Dourados – MS sexta, 05 de março de 2021
Dourados
30º max
21º min
Influx
Cultura

Bonito Blues & Jazz Festival na capital do ecoturismo de MS

Evento está na 7ª edição e acontece desde 2013 em Bonito, pela iniciativa privada com apoio do Governo do Estado e da Prefeitura

07 Dez 2020 - 11h09
Bonito Blues & Jazz Festival na capital do ecoturismo de MS - Crédito: Divulgação Crédito: Divulgação

A Capital do ecoturismo de Mato Grosso do Sul vai sediar o Bonito Blues & Jazz Festival, nos dias 17, 18 e 19 de dezembro. O evento está na 7ª edição e acontece desde 2013 em Bonito, pela iniciativa privada com apoio do Governo do Estado e da Prefeitura. O  objetivo de aliar turismo, lazer e boa música. Bonito se transforma na capital do Blues & Jazz do MS nesses 3 dias que congregam a boa música com as belezas das águas cristalinas do rio Formoso e outros da região.

A primeira noite do Festival, quinta-feira, (17), terá a abertura com música da mais alta qualidade do Murilo Martinez Trio, de Três Lagoas (MS), violonista instrumental, tocou em diversos festivais no Brasil e turnês na Europa. Com Lucas Medina na bateria e Edgar Henrique no baixo, as composições de Murilo Martinez exploram diferentes instrumentos de várias culturas do mundo e remete a um universo musical que é característico do artista: a singularidade e a força das suas raízes regionais.

Na sequência teremos o Quarteto Colato, formado pelo músico Guto Colato, violão, guitarra e bandolim, acompanhado por Alvani Calheiros no  trompete, flugellhorn e scaleta, Luiz Pacheco no contrabaixo e Marcus Loyola na bateria. O quarteto traz em seu repertório clássicos de vários ritmos da música brasileira, além de releituras da música regional sul-matogrossense, com arranjos dançantes influenciados pelo Jazz e o Pop contemporâneo.

Pra fechar a primeira noite haverá a atração que abriu o primeiro Bonito Blues & Jazz Festival em 2013, trata-se do multiinstrumentista Miguelito, pioneiro do rock’n roll, blues e jazz no MS, onde atua desde o iníco dos anos 60’s, que desta vez, na bateria, estará acompanhado do duo Blueasy que tem Flávio Mota no baixo e William Nogueira na guitarra, tendo Miguelito na bateria

Na segunda noite o Bonito Blues & Jazz Festival apresenta a banda A Arca, formada pelo bonitense Gabriel Noah, nos vocais e guitarra, Eduardo Gimenez na guitarra solo, Ernani de Almeida, bateria e Thayson Gimenez no contra-baixo. A Arca mostrará a força do rock’n roll com uma pegada blueseira, mostrando a jovialidade desses músicos que abrilhantam a noite campograndense por onde tocam.

Dando sequência na noite haverá a apresentação da banda Capivaras Voadoras, de Dourados,  fazendo um blues-rock pantaneiro, formada pelos músicos Fernando Garcia, voz e guitarra, Douglas Woncharte no baixo e João Gabriel na bateria. A banda finca suas raízes em influências clássicas do Blues, do Rock e da música regional Sul-Matogrossense, sem deixar de imprimir personalidade às suas composições, por meio de uma sonoridade contemporânea.

Encerrando a segunda noite teremos a apresentação de Rick Bergamo & Renato Mendes, já tradicionais nas noites blueseiras do MS. Renato Mendes é guitarrista, cantor e produtor que participou do primeiro Bonito Blues com a Mr. Willie Band. Rick Bergamo faz parte de uma nova geração de gaitistas do blues nacional. O repertório da dupla é bem variado, eles tocam o blues tradicional, passam pelo Soul, encontram-se com o Jump Blues e finalizam com pitadas de Rock n Roll. A dupla terá a companhia dos músicos João Carlos, no contrabaixo e Jonathan Marques Gonçalves na bateria.

Abrindo a última noite do 7º Bonito Blues & Jazz Festival haverá apresentação do “bar que virou banda”, a BarGanha’s Band que apresentará o melhor do Blues do MS com tributo a Renato Fernandes, José Boaventura grandes compositores do estado. A formação da BarGanha’s Band é Rahyran Chama, no vocal,  Marciano Medeiros, saxofone, Dhiego Barbosa, bateria, Leonardo Macanhão na guitarra e Jucelino Matias, no baixo.

O encerramento da edição conta com apresentação do músico norte-americano, Dave Bratcher, natural de South Carolina. Iniciou musicalmente muito jovem tocando bateria, depois passando a tocar guitarra em grupos nos anos 60s e 70s. Trabalhou como road manager para bandas como PowerPlay, Choice e Sandcastle e acompanhou o conceituadíssimo grupo inglês Yes. Começou a compor suas próprias canções no início dos anos 2000 e seu estilo musical vai de A a Z, como blues, country e bluegrass.

Em Bonito, Dave estará acompanhado de Renan Oliveira, nos teclados, Juliano Vieira na guitarra, Fabiano silva na bateria e Igor Melo no baixo. O Festival estimula o turismo na baixa temporada, gerando empregos e incrementando a economia de Bonito conforme demonstra o Relatório Pesquisa do Observatório de Turismo do Mato Grosso do Sul, referente à 6ª edição, o evento teve um percentual de 79,57% de turistas presentes com a sua maioria (41,9%) permanecendo na cidade durante os 3 dias do festival e 33% dos entrevistados responderam que o Bonito Blues & Jazz Festival foi o motivo da viagem à Bonito. 

Bonito Blues & Jazz Festival é uma promoção do Instituto Internacional Visão de Vida com apoio do Governo do Estado do Mato Grosso do Sul, através da FCMS-Fundação de Cultura do MS da FundTur-Fundação de Turismo do MS, BonitoNet, Arborismo Ybirá Pe, Clan Bier e mídia partners com Bonito FM, TVMS, Record TV e Rádio e TV Educativa.

A realização está a cargo das empresas La Paloma Eventos e Bolt Produções e conta, também, com o apoio da Prefeitura Municipal de Bonito. Esta edição seguirá o protocolo de biossegurança com distanciamento, fornecimento de álcool gel e máscaras faciais para aqueles que necessitarem, e todos os colaboradores estão com EPIs.

Atendendo ao decreto municipal Nº 266/2020, de 23 de novembro de 2020, o horário das apresentações será das 19h às 23h30 em respeito ao toque de recolher que tem início às 24h.

Serviço

7º Bonito Blues & Jazz Festival

Data: 17, 18 e 19 de dez. de 2020

Horário: das 19:00 h às 23:30 h

Local: CMU-Centro de Múltiplo Uso

End.: R: 24 de fevereiro, s/n - Bonito

Informações: 99868-3373

Ingresso: R$ 30,00 por noite

Ponto de Venda: bilheteria do evento

Deixe seu Comentário

Leia Também

Rock in Rio é adiado para setembro de 2022
Festival

Rock in Rio é adiado para setembro de 2022

05/03/2021 08:46
Rock in Rio é adiado para setembro de 2022
Dia Nacional da Música Clássica celebra o legado de Villa-Lobos
Cultura

Dia Nacional da Música Clássica celebra o legado de Villa-Lobos

05/03/2021 08:44
Dia Nacional da Música Clássica celebra o legado de Villa-Lobos
Grupo "Nóis Num Liga", do Miguelzinho, surgiu em 83
Memórias

Grupo "Nóis Num Liga", do Miguelzinho, surgiu em 83

21/02/2021 17:02
Grupo "Nóis Num Liga", do Miguelzinho, surgiu em 83
Artistas de MS se consagram na música instrumental
Cultura

Artistas de MS se consagram na música instrumental

20/02/2021 16:33
Artistas de MS se consagram na música instrumental
Curso debate formas literárias em prosa e verso
Cultura

Curso debate formas literárias em prosa e verso

15/02/2021 16:52
Curso debate formas literárias em prosa e verso
Últimas Notícias