Dourados – MS quinta, 09 de julho de 2020
Dourados
20º max
min
Feiras

Nada está definido ainda

06 Jan 2016 - 11h20
Nada está definido ainda -
Pelas conversas políticas de fim de ano em Dourados, quando os tragos a mais aumentaram e “abriram” a cabeça de alguns, tem muita água para passar por debaixo da ponte política. A eleição para prefeito esse ano tem despertado a ambição de lideranças e dirigentes partidários, por isso tudo pode acontecer. E pré-candidatos ditos como certos podem recuar e passar a apoiar outro nome para a cadeira de Zauith. Desde o ano passado, que nomes tem sido ventilados para concorrer à Prefeitura. Uns não resistiram a alguns dias de avaliação e outros ainda persistem. Mas como historicamente em Dourados a escolha dos candidatos a prefeito tem sido uma caixinha de surpresa, nada a estranhar se o quadro político mudar até junho, data das convenções partidárias.


##### Alívio


A Câmara de Campo Grande devolveu R$ 10,2 milhões à Prefeitura, dinheiro que sobrou do duodécimo, uma parte da arrecadação que é enviada para sustentar os vereadores e a estrutura do Legislativo. O prefeito Alcides Bernal (PP) disse que o dinheiro tem destino certo: o pagamento do salário dos servidores que vem ocorrendo parceladamente desde setembro e será realizado em duas, ao invés de quatro parcelas. 


##### Fique esperto


Desde o dia 1° de janeiro, o motorista que estacionar em vagas preferenciais para idosos e deficientes físicos poderá ser autuado por infração grave, pagar uma multa de R$ 127,69, ter cinco pontos a menos na carteira de habilitação e ainda ter o veículo removido ao pátio do Detran caso se recuse e tirá-lo da vaga. Fica o alerta para os folgados de Dourados que são useiros e vezeiros de parar o carro nas vagas especiais.


##### Estragos


O governador Reinaldo Azambuja (PSDB) informou que 31 pontes passam por avaliação de técnicos da Agesul e que os recursos disponíveis para os reparos são de R$ 115 milhões. O valor foi solicitado pelo Estado à Secretaria Nacional de Proteção e Defesa Civil em dezembro, quando boa parte dos 22 municípios que decretaram situação de emergência pelas chuvas já enfrentavam problemas em estradas e pontes.


##### Variação


O Fórum dos Servidores Estaduais prevê reunir-se entre amanhã e sexta feira, para avaliar os pagamentos errados que o governo do Estado efetuou principalmente com o 13º salário. O fórum reúne em torno de 40 sindicatos. A reclamação é que houve funcionários que receberam a menos, enquanto outros ganharam a mais. O secretário-adjunto de Administração e Desburocratização, Édio de Souza Viégas, explicou que as diferenças foram por conta de ajustes realizados na média do salário. 


##### Oportunidades


O Instituto Federal de Mato Grosso do Sul (IFMS) vai oferecer, por meio do Sisu (Sistema de Seleção Unificada), 640 vagas em oito municípios para cursos de graduação. Serão sete opções de cursos superiores de Tecnologia em Agronegócio, Alimentos, Análise e Desenvolvimento de Sistemas, Automação Industrial, Processos Metalúrgicos, Produção de Grãos e Sistemas para Internet, bacharelado em Agronomia e licenciatura em Química. O IFMS em Dourados ainda não foi concluído. As vagas serão para Aquidauana, Campo Grande, Corumbá, Coxim, Nova Andradina, Ponta Porã, Três Lagoas e Naviraí. As inscrições devem ser feitas entre 11 e 14 de janeiro, pela página do Sisu.


##### Esperança


Famílias de Mato Grosso do Sul tentam na Justiça ter acesso ao medicamento, o canadibiol, feito à base de maconha. O uso já foi autorizado pelas autoridades brasileiras, mas o remédio ainda não tem o aval da Anvisa, por isso a necessidade de buscá-lo pela via jurídica, citou o Campo Grande News.


### BATE REBATE


O Hospital Universitário da Grande Dourados (UFGD) e o HU da UFMS receberão do Ministério da Saúde, recurso de R$ 761.080 cada um.

O ministro da Saúde, Marcelo Castro, e o governador Reinaldo Azambuja (PSDB), assinam, nesta quinta-feira, a licitação para a conclusão do Hospital do Trauma, em Campo Grande, um investimento conjunto de R$ 6 milhões. A previsão é da obra – iniciada há 22 anos, ficar pronta no fim do ano.

Na segunda-feira, um cabo de alta tensão caiu sobre um veículo em Paranaíba. O casal permaneceu no carro, evitando ser atingido pela descarga elétrica. Na noite de domingo, quatro pessoas da mesma família morreram em situação parecida em São Gonçalo (RJ).

O governador Reinaldo Azambuja (PSDB) vai manter a alíquota de ICMS do diesel em 17%, depois de tê-la reduzido para 12%. Segundo ele, alguns empresários contribuíram para a redução do preço e aumento do consumo. Desta maneira, estuda um jeito de dar incentivo individual a eles.


### INFORME CURURU


Como diz o cara “mala”: cansei de ser chato. Em 2016, serei insuportável...

Deixe seu Comentário