Dourados – MS segunda, 03 de agosto de 2020
Dourados
31º max
15º min
Campanha Parcelamento Conta
Informe C

Será que agora a coisa anda?

18 Jul 2016 - 06h00
Será que agora a coisa anda? -
O contabilista douradense Milton Carlos Luna considerou "excelente a sugestão do secretário de Justiça e Segurança Pública, em utilizar dinheiro apreendido para a construção da sede própria do DOF, tendo em vista que o projeto está pronto há vários anos e até hoje não saiu do papel. Vamos fazer uma corrente e apoiar essa ideia que trará mais segurança para Dourados e toda a fronteira." Luna – um dos mais antigos colaboradores do DOF, se referiu aos 2,5 milhões de dólares (ou R$ 8 milhões) apreendidos perto do Corumbá pela PRF e o DOF. O secretário José Carlos Barbosa e o adjunto Antonio Carlos Videira estão nesta parada.

##### Que coisa!


Refletindo o pensamento da maioria, a professora universitária na UEMS, Zélia Nolasco comentou no Facebook, postando fotos: "O descaso com a qualidade do serviço ‘tapa buraco’ é público, visível e notório! O que é preciso para que os responsáveis tomem as providências cabíveis? Essas fotos tirei recentemente em um dos muitos bairros de Dourados! Por que não me contive! O caminhão passa, jogam a massa lá de cima mesmo e o cidadão compacta ao passar com o seu carro! É mole ou quer mais?"

##### Teimoso


O governador Reinaldo Azambuja (PSDB) afirmou vai manter a taxa de vistoria veicular para fins de licenciamento mesmo depois do  Departamento Nacional de Trânsito (Denatran) se posicionar contrário à taxa. A Portaria 32/2014, que estabelece a obrigatoriedade de vistoria anual para fins de licenciamento aos veículos com mais de cinco anos, é herança do governo André Puccinelli (PMDB) e foi mantida por Reinaldo Azambuja (PSDB). Azambuja foi enfático: "Não concordamos. Tem decisão judicial favorável ao Estado e vamos continuar nesta pauta", disse Azambuja ao jornal Midiamax.

##### Pau de galinheiro


Sobre a Câmara de Campo Grande – que o cassou, o prefeito Alcides Bernal (PP) não poderia ser mais direto sobre os vereadores de oposição: "Criam problemas, leis inconstitucionais, geram despesas, factóides, travam a cidade, envergonham nosso povo... Homofobia, xenofobia, crimes contra a honra, organização criminosa, corrupção, pedofilia, etc. Tudo isso é o que esses vereadores fazem."

##### Cala boca


A Prefeitura de São Paulo proibiu a Federação das Indústrias do Estado de São Paulo(Fiesp) de projetar a bandeira nacional no painel digital da sua sede, na av. Paulista. A decisão foi tomada por meio da Comissão de Proteção à Paisagem Urbana. , que entendeu que a exibição fere a Lei Cidade Limpa, já que o seu uso é feito com cunho político. No último mês de abril a gestão de Fernando Haddad já havia proibido a Fiesp de exibir frases como "Fora, Dilma" e "Impeachment Já". São Paulo é administrada por Fernando Haddad (PT).

##### Sem solução


Professor aposentado, ex-vereador e ex-deputado estadual Sultan Rasslan, hoje chacareiro ao lado da reserva indígena, comentou que "tenho ouvido reclamações das multas sofridas no trânsito, principalmente por idosos que não encontram as chamadas vagas especiais obrigatórias... Muita multa... Como nos poderemos multar os senhores do governo municipal. estadual ou federal pelos buracos e abandono total das ruas e estradas?"

##### Devagar


Para onde foram as pré-candidaturas a prefeito de Damião Duque de Farias (PT), Elízio Brites (Pros), Ênio Ribeiro (Psol), Marcelo Mourão (PRP), e Vanderlei Carneiro (PP)? Enquanto a de Geraldo Resende (PSDB), Délia Razuk (PR) e Renato Câmara (PMDB) vão a passos largos, as demais parecem patinar pela falta de "barulho" em torno dos seus nomes. Em tempo: Dourados tem   152.169 eleitores inscritos, segundo o TRE.


### BATE REBATE


A tenente-coronel PM, Itamara Nogueira, acusada de matar o marido, o major PM Valdeni Nogueira, no dia 12, em Campo Grande, será julgada pela Justiça Comum, segundo decisão da Auditoria Militar. A Justiça converteu a prisão em flagrante em preventiva. Itamara continua no Presídio Militar.

O físico Adléne Hicheur, professor da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), condenado por terrorismo na França foi deportado do Brasil na sexta-feira.

Comentário do juiz federal Roberto Veloso. "Eu vejo a atuação do dr. Sérgio Moro como exemplar, porque ele se preparou primeiro para essa atividade. Cerca de 96% das decisões deles foram confirmadas pelas Cortes superiores".

A política sorrateira de trocar dirigentes de órgãos estaduais corre solta por Dourados. Meritocracia nesta hora não conta. O que vale é o "padrinho".


### INFORME CURURU


A tenente-coronel PM, Itamara Nogueira, acusada de matar o marido, o major PM Valdeni Nogueira, no dia 12, em Campo Grande, será julgada pela Justiça Comum, segundo decisão da Auditoria Militar. A Justiça converteu a prisão em flagrante em preventiva. Itamara continua no Presídio Militar.

O físico Adléne Hicheur, professor da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), condenado por terrorismo na França foi deportado do Brasil na sexta-feira.

Comentário do juiz federal Roberto Veloso. "Eu vejo a atuação do dr. Sérgio Moro como exemplar, porque ele se preparou primeiro para essa atividade. Cerca de 96% das decisões deles foram confirmadas pelas Cortes superiores".

A política sorrateira de trocar dirigentes de órgãos estaduais corre solta por Dourados. Meritocracia nesta hora não conta. O que vale é o "padrinho".

Deixe seu Comentário