Dourados – MS quarta, 27 de janeiro de 2021
Dourados
31º max
22º min
Influx
Economia

MS vem se destacando no cenário nacional de bioenergia

18 Abr 2011 - 23h05
Abertura Nacional da Safra de Cana em Nova Alvorada - Crédito: Foto :  DivulgaçãoAbertura Nacional da Safra de Cana em Nova Alvorada - Crédito: Foto : Divulgação
Campo Grande - Produzindo quatro vezes a quantidade de etanol que consome e líder no crescimento da produção de cana-de-açúcar, Mato Grosso do Sul vem se destacando no cenário nacional quando o assunto é bioenergia. Prova disso é que o Estado recebeu na semana passada a Abertura Nacional da Safra de Cana, realizada na Usina Santa Luzia, da ETH, em Nova Alvorada do Sul. Com a presença de representantes do setor e autoridades políticas, o evento foi marcado pelo otimismo e busca de soluções para ampliar a produção para atender as demandas nacionais e internacionais.

Com direito a brinde com caldo de cana, o setor selou o início da safra que deve iniciar a queda nos preços do etanol. Reforçando a questão de que é possível produzir cana sem afetar a produção de alimentos, o presidente da Associação dos Produtores de Bioenergia de Mato Grosso do Sul (Biosul), Roberto Hollanda, afirmou que o setor quer produzir mantendo as principais características do Estado, a de produtor de alimentos e de dono de um grande patrimônio ecológico. “Em breve estaremos em saudável disputa com os outros estados do Centro-Sul do País na busca por um segundo lugar na produção de cana”, destacou.

O presidente do Fórum Nacional Sucroenergético, Luiz Custódio Cotta Martins, expôs durante o evento as circunstâncias que levaram a alta de preços e destacou ações do setor nesse sentido. “Estamos em uma entressafra que sofreu os abalos da crise de 2008 e de eventos climáticos que atrapalharam a produção. Agora vamos nos unir para discutir soluções e apresenta-las ao Governo”, resumiu.

MS recebeu a terceira Abertura Nacional de Safra, a primeira foi realizada no Paraná e a segunda em Goiás. As discussões giraram em torno das demandas que um mundo pós-petróleo deve gerar, ressaltando a importância que os biocombustíveis tem conquistado nos últimos anos.


O governador do Estado, André Puccinelli, apontou que o setor da cana irá dinamizar o PIB (Produto Interno Bruto) brasileiro. “Tenho certeza de que o Brasil irá ocupar lugar de destaque no cenário mundial como o detentor da melhor tecnologia de produção de etanol no mundo”, finalizou.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Alan Guedes anuncia antecipação da 1° parcela dos salários que foram escalonados
Dourados

Alan Guedes anuncia antecipação da 1° parcela dos salários que foram escalonados

há 13 horas atrás
Alan Guedes anuncia antecipação da 1° parcela dos salários que foram escalonados
Projeto permite saque emergencial do FGTS por trabalhadores do Amapá
economia

Projeto permite saque emergencial do FGTS por trabalhadores do Amapá

26/01/2021 17:04
Projeto permite saque emergencial do FGTS por trabalhadores do Amapá
Novos investimentos no Centro-Oeste gerarão cerca de 23 mil empregos
Economia

Novos investimentos no Centro-Oeste gerarão cerca de 23 mil empregos

26/01/2021 15:22
Novos investimentos no Centro-Oeste gerarão cerca de 23 mil empregos
Governo federal aprova auxílio emergencial para 196 mil pessoas
Economia

Governo federal aprova auxílio emergencial para 196 mil pessoas

26/01/2021 10:49
Governo federal aprova auxílio emergencial para 196 mil pessoas
Última semana de janeiro tem 119 vagas de emprego em Dourados
oportunidade

Última semana de janeiro tem 119 vagas de emprego em Dourados

25/01/2021 09:15
Última semana de janeiro tem 119 vagas de emprego em Dourados
Últimas Notícias