Dourados – MS sábado, 26 de setembro de 2020
Dourados
38º max
21º min
Famasul

Produtor deve ficar atento ao prazo da proibição de queimada controlada

04 Ago 2016 - 07h58
O produtor rural de MS está proibido de realizar a queimada controlada desde o dia primeiro de agosto. - Crédito: Foto: DivulgaçãoO produtor rural de MS está proibido de realizar a queimada controlada desde o dia primeiro de agosto. - Crédito: Foto: Divulgação
O produtor rural de Mato Grosso do Sul está proibido de realizar a queimada controlada desde o dia primeiro de agosto. O alerta do Sistema Famasul – Federação da Agricultura e Pecuária de MS é para que o prazo, que finaliza em setembro para a região do Planalto e em outubro para o Pantanal, seja respeitado pelo setor produtivo.

De acordo com a resolução conjunta da Semade – Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Desenvolvimento Econômico e do Ibama – Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais, existem quatro exceções em relação a essa proibição.

A primeira exceção refere-se à queima de canaviais, permitida por ser um método despalhador e facilitador de corte de cana-de-açúcar em unidade agroindustrial; a segunda trata-se da queima da palhada resultante da colheita mecanizada de sementes. Está fora da proibição também os cursos de capacitação promovidos sobre o tema, referente a membros do Comitê de Prevenção e Combate aos Incêndios Florestais.

A quarta exceção, destacada pela consultora técnica do Sistema Famasul, Daniele Coelho, está relacionada à queima controlada de restos de agropastoris como método de manejo e controle fitossanitário e de vetores. "Fora esses quatro tipos de casos citados, a nossa orientação é para que o produtor respeite este prazo, ainda mais considerando que, neste período, em que a estiagem é maior, os efeitos da queimada são alarmantes e afetam a produção e a qualidade de vida", reforça Daniele

O tema foi debatido nesta terça-feira (02) durante uma reunião entre representantes das instituições citadas, do Imasul - Instituto de Meio Ambiente de Mato Grosso do Sul, da Reflore - Associação Sul-Mato-Grossense de Produtores e Consumidores de Florestas Plantadas, da Biosul - Associação dos Produtores de Bioenergia do Mato Grosso do Sul, da Polícia Militar Ambiental e do Corpo de Bombeiros.

Famasul

O Sistema Famasul (Federação da Agricultura e Pecuária de MS) é um conjunto de entidades que dão suporte para o desenvolvimento sustentável do agronegócio e representam os interesses dos produtores rurais de Mato Grosso do Sul. É formado pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar), Fundação Educacional para o Desenvolvimento Rural (Funar), Associação dos Produtores de Soja (Aprosoja/MS) e pelos sindicatos rurais do Estado.

O Sistema Famasul é uma das 27 entidades sindicais que integram a Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA). Como representante do homem do campo, põe seu corpo técnico a serviço da competitividade da agropecuária, da segurança jurídica e da valorização do homem do campo. O produtor rural sustenta a cadeia do agronegócio, respondendo diretamente por 17% do PIB sul-mato-grossense.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Veterinários do CRAS já trataram 17 animais vítimas das queimadas em MS
Meio Ambiente

Veterinários do CRAS já trataram 17 animais vítimas das queimadas em MS

26/09/2020 10:02
Veterinários do CRAS já trataram 17 animais vítimas das queimadas em MS
Ar seco se espalha e calorão volta, com baixa umidade do ar
Dourados

Ar seco se espalha e calorão volta, com baixa umidade do ar

26/09/2020 07:37
Ar seco se espalha e calorão volta, com baixa umidade do ar
Com provas suficientes, PF poderá indiciar fazendeiros por queimadas no Pantanal
Queimadas

Com provas suficientes, PF poderá indiciar fazendeiros por queimadas no Pantanal

25/09/2020 15:43
Com provas suficientes, PF poderá indiciar fazendeiros por queimadas no Pantanal
Mais de 50 homens vão reforçar trabalhos de combate aos focos de calor no Amolar
Queimadas

Mais de 50 homens vão reforçar trabalhos de combate aos focos de calor no Amolar

25/09/2020 15:31
Mais de 50 homens vão reforçar trabalhos de combate aos focos de calor no Amolar
Em dez dias, 17 animais silvestres receberam atendimento da equipe do CRAS da Capital
Queimadas

Em dez dias, 17 animais silvestres receberam atendimento da equipe do CRAS da Capital

24/09/2020 11:01
Em dez dias, 17 animais silvestres receberam atendimento da equipe do CRAS da Capital
Últimas Notícias