Dourados – MS segunda, 10 de agosto de 2020
Dourados
32º max
18º min
Segurança e Saúde JBS
DESEMPREGO

Setor de serviços cai 5,9%, no pior março desde 2012

12 Mai 2016 - 13h59
Em março, o volume do setor de serviços do país recuou 5,9% frente ao mesmo período do ano passado, segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística - Crédito: Foto: DivulgaçãoEm março, o volume do setor de serviços do país recuou 5,9% frente ao mesmo período do ano passado, segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística - Crédito: Foto: Divulgação
Em março, o volume do setor de serviços do país recuou 5,9% frente ao mesmo período do ano passado, segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) informou nesta quinta-feira (13). Esse é o pior mês de março da série histórica da Pesquisa Mensal de Serviços (PMS), que teve início em 2012.

No ano, o setor acumula queda de 5% e em 12 meses, de 4,4%.

"O desaquecimento da economia como um todo do setor industrial que vem ocasionando essa menor contratação de serviços", afirmou Roberto Saldanha ao site do G1, técnico de serviços e comércio do IBGE. "Isso tudo, com essa base [de comparação] de março [de 2015] um pouco elevada acentuou a queda [neste mês]", completou.

Foram registradas variações negativas em serviços prestados às famílias (-3,8%); serviços de informação e comunicação (-5,9%); serviços profissionais, administrativos e complementares (-6,8%) e transportes, serviços auxiliares dos transportes e correio (-7,2%). Na contramão, o segmento de outros serviços registrou crescimento de 2,6%.

"Por modalidade, os resultados de volume foram: transporte terrestre, com -10,1%, transporte aquaviário, com -2,4%, e transporte aéreo, com 1,4%. A atividade de armazenagem, serviços auxiliares dos transportes e correio apresentou decréscimo de 5,3%", disse o IBGE, em nota.

De acordo com Saldanha, esta é a primeira queda nominal e real desde o início da série história do transporte aquaviário. O especialista afirmou que o frete caiu apesar de as exportações terem subido.

"Desaceleração da economia chinesa, resultou em menor demanda de importação de produtos, maior competição de mercado internacional e a baixa do preço do petróleo. Isso fez com que as empresas reduzissem o valor do frete e resultou nessa queda de 2,4%", explicou.

As Atividades turísticas, que havia mostrado resultado positivo em fevereiro (1,3%) e janeiro (0,5%), retraíram 2,3% em março, em comparação com o mesmo mês em 2015. No ano, esse segmento caiu 0,2% e, em 12 meses, o recuo foi de 1,4%.

"Mas de qualquer forma, o próprio desaquecimento das atividades econômicas como um todo afetam o setor de serviços", concluiu.

Análise regional

Na comparação anual, o setor de serviços subiu em Tocantins (9,3%), Roraima (7,3%), Rondônia (6,9%), Distrito Federal (4,1%), Ceará (1,4%) e Alagoas (0,2%). As maiores variações negativas de volume foram observadas no Amazonas (-16,3%), Amapá (-15,3%) e Maranhão (-11,7%).

Trimestre

O setor de serviços acumulou queda de 5% no primeiro trimestre deste ano. As quedas mais relevantes partiram de serviços profissionais, administrativos e complementares (-6,7%); transportes, serviços auxiliares dos transportes e correio (-5,2%) e serviços de informação e comunicação (-4,4%), "ou seja, os segmentos com maior peso na estrutura do setor de serviços", apontou o instituto.

"Em relação ao quarto trimestre, houve ligeira melhora. A taxa caiu menos. Mas é cedo para falar em recuperação. Não dá para afirmar isso. Não podemos falar que é um trimestre que está iniciando uma recuperação", analisou Saldanha.

De acordo com o técnico do IBGE, o quatro trimestre de 2015 foi "até o momento o menor patamar que um trimestre já atingiu [na série histórica da PMS]".

Deixe seu Comentário

Leia Também

Exportações crescem de janeiro a julho e superávit de MS é 29,37% maior em relação ao ano passado
Economia

Exportações crescem de janeiro a julho e superávit de MS é 29,37% maior em relação ao ano passado

há 52 minutos atrás
Exportações crescem de janeiro a julho e superávit de MS é 29,37% maior em relação ao ano passado
MS

Exportação de soja de Mato Grosso do Sul cresce 58% em 2020

09/08/2020 15:01
Compre de MS: produtos da indústria local ganham destaque nas prateleiras
MS

Compre de MS: produtos da indústria local ganham destaque nas prateleiras

09/08/2020 10:08
Compre de MS: produtos da indústria local ganham destaque nas prateleiras
Mesmo em pandemia, Procon mantém média de 30 denúncias por dia em Dourados
CONSUMIDOR

Mesmo em pandemia, Procon mantém média de 30 denúncias por dia em Dourados

08/08/2020 13:07
Mesmo em pandemia, Procon mantém média de 30 denúncias por dia em Dourados
Economia

Governo vai anunciar 3 ou 4 'grandes privatizações' em até dois meses, diz Guedes

07/08/2020 12:07
Últimas Notícias