Dourados – MS terça, 29 de setembro de 2020
Dourados
37º max
21º min
Informe C

Para melhorar, uma segunda unidade

16 Jun 2016 - 06h00
Para melhorar, uma segunda unidade -
É unanimidade entre os usuários do SUS, que o futuro prefeito de Dourados, que será empossado no dia 1º de janeiro de 2017, terá que por no seu planejamento a implantação de uma segunda UPA(Unidade de Pronto Atendimento). Isso porque a atual está sobrecarregada e a espera é longa, e às vezes dolorosa, dos pacientes em busca de atendimento mais especializado. Funcionando como um mini-hospital, a UPA da Rua Coronel Ponciano funciona 24 horas, mas a demanda é muito maior do que sua capacidade. Em Campo Grande, por exemplo, são três unidades dessas, que também estão sobrecarregadas. Mas, Dourados, por ser polo regional, precisa ampliar esse tipo de serviço para dar assistência mais rápida, mesmo que o custo da manutenção da UPA seja alto.


##### Esquentando


Com o retorno das investigações do ex-presidente Lula para o juiz Sergio Moro, decidido pelo ministro Teori Zavascki, do STF, a força-tarefa da Lava Jato finaliza um pacote de até três denúncias envolvendo o ‘petrolão’ contra Lula, segundo a revista Época. O MPF afirma possuir provas para denunciar Lula por corrupção passiva e lavagem de dinheiro, por favores recebidos da Odebrecht e OAS e do pecuarista José Carlos Bumlai, pelo sítio em Atibaia, pela mudança de Brasília para o sítio em Atibaia e pelo apartamento do Guarujá.

##### Contrários


Contrato com Sanesul pode ser prorrogado por até 30 anos. Essa pergunta da enquete do jornal eletrônico Douradosagora. Você é... contra, 69,29%; A favor,  15,71%; Ainda não tenho opinião formada, 5,71%; Isso não me diz respeito. 5%; e 4,29%, Não sei. Recorda-se que durante a administração do prefeito Humberto Teixeira (1993-1996) esse mesmo assunto foi tratado pela Câmara de Dourados.

##### Sinuca de bico


Mais do que anunciado o conflito entre produtores rurais e indígenas em Caarapó, situação que pode se estender para municípios vizinhos, já que a Funai, antes da presidente Dilma ser afastada, declarou ser terra de índio milhares de hectares na região. Ainda na terça feira à noite, os senadores Waldemir Moka, Simone Tebet e Pedro Chaves estiveram com o ministro da Justiça, Alexandre de Morais tratando do episódio e pedindo medidas para evitar o agravamento da situação. Os indígenas avaliam que as terras são suas e os fazendeiros querem garantir o direito a propriedade.

##### Solução


Os senadores pediram ao ministro apoio para a Proposta de Emenda à Constituição 71/2011, que determina que a União indenize os que detêm títulos dominiais, em terras declaradas indígenas, expedidos até 5 de outubro de 1988, data da promulgação da Constituição Federal. A PEC também prevê o pagamento pelas benfeitorias sobre as terras, tendo, já, sido aprovada pelo Senado, estando na Câmara dos Deputados.

##### A causa


O advogado Gervásio Oliveira, que representa a família Amado, proprietária da Fazenda Yvu, onde ocorreu o conflito em Caarapó, atribui a situação as ações "irresponsáveis" do governo federal. Segundo Gervásio, proprietário e índios viviam harmoniosamente até que um mês atrás a Funai promulgou o relatório de identificação e delimitação da Terra Indígena Dourados Amambaipeguá I, abrangendo fazendas em Amambai, Caarapó e Laguna Carapã, declarando a área de 55.590 hectares como tradicionalmente dos guaranis caiuás.

##### Só aumenta


A Secretaria de Saúde do Estado confirmou anteontem 11 novas mortes por H1N1, que somando aos óbitos da semana anterior totalizam 54 mortes em Mato Grosso do Sul. Até o aquele dia, 53 pessoas morreram pelo vírus H1N1 e uma pelo vírus influenza B, sendo dois em Dourados.


### BATE REBATE


Os ministros do Tribunal de Contas da União (TCU) iniciaram ontem a discussão sobre as contas do governo Dilma Rousseff de 2015. 

Uma denúncia do MPE, feita ainda em 2014, tornou réus em uma ação de improbidade administrativa o ex-governador André Puccinelli e o então comandante da Polícia Militar, coronel David. Os dois, às vésperas das eleições, quando David era candidato à Assembleia, teriam feito promoções de PM’s de forma irregular.

A aprovação do pedido de cassação do deputado afastado Eduardo Cunha (PMDB-RJ) no Conselho de Ética ampliou o clima de cautela no Palácio do Planalto. Interlocutores de Michel Temer tentam reforçar o discurso de que o tema pertence ao Legislativo, mas admitem que há receio do "poder explosivo" de Cunha.

Emblemáticas as lesões nas costas de três policiais militares agredidos a pauladas por índios em Caarapó. Se a equipe fosse reagir ao ato...

### INFORME CURURU


Esse frio era esperado para o inverno. Ou seja, o Brasil consegue bagunçar até as estações do ano.

Deixe seu Comentário

Leia Também

“Festival Mba’e Porã” em prol dos Guarani e Kaiowá começa nesta sexta-feira (7)
Cultura solidária

“Festival Mba’e Porã” em prol dos Guarani e Kaiowá começa nesta sexta-feira (7)

07/08/2020 09:15
“Festival Mba’e Porã” em prol dos Guarani e Kaiowá começa nesta sexta-feira (7)
Últimas Notícias