaldo Azambuja, e o paracanoista ouro em Tóquio, Fernando Rufino - Crédito: Chico Ribeiro

Atletas e paratletas de Mato Grosso do Sul que representaram o Brasil nas Olimpíadas de Tóquio 2020, disputadas neste ano por causa da pandemia da Covid-19, receberão do Governo do Estado bolsas de até R$ 7 mil por mês até os próximos jogos olímpicos, que serão realizados em Paris, em 2024. A novidade foi anunciada pelo governador Reinaldo Azambuja nesta semana, durante o lançamento do pacote de investimentos “MS+Esporte”, que vai injetar R$ 120 milhões no setor.

“Além de praticamente dobrar a Bolsa Atleta e a Bolsa Técnico, existentes hoje para formação de base em todas as modalidades, criamos uma bolsa específica para atletas de alto rendimento: o 'MS Olímpico'. Até Paris 2024, teremos essa bolsa permanente ajudando e apoiando nossos atletas de alto rendimento", explicou o governador no lançamento do programa.

O Governo do Estado planeja investir cerca de R$ 720 mil no pagamento dos benefícios. Segundo a Fundesporte (Fundação de Desporto e Lazer de Mato Grosso do Sul), as bolsas serão de R$ 5 mil para atletas e paratletas participantes dos jogos; de R$ 7 mil para medalhistas e de R$ 3 mil para os técnicos.

"Esse valor nos dá total segurança, estabilidade e tranquilidade para continuar e melhorar o trabalho", disse o paratleta Yeltsin Jacques, de 22 anos, dono de duas medalhas de ouro no Atletismo dos Jogos Paralímpicos de Tóquio 2020, conquistadas nas provas de corrida de 1.500 e 5.000 metros na classe T11, para deficientes visuais.

Segundo ele, o valor é suficiente para investir nos treinos, na alimentação adequada e também na compra de materiais esportivos necessários para a excelência nas atividades. "Com essa bolsa a gente mostra que chegou no padrão europeu. O governo está olhando por nós, pela juventude e esses resultados certamente chegarão até os jogos de Los Angeles 2028", afirmou.

Outro beneficiário do novo programa de incentivo é o paratleta Fernando Rufino, de 36 anos, conhecido como Cowboy do Aço. Nas Olimpíadas de Tóquio 2020, ele venceu a prova de 200 metros de paracanoagem, classe VL2, de canoa havaiana para atletas com deficiência física, e garantiu uma medalha de ouro para o Brasil.

"Ser atleta de alto rendimento não é só ter músculo, mas sim ter a tranquilidade de uma vida pessoal e financeira tranquila. Então, esse apoio representa foco total. Com ele, vamos mantar a busca pela alta performance. Esse é nosso objetivo a partir de agora", defendeu o paracanoísta.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Dourados e Campo Grande são campeões da Liga MS de Voleibol
Esporte

Dourados e Campo Grande são campeões da Liga MS de Voleibol

30/11/2021 10:04
Dourados e Campo Grande são campeões da Liga MS de Voleibol
Mato Grosso do Sul começa as Paralimpíadas Escolares 2021 com 36 medalhas conquistadas
Paralimpíadas Escolares 2021

Mato Grosso do Sul começa as Paralimpíadas Escolares 2021 com 36 medalhas conquistadas

25/11/2021 17:00
Mato Grosso do Sul começa as Paralimpíadas Escolares 2021 com 36 medalhas conquistadas
Brasil diminui distância para líder Bélgica no ranking de seleções
esporte

Brasil diminui distância para líder Bélgica no ranking de seleções

20/11/2021 13:36
Brasil diminui distância para líder Bélgica no ranking de seleções
Fisiculturismo ganha espaço no MS e atletas de Dourados se destacam
Esporte

Fisiculturismo ganha espaço no MS e atletas de Dourados se destacam

20/11/2021 13:00
Fisiculturismo ganha espaço no MS e atletas de Dourados se destacam
Torneio de beach tennis começa amanhã em Bonito
Beach Tennis

Torneio de beach tennis começa amanhã em Bonito

18/11/2021 14:00
Torneio de beach tennis começa amanhã em Bonito
Últimas Notícias