Dourados – MS quarta, 27 de janeiro de 2021
Dourados
31º max
22º min
Influx
Esporte

Adilson curte o momento, mas já pensa nas voltas de Ganso, Neymar...

31 Jan 2011 - 17h05
Adilson está otimista com as possibilidades do 
Santos - Crédito: Foto: Adilson Barros / Globoesporte.comAdilson está otimista com as possibilidades do Santos - Crédito: Foto: Adilson Barros / Globoesporte.com
O técnico Adilson Batista, do Santos, esbanja otimismo. Ele tem motivos para isso. O Peixe lidera o Paulistão, com 13 pontos. Tem o melhor ataque, com 16 gols marcados em cinco jogos (média de 3,2 gols por jogo), e os dois principais artilheiros da competição: Elano e Maikon Leite, com cinco gols cada um. E tudo isso sem poder contar com jogadores fundamentais.

O Peixe que começou o estadual com tudo não tem o meia Paulo Henrique Ganso, o volante Arouca, ambos machucados, e o atacante Neymar, que está servindo à Seleção Brasileira sub-20. Só para citar os titulares absolutos. O treinador ainda conta com o volante Charles, que foi contratado no início deste ano, mas ainda se recupera de lesão, e com o atacante Diogo, apresentado na última quinta-feira, mas ainda fora de forma física. E ainda há os outros três jogadores que estão com Neymar na Seleção Olímpica: os laterais Danilo, Alex Sandro e o meia Alan Patrick. Esse trio, porém, deverá ficar como opção no banco.

- Estamos no caminho certo e com muita gente boa que ainda não jogou. Na hora em que voltar todo mundo, o treinador vai poder dormir tranquilo - comentou, bem humorado, o comandante alvinegro.

Adilson só não adianta qual vai ser a escalação quando todos os jogadores estiverem à disposição. Arouca deve estar apto a jogar no próximo final de semana. Ganso e Charles só voltam no fim de fevereiro. Já os jogadores da Seleção estarão presentes na estreia do Peixe na Taça Libertadores, dia 15 de fevereiro, contra o Deportivo Táchira-VEN, na Venezuela.

Por outro lado, o treinador garante que não vai abrir mão de uma equipe ofensiva. Diz que não tem como contrariar sua vocação e a da própria equipe. Nem que isso signifique correr o risco de ter um time exposto em algumas ocasiões.

- Eu acho que vale a pena (correr risco). Eu não abro mão de alguém mais leve e técnico que possa puxar um contra-ataque, criar uma boa jogada para ter um grandão só para ganhar a segunda bola e ficar cercando. É questão de gosto.

(G1)

Deixe seu Comentário

Leia Também

Corinthians vive surto de covid-19, com dez jogadores infectados
Esporte

Corinthians vive surto de covid-19, com dez jogadores infectados

27/01/2021 13:57
Corinthians vive surto de covid-19, com dez jogadores infectados
Palmeiras x Santos será 3ª final brasileira da história da Libertadores
Futebol

Palmeiras x Santos será 3ª final brasileira da história da Libertadores

26/01/2021 16:05
Palmeiras x Santos será 3ª final brasileira da história da Libertadores
Sorteio põe mexicanos ou coreanos em caminho brasileiro no Mundial
Futebol

Sorteio põe mexicanos ou coreanos em caminho brasileiro no Mundial

20/01/2021 09:57
Sorteio põe mexicanos ou coreanos em caminho brasileiro no Mundial
Governo do Estado divulga decreto com regras para o Bolsa-Atleta e Bolsa-Técnico
Decreto

Governo do Estado divulga decreto com regras para o Bolsa-Atleta e Bolsa-Técnico

20/01/2021 09:03
Governo do Estado divulga decreto com regras para o Bolsa-Atleta e Bolsa-Técnico
Aberto da Austrália: brasileiros iniciam treinos em meio a quarentena
Tênis

Aberto da Austrália: brasileiros iniciam treinos em meio a quarentena

20/01/2021 07:52
Aberto da Austrália: brasileiros iniciam treinos em meio a quarentena
Últimas Notícias