Dourados – MS sábado, 21 de maio de 2022
São Paulo
23º max
11º min
Cotidiano

MS institui Pacto para Enfrentamento à Violência contra as Mulheres

A iniciativa deverá garantir e proteger os direitos humanos das mulheres e meninas em situação de violência

08 Mar 2022 - 20h00Por Paulo Fernandes, Subcom
Governador assinou nesta terça-feira diversos atos em comemoração do Dia Internacional da Mulher - Crédito: Chico RibeiroGovernador assinou nesta terça-feira diversos atos em comemoração do Dia Internacional da Mulher - Crédito: Chico Ribeiro

Para prevenir, enfrentar e tentar erradicar todas as formas de violência contra a mulher em Mato Grosso do Sul, o governo instituiu um pacto. De autoria do governador Reinaldo Azambuja e do secretário de Estado de Cidadania e Cultura, João Cesar Matto Grosso, o Pacto Estadual pelo Enfrentamento à Violência contra as Mulheres será implementado mediante ação coordenada e integrada entre órgãos estaduais governamentais e órgãos do sistema de justiça, não governamentais e da sociedade civil organizada. 

"A grande importância de todo esse trabalho de políticas públicas de enfrentamento à intolerância, homofobia e descriminação é muito da conscientização de todos nós. Cabe ao setor público, e estamos fazendo a nossa parte com decretos, estímulo às mulheres, fortalecimento do CEAM (Centro Especializado de Atendimento à Mulher), abertura de salas lilás e quase triplicando número de coordenadorias das mulher, mas mais do que isso: é uma conscientização de todos nós da sociedade, de enfrentar intolerância, discriminação e violência", afirmou o governador. 

Conforme o decreto assinado nesta terça-feira (8), na Governadoria, em evento alusivo ao Dia Internacional da Mulher, o Pacto contará com a atuação intersetorial e transversal das políticas públicas com o objetivo de promover uma mudança cultural, a partir da disseminação de atitudes inclusivas de igualdade, da prática de valores éticos, de irrestrito respeito às diversidade e da valorização da cultura da paz. A articulação das ações será de atribuição da Subsecretaria de Políticas Pública para as Mulheres. 

Na solenidade de assinatura, a subsecretária Luciana Azambuja, da SPPM (Subsecretaria de Políticas Públicas para Mulheres), falou sobre a iniciativa: "destaco o ‘Pacto Estadual pelo Enfrentamento à Violência contra as Mulheres’ fazendo o registro para que nesse dia a gente reflita sobre a importância do papel da mulher na sociedade atual e sobre as desigualdades de gênero ainda existentes”, pontuou.

O Pacto define cinco eixos: prevenção, sensibilização e conscientização da sociedade para o fim da violência de gênero; atendimento, ampliação e fortalecimento da rede de atendimento à mulher em situação de violência; formação e capacitação continuada e permanente para profissionais que atuam na rede de atendimento às mulheres em situação de violência; garantia de direitos e acesso à justiça; e governança na perspectiva de gênero.

A iniciativa deverá garantir e proteger os direitos humanos das mulheres e meninas em situação de violência, considerando as questões raciais, étnicas, geracionais, de orientação sexual, de identidade de gênero, de deficiência e de inserção social, econômica, regional e de fronteira.

As diretrizes incluem a constituição, promoção e fortalecimento de práticas inovadoras de enfrentamento à violência contra a mulher, construção de políticas públicas para a superação das desigualdades e promoção de atendimento humanizado e qualificado às mulheres nas suas diversidades étnicas, raciais, geracionais, territoriais, de orientação sexual e de identidade de gênero em situação de violência.

Também fazem parte das diretrizes: o fortalecimento, reestruturação e ampliação dos serviços da rede de atendimento à mulher em situação da violência e a construção da igualdade de gênero e do empoderamento das mulheres e das meninas.

Ainda participaram da cerimônia alusiva ao Dia Internacional da Mulher, com entrega de investimentos e lançamento de ações, a primeira-dama do Estado, Fátima Azambuja; o secretário Eduardo Rocha (Governo e Gestão Estratégica); a deputada federal Bia Cavassa; os deputados estaduais Paulo Corrêa (presidente da Assembleia Legislativa) e Paulo Duarte; a procuradora-geral do Estado, Fabíola Marquetti Sanches Rahim; a procuradora e consultora legislativa, Ana Carolina Ali; e o delegado-geral da Polícia Civil, Roberto Gurgel Filho, além de vereadoras e representantes dos 18 municípios contemplados com as entregas.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Curso formará profissionais para implantação do projeto Dar à Luz
Direitos humanos

Curso formará profissionais para implantação do projeto Dar à Luz

há 2 minutos atrás
Curso formará profissionais para implantação do projeto Dar à Luz
Crianças acolhidas confeccionam álbum registrando suas histórias em projeto do TJMS
Direitos humanos

Crianças acolhidas confeccionam álbum registrando suas histórias em projeto do TJMS

há 17 minutos atrás
Crianças acolhidas confeccionam álbum registrando suas histórias em projeto do TJMS
Edital
Edital

Edital

21/05/2022 08:00
Edital
Dourados promove V Semana Municipal da Adoção
Direitos humanos

Dourados promove V Semana Municipal da Adoção

21/05/2022 07:45
Dourados promove V Semana Municipal da Adoção
Sábado segue com temperaturas baixas, mas sem previsão de chuva no Estado
Meteorologia

Sábado segue com temperaturas baixas, mas sem previsão de chuva no Estado

21/05/2022 07:15
Sábado segue com temperaturas baixas, mas sem previsão de chuva no Estado
Últimas Notícias